História My BadBoy (Imagine Park Jimin) - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtanboys(bts), Jimin
Visualizações 61
Palavras 2.899
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pessoas

Bem, eu disse q iria demorar pra postar por causa da minha internet, mas n me segurei. Consegui um Wifi tô postando, e ainda consegui editar(eu acho)

Não sei se o capítulo tá bom,(acho que detalhei muita coisa desnecessária)mas deu isso então espero que gostem

Boa leitura(^^)

Capítulo 23 - SUGA!?


Agora eu vou deixa-la ser feliz com ele, desisti dela. Porque óbvio, já tem alguém que ela ama e que eu espero que possa cuidar dela. Então não faz sentido continuar insistindo.

//YOONGI ON//


Após tomar o meu café da manhã, resolvi que hoje seria o dia em que eu iria falar com os pais da S/N. Nesse sábado antes do almoço. Por volta de umas 11:30 da manhã, já me encontrava na porta da casa de seus pais, que logo foi aberta revelevando uma Sra.S/S (seu sobrenome) sorridente.

Mãe(S/N): Olá Yoongi, quer entrar - sempre a boa e educada senhora S/S

Eu: Desculpe incomoda-lá a essa hora - falei entrando em sua casa

Mãe(S/N): Você já é de casa, fique a vontade - apontou para o sofá pedindo pra que eu me sentasse e assim fiz. Sempre agradeci pelos pais da S/N não terem ficado com raiva ou algo assim por eu não ter ido com ela. Eles sempre apoiaram o nosso relacionamento, nunca tivemos problemas em questão de seus pais.

Eu: Bom, seu marido está??

Mãe(S/N): Não, hoje ele só foi resolver alguns assuntos pendentes da empresa sabe, aquela coisa toda, como ele vai estar de férias por algumas semanas, tem que verificar tudo - sorriu

Eu: Oh sim, entendo

Mãe(S/N): Faz um tempo que você não vem aqui em casa, precisa de alguma coisa??

Eu: Na verdade preciso sim. Essa semana eu sai de férias, e bem, vou visitar os meus pais, que como a senhora sabe moram na Coréia

Mãe(S/N): Oh que bom Yoongi, ja faz um tempo que você não os vê, aproveite

Eu: Sim - sorri, mas logo voltei a minha expressão séria, quando me lembrei que também tentarei visitar S/N - Mas o que eu preciso mesmo.. - cocei a nuca, sinal de que estou nervoso - É.. saber onde a sua filha está, em que cidade da Coréia ela está morando, eu preciso vê-la

Mãe(S/N): Como você bem sabe, eu apoio e sempre apoiei a relação de vocês Yoongi, acho até hoje que vocês dois ainda vão se resolver - suspirei aliviado, e a vi sorrir - Ela está morando em Seoul, e parece estar bem por lá, apesar de ela ter esquecido que os pais dela existem, sempre entramos em contato com a escola pra saber dela

Eu: Nossa, ela não fala mais com vocês??

Mãe(S/N): Não, mas é por causa dos estudos e ela sempre manda alguma mensagem dizendo que está bem, isso já é o suficiente pra nós

Eu: Ah entendi - sorri sem graça - A senhora poderia me dizer em que parte de Seoul ela está??

Mãe(S/N): Posso te informar o bairro em que ela está, assim fica mais fácil pra acha-lá - ela se levantou pegando seu celular e pareceu verificar algo - Ela está morando em Hongdae. Procure por ela nesse bairro, ele é enorme, não é muito difícil de se encontrar pela cidade - logo anotei o nome do lugar

Eu: Muito obrigada Sra. (S/S) - me levantei com um sorriso enorme no rosto

Mãe(S/N): Não foi nada Yoongi, sempre que precisar de algo estaremos aqui - agradeci mais uma vez - Daqui a alguns dias também vamos visitar a nossa filha, só vamos aproveitar um pouco em outro lugar, depois iremos direto pra lá

Eu: Que bom, quem sabe não nos encontramos - fui até a porta sendo acompanhado por ela

Mãe(S/N): Espero que sim - abriu a porta, e se despediu de mim.

Fui pra minha casa igual a um idiota que não parava de sorrir. Mal posso esperar pra encontrá-la. Espero que de tudo certo. Tratei de logo procurar uma passagem para Seoul, já que a passagem para Daegu já estava comprada, e logo encontrei. Ficarei duas semanas com a minha família e depois irei para Seoul. Já está tudo resolvido. Hora de arrumar as malas.

...


Como meu vôo estava marcado apenas para as 6:00 da manhã de domingo, não tive muita pressa com nada, até avisei a mãe da S/N que eu veria ela logo, a mesma me desejou boa sorte pois sabia das minhas intenções, e assim voltei a minha casa, arrumando tudo.

...


Duas semanas com a minha família eu já havia passado, foi bom rever meus pais depois de alguns anos, e ver que eles sentiam orgulho pela vida que eu construí no Brasil. Vi meus tios, amigos de infância, e meus primos que eram meus melhores amigos na minha adolescência.

Embora eu esteja bem feliz, essa felicidade pode ir embora a qualquer instante. Qualquer atitude de S/N, ou até mesmo uma palavra pode me destruir. Mas estou disposto a correr esse risco.

Me encontro no aeroporto de Daegu com meus pais, aguardando meu vôo para Seoul, que saí em quinze minutos.

//JIMIN ON//


Quando cheguei em casa, tudo estava em silêncio, S/N não estava na parte de baixo, então subi indo pro quarto dela

S/N: BUUH!! - ela me deu um susto saindo de trás da porta - Aah te peguei

Eu: Menina você quer me matar do co... - ao olhar pra ela percebi que a mesma estava somente de calcinha e sutiã - Opa meu amor, tudo isso é pra mim?? - a abracei, beijando seu pescoço

S/N: Jimin eu acabei de sair do banho - bateu em meu peito se soltando dos meus braços - Ouvi você chegando e tive a brilhante ideia de te assustar - riu indo até o guarda-roupas

Eu: Me assustar desse jeito?! - fui até ela, a abraçando por trás - Então pode me assustar todos os dias meu amor - se virou pra mim

S/N: Como você é safado Jiminnie - me deu um beijo demorado - E eu gosto assim

Fomos andando até a cama, eu deitei primeiro, ela se pos em cima de mim, começando a me beijar, passei a mão por seus seios ainda cobertos pelo sutiã, descendo até sua bunda dando um leve aperto na mesma, ela parou o beijo e se sentou em meu colo, me encarando

S/N: Beijo não resume em transa Jiminnie

E assim ela saiu do meu colo, me deixando ali passando vontade. Que maldade isso. Eu não mereço ser tratado assim. Ela logo pegou um moletom e vestiu ficando apenas com ele, eu continuei deitado encarando a situação. S/N veio em minha direção e me deu um beijo, calmo e carinhoso.

S/N: Não fica bravo comigo, eu só não tô a fim hoje - fez uma carinha fofa. Como não perdoar isso meu Deus.

Eu: Eu te perdoou sim, mas só porque eu acabei de chegar da escola e tô cansado

S/N: Cansado?! Seiii, você parecia bem disposto agora - ri e me levantei indo tomar um banho enquanto ela saía do quarto

Na escola foi até que normal, mas senti falta da S/N, fiquei sozinho, já que o meu grupinho de antes havia se desfeito. Admito. Eu sinto falta de conviver com os dois idiotas. Acho que finalmente estou tendo um coração.

Hoje o Taehyung faltou, ou seja, Jungkook ficou sozinho, tô começando a sentir pena desse garoto, quem sabe tudo não se resolva. Ele me olhava sempre bem triste fazendo com que me sentisse um pouco culpado, qual é, ele que fez a merda, ele deveria se sentir culpado não eu. Enfim, resolvi ignorar seus olhares e me concentrar na aula. Os professores avisaram que as férias do meio do ano já estavam chegando, seriam na proxima semana, eu estava animado, afinal, teria um tempo só pra minha namorada, e pra resolver tudo que eu preciso na minha vida.

Sai do banheiro e desci pra sala encontrando S/N deitada com aquele moletom um pouco levantado. Ela não cansa de me provocar e depois fala que "não tá a fim", meu Deus. Me deitei do lado dela. Conversei com ela sobre as férias já fazendo planos de sairmos, fazendo a mesma ficar toda animada.

//S/N ON//


Aquela semana passou bem rápido, e bem, continuei indo a escola, sempre evitando aquele assunto com o Taehyung claro, pois ele voltou pra escola já com a Yangmi de novo, eu fiquei feliz por ela, já que pensei que ele fosse deixá-la.

Agora estamos na segunda semana de férias, descidi aproveitar meu namorado na primeira, e deixei pra sair com ele depois, no caso hoje já que ele acordou instinto pra que fossemos a um parque de diversões, e eu como boa namorada aceitei, claro, chamei meus amigos também, Yangmi e Taehyung, e o Jungkook que ficou meio receoso, mas logo aceitou.

Jimin: S/A vai logo, porque você tem que demorar tanto só pra escolher uma roupa - ele reclamava enquanto eu ainda vestia meu shorts preto, com uma camisa estampada de gatinhos. Já era a terceira vez que eu trocava de roupa. Ele já estava arrumado com uma calça jeans colada, que ficava incrivelmente linda em seu corpo, um Vans preto, e uma camiseta de mangas longas branca. Definitivamente perfeito. Coloquei por último meu Vans igual ao dele, arrumei meus cabelos deixando-os soltos meio bagunçados de um jeito bonito, passei somente um rímel e fiz um delineado bem fofo, complementando com um brilho nos lábios.

Eu: Pronto - já sem paciência ele mexia no celular enquanto me esperava, quando olhou pra mim deu um lindo sorriso.

Jimin: Meu amor você tá linda, pelo menos essa demora valeu a pena

Eu: Para de ser chato e vamo logo

Os outros já esperavam a gente na frente do parque então avisamos que já estávamos chegando. Assim que chegamos, eles já havíam comprado as entradas,então nos comprimentamos e sem perca de tempo já estávamos dentro do parque.

Jungkook: Gente vamo na Montanha-Russa primeiro??

Yangmi: Você quis dizer em uma delas né Jungkook, porque aqui tem umas mil Montanhas-Russas

Jungkook: Pois é, vamos naquela ali - apontou pra uma bem a nossa frente e todos concordamos

Depois de sairmos do primeiro brinquedo, fomos em quase todos os outros, já que o parque é enorme e tem muita coisa. São quase cinco da tarde e ainda não fomos em todos os brinquedos. Restavam apenas o Trem-Fantasma, que o Kookie fugiu o tempo todo, só porque tava sozinho ele não queria nem a pau entrar nesse brinquedo. O Carrosel, que deixamos por último já que é bem calmo, e é um brinquedo de crianças. E por fim a Roda-Gigante, que pra aproveitarmos o por do sol entre o anoitecer, seria o último a irmos.

Taehyung: Agora sem enrolação Jungkook, a gente vai no Trem-Fantasma e dane-se você, se não quiser ir fica esperando aí fora

Jimin: Concordo - ao ouvir Jimin se pronunciar, Jungkook abaixou a cabeça, eles haviam conversado indiretamente durante o dia, mas nada que provasse que os dois voltariam a se falar

Jungkook: Podem ir então, eu espero aqui - percebi que Jimin ficou meio inquieto, ele queria dizer alguma coisa, mas não foi capaz, então olhou pra Jungkook balançando a cabeça negativamente

Fomos no Trem-Fantasma, eu e a Yang quase morremos de tanto gritar e levar sustos, somos duas cagonas, eu não tiro a razão do Kookie, isso aqui é uma horror, só fomos mesmo porque os meninos estavam com a gente e eles que queriam ir. Ao sairmos suspiramos aliviadas, e os meninos começaram a rir.

Taehyung: Yang você tinha que ver a sua cara - riu ainda mais - Eu não sabia que você tinha medo dessas coisas

Jimin: A S/N também, eu achei que ela ia mijar nas calças de tanto medo - os dois morriam de rir da nossa cara

Eu: Da pra os dois idiotas pararem de rir!! Eu já quero ir embora dessa desgrama - falei emburrada

Yangmi: Eu também!

Taehyung: Calma aí meninas - colocou a mão na barriga, e voltou a rir - Tá parei

Jimin: Desculpa meu amor - ele veio me abraçando mas eu não quis

Eu: Agora é meu amor né seu idiota - empurrei ele

Taehyung: Já deu né gente vamo agora pro Carrosel

Yangmi: Eu só vou se você for comprar algodão doce pra mim agora - ela falou emburrada cruzando os braços e batendo o pé

Taehyung: Tá bom - ele revirou os olhos

Eu: Eu também vou e Yang você vem comigo - fomos andando e o Jimin veio atrás- Você não Jimin, pode ficar lá

Jimin: Mais...

Eu: Mais nada! Você fica e pronto. Vai sentar do lado do Jungkook e espera lá

Jimin: Aish! Tá bom - com uma carinha emburrada ele se sentou ao lado do Kookie. Espero que eles conversem, na verdade essa é a intenção.

//JIMIN ON//


S/N me fez sentar do lado do Jungkook, e bem, sinto que preciso conversar com ele, afinal, já não sinto toda aquela raiva que eu tinha, acho que o amor faz a gente se sentir melhor, é tão bom sentir isso de novo, a S/N realmente me faz bem, espero que esse amor dure e não machuque a nenhum de nós dois.

Eu: Jungkook, eu...

Jungkook: Jimin, você não precisa falar comigo só porque a sua namorada te fez sentar aqui

Eu: Mais não é por isso que eu tô falando com você, essa semana na escola eu já queria falar contigo mas não tive coragem

Jungkook: Ah sei. Desde quando você vem falar com alguém que brigou com você em?!

Eu: Bom, digamos que eu mudei um pouco desde aquele dia - até então eu olhava pra ele, mas direcionei meu olhar ao chão - Por causa dela...

Jungkook: Hum, que bom, fico feliz por vocês dois - revirou os olhos

Eu: Jungkook, dá pra pelo menos me escutar?? Eu sei que você quer o meu perdão então pelo menos me ouve - ele suspirou e assentiu - Sei que naquele dia você perdeu a cabeça e acabou falando muita merda, mas você tinha razão, eu deveria ter prestado mais atenção com quem eu tava me envolvendo, mas eu tava tão apaixonado que acabei me deixando levar - suspirei - Sobre a S/N, você me disse coisas que me machucaram, mais relaxa, ela já me ajudou a superar isso. Você até que me ajudou me fezendo enxergar o quanto eu a amo - sorri lembrando que estamos juntos - Me perdoe por sair de casa e se eu te fiz mais alguma coisa que te magoou - sua expressão era de total surpresa, embora também expressasse felicidade

Jungkook: JIMIN!! VOCÊ ACABOU DE ME PEDIR DESCULPAS?! MEU DEUS MILAGRES EXISTEM. MAS ESPERA.. É VOCÊ MESMO TEM CERTEZA OU É UM ALIEN??? - ele se levantou me analisando

Eu: Kookie dá pra você parar de ser idiota e falar se você me perdoa ou não antes que eu desista?! - me levantei

Jungkook: CLARO QUE EU TE PERDÔO - ele pulou em cima de mim me abraçando. Por que esse menino tem que ser tão escandaloso.

Eu: Finalmente nos resolvemos - separei nosso abraço, ou ele grudaria em mim pra sempre

Jungkook: Pois é, eu só não falei com você porque fiquei com medo de você me bater ou sei lá 

Eu: Te bater?! Meu Deus menino - dei uma leve risada

Jungkook: Jimin você já fez pior que isso - olhei sério pra ele

Eu: Ah Jungkook, isso é passado - ele assentiu, logo mudando de assunto

Jungkook: Quer dizer que agora você volta pra casa?! - vi a esperança em seus olhos. Esse menino me ama.

Eu: Não Kookie, agora que eu namoro a S/N prefiro ficar por lá com ela, mas sinto falta de vocês - sorri

Jungkook: Ah sim, te entendo - e nesse exato momento ela chegou

S/N: Acho que os dois mocinhos se resolveram

Jungkook: Sim! Acredita que o Jimin me pediu desculpas. o Jimin!! - ele fez questão de dar ênfase no "Jimin"

Eu: Jungkook, já deu né, vamo logo pra Roda-Gigante agora

Taehyung: Mas falta o Carrosel ainda

Eu: Alguém aqui tá a fim de ir no Carrosel?? - somente Jungkook e Taehyung levantarem a mão - Acho que não!

Embora os dois quisessem ir, a maioria venceu, então fomos pra Roda-Gigante. Foi bem bonito apreciar a vista da cidade do alto ao lado da minha namorada, que não parava de sorrir impressionada, e como eu amo esse sorriso. Por fim, voltamos pra casa por volta das 18:30 da noite, exaustos claro, comemos qualquer besteira, tomamos um banho e caímos no sono.

//S/N ON//


Acordei e encontrei meu ruivinho ainda dormindo, passei a mão em seu rosto, sentindo o mesmo se mecher e abrir seus olhinhos devagar, me dando um sorrisinho logo de manhã. Depois de alguns minutos na cama com ele, nós dois levantamos, fizemos nossa rotina matinal e fomos pra cozinha. 9:00 da manhã. Por um milagre acordamos cedo, e agora estamos preparando o café da manhã.

Eu arrumo a mesa, enquanto Jimin corta o bolo de cenoura com cobertura de chocolate, que eu mesma fiz e ele amou, já que nunca havia comido pois é um "prato" típico do Brasil. Do nada a campanhia toca, eu não sabia quem poderia ser as 9:30 da manhã, Jimin me olhou com uma cara de interrogação

Jimin: Quem será??

Eu: Deve ser só alguém do prédio mesmo, eu atendo

Jimin: Tá bom

Fui até a porta e abri. Acho que eu tô ficando louca, ou eu não dormi direito.

Eu: SUGA?!! - pálida foi o que eu fiquei na hora, meu coração acelerou, minhas mãos começaram a suar. Ele tinha que voltar pra minha vida logo agora...

Yoongi: Oi S/N...

Contínua...


Notas Finais


Opa opa Suguinha na área hehe

Até o próximoo

Bjowss♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...