História My Cat - Imagine Xiumin - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kris Wu, Lay, Lu Han, Suho, Xiumin
Tags Exo, Imagine, Xiumim
Visualizações 803
Palavras 1.104
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Fluffy, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eai amoras 💕

EU DEMOREI EU SEI
Eu estava sem tempo essa semana estava tendo provas na escola e também sem criatividade para escrever '-'

Boa leitura 💙

Capítulo 32 - Intrusa


Fanfic / Fanfiction My Cat - Imagine Xiumin - Capítulo 32 - Intrusa

Depois do shopping eu, Lay e xiumin pegamos um caminho diferentes do da casa da mey e também luhan quis ir com ela.

- Como certeza eles vão se atranhar quando chegarem na casa da mey. - Falo, vendo Lay fazer careta.

- Mey parece gostar dele. - Disse Lay. - Mais parece que algo a impede de ficar com ele.

- O que impede?

- Não sei direito… ela parece esperar esse algo vim.- Disse Lay, olhando para o céu. - Parece que vai chover é melhor andarmos mais rápido.

Concordo com Yixing andando em passos rápidos, logo chegamos em casa e então começou a chover forte xiumin voltou para a forma de gato enquanto eu tomava uma banho, quando sai do banheiro vi xiumin todo enroladinho em minha cama.

- Você pode voltar para a forma humana? - Falo, me sentando na cama passando a mão em sua cabeça.- Não quero ficar sozinha e também quero que você experimente uma blusa que comprei. - Falo, pegando a sacola e colocando dentro do banheiro vendo xiumin andando até lá fecho a porta voltando a sentar na cama.

Pego meu celular vendo algumas ligações da minha mãe e mensagens do Jongdae avisando que ele iria chegar um pouco tarde, olho para a porta vendo xiumin andando pro lado e pro outro, volto a olhar para o celular vendo mais mensagens.


Mensagens

Jongdae*

- S/N vou demorar pra chegar - 18:23

- Já chegou em casa? - 18:29

- S/N sua mãe acabou de ligar para mim falando que tentou ligar pra você mas seu celular só dá caixa postal - 18:40

- Ela me disse que irá voltar amanhã de tarde. - 18:42

- Para de visualizar e me responde! - 18:45.

Mensagens 



- Eu gostei dessa blusa! - Olho para frente vendo xiumin. - Ela parece um pijama. - Disse ele, rodando para eu ver.

- Você fica fofo nela. - Falo, vendo ele se sentar ao meu lado. - amanhã antes da minha mãe chegar em casa você vai ter que voltar para a forma de gato.

- Porque? Ela não gosta do xiumin assim? - Disse ele, colocando a cabeça em meu colo olhando para mim.

- minha mãe não pode saber que o nosso gato vira humano ela iria surtar, não vamos contar pra ela. - Falo, mexendo em seu cabelo. - Ainda não.

Fico mexendo no cabelo de xiumin vendo ele fechar os olhos, começo a ouvir barulhos no andar de baixo logo ouvindo passos vindo para o quarto.

- Xiumin… - Falo, vendo um sombra na porta logo aparecendo a pessoa me levanto da cama fazer xiumin cair no chão. - O que você tá fazendo aqui!

- Ya! Fale baixo. - Disse, Se aproximando de mim logo olhando para o xiumin. - Quem é esse.

- Sai daqui Sook! -Falo, vendo xiumin se levantar. - Já saiu!?

- Eu não vou sair daqui. - Disse ela, cruzando os braços olhando xiumin. - Sua mãe ligou na minha casa pedindo para eu ver se você ainda esta viva.

- Você já viu agora pode sair! - Falo, empurrando ela mas a mesma desvia indo na direção de xiumin.

- Só depois que eu conhecer seu amigo, Não é fofo? - Disse ela, sorrindo. - Seria falta de educação você não me apresentar pra ele.

- Eu não gosto de você. - Disse xiumin, fazendo Sook para de sorrir.

- Se não gosta vai gostar! Eu sou a única mulher bonita dessa família à favorita. - Disse ela, colocando as mãos na cintura. - S/N liga pra minha mãe e fala pra ela que eu vou dormir aqui hoje.

- O que você disse!? - Falo, arregalando os olhos. - Você não vai dormir aqui não!

- Claro que eu vou. - Disse ela, passando por mim indo saindo do quarto. 

- Ai praga!

- Você precisa de um abraço. - Disse xiumin, olho para ele vendo o mesmo se aproximar com os braços abertos.

- Sai xiumin. - Falo, me afastando dele cruzando os braços. - Eu tô brava

- Então porque você quer rir? - Disse xiumin, olho para ele tentando ficar seria até ele fazer uma careta me fazendo sorrir.

Em um momento de distração xiumin me pega no colo me rodando logo parando me vendo rir, ele anda até a cama me colocando com cuidado ficando em cima de mim colocando o rosto na curva do meu pescoço fazendo eu sentir cócegas.

- Ya! - Falo,segurando seu braço esquerdo.

- Sorria pra mim. - Disse ele, me fazendo mais cócegas.

- Ya xiumin chega. - Falo, sentindo meus olhos arderem e lágrimas escorrendo pelo meu rosto fazendo xiumin parar.

- Não era pra você chorar. - Disse xiumin, em tom de culpa se afastando de mim.- Me desculpa!

- Tudo bem xiu.. - Paro de falar ao ver Sook entrando no quarto.

- Então aonde você vai dormir? - disse ela, se sentando em uma cadeira de frente para a cama.

- Eu vou dormir aqui. - Falo, vendo ela cruzas os braços.

- Claro que não eu vou dormir aqui nessa cama. - Disse ela, apontando para minha cama. - Aí você tem que ver aonde você vai ficar porque eu não vou dividir com você.

- Dividir o que a cama é minha, durma no quarto de hóspedes aliás nem o quarto de hóspedes merece você durma no quintal.

- Eu sou mais velha que você eu decido as coisas e vou dormir aqui nesse quarto! - Disse ela, batendo a mão em um dos meus porta eetratos o quebrando.

- Sua Idiota! - Falo, vendo o porta retratos quebrado no chão. - Foi meu pai que me deu de aniversário! E agora está quebrado!

- Idai? Você ainda tem as coisas que ele te deu? - Disse ela, se levantando ficando na minha frente. - Lembra S/N ele preferiu a outra do que você e a inútil da sua mãe.

- Sai do meu quarto. - Falo, fechando o punho vendo ela pisar no porta retratos. - Eu mandei Sair do meu quarto sua vadia!

- Me chamou do que!? - Sook veio na minha direção me empurrando.

- V-A-D-I-A - Falo, pegando sook pelos cabelos e a empurrando para fora do quarto. - VAI EMBORA INSUPORTÁVEL!

Fecho a porta do quarto com força fazendo muito barulho, respiro fundo controlando a raiva até sentir uma mão em meu ombro, olho para trás ainda com raiva e vejo xiumin tremendo me olhando preocupado.

Esta tudo bem. - Disse ele, pendendo a cabeça para o lado me puxando para um abraço.

- Não, não está. - Falo, o abrançando


Notas Finais


⚠Desculpem os erros!⚠



Até o próximo capítulo 😙💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...