História My past haunts me... (Frans) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Frisk, Sans, Toriel
Tags Frans, Frisk, Sans, Undertale
Visualizações 96
Palavras 620
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Mistério, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Mutilação, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Não sei se ta grande ou pequeno. Mas ta aí! Beijos amores! 55 favoritos OMG! Amazing :3

Tradução: Eu odeio a escuridão!

Capítulo 21 - I hate the dark!


Fanfic / Fanfiction My past haunts me... (Frans) - Capítulo 21 - I hate the dark!

Frisk: SANS! SANS!

Sans: O que houve Frisk -diz meio assustado-

Frisk: Descobri o que o preto da fumaça significa, ódio! O ódio só pode consumir alguem que já tenha ódio, por isso não me consumiu, ele vai te consumir totalmente em 2 dias!

Sans: Desculpa estragar sua jornada à conhecimento mas, eu já sabia!

Frisk: Por que não me disse? Teria me poupado de acordar cedo... -digo revirando os olhos-

Sans: É porque eu não sei o que acontecerá quando eu ficar tomado pelo ódio

Frisk: O que Gaster queria desde o inicio?

Sans: Sua alma...?

Frisk: Então, daqui a dois dias possivelmente, você vai pegar minha alma e dar para Gaster!

Ele pareceu meio imóvel por um segundo, ele já deve saber o que aconteceria. Eu o abraço na esperança de anima-lo mas ele começa a chorar.

Sans: Eu não quero te machucar, não de novo! -ele se aconchega no meu ombro-

Frisk: Não se preocupe!

Eu faço carinho no topo de sua cabeça na esperança de acalma-lo.

Sans: E se.. Eu ferir você? -diz um pouco mais calmo do que antes-

Frisk: Relaxa, nós vamos arrumar um jeito, não se preocupe meu bem. Nosso amor nunca pode ser separado, nem pelo ódio!

Ele parece mais calmo, já parou de chorar e separou o abraço.

Sans: Okay, está tarde! Nós precisamos dormir...

Frisk: Okay!

Nós fomos ao banheiro (COF COF, ele no da suíte e eu no banheiro geral) e tomamos banho, depois nós colocamos o nosso pijama (notas finais) e fomos dormir!

Sans: Boa noite SweetHeart! Não que me incomode... -diz se virando pra mim na cama- Faltam quantos dias?

Frisk: Amanhã é nosso último dia Sans... Boa noite meu amor -digo bem calma-

Okay, acho que assustei ele! Mas eu não sei o que posso fazer em relação ao Sans... Um ser possuidor do ódio se torna mais forte, cara imagina o Sans já era forte pra um caralho imagina com ódio? FUDEO! Quero ir aquela biblioteca de novo, mas não faço caralhos de idéia aonde seja, ta bom eu sei to chingando demais, é por que eu to nervosa! Enfim eu fecho meus olhos e penso na biblioteca, abri meus olhos depois de alguns segundos e eu estou dentro da biblioteca!

Frisk: Boa Frisk! -faço daninhas da vitória-

Começo a procurar na estante de magia, não vou bobiar dessa vez, um livro sobre ódio. Depois de algumas horas de procura eu achei o tal livro, ele era todo preto o que já era de se esperar né? Abri ele e comecei a ler, comecei a entender mais sobre o ódio e como surgia, até que cheguei em uma parte que dizia como destrui-lo! Mas sabe, não ao certo. O ódio tem um componente oposto que é o amor. O ódio e o amor são inimigos mortais, só o amor pode derrotar o ódio. Poético não? Então pra vencer o ódio dentro de Sans eu deveria que usar o amor, mas... Como? Não faço ideia! Eu tento ler mais para me informar sobre o assunto. Por que  cá entre nós a única que sabe REALMENTE sobre o ódio é a Chara né meninas? Me distorci completamente do assunto Cof cof, voltando as origens né... Eu li mais só que não achei nada, só blá blá blá de magias que eu nem sabia o que eram... Então eu simplesmente deitei naquele chão gelado e acordei na minha cama. Olhei no meu despertador e eram 10:00... Sans estava dormindo, cadê a novidade? Vou trocar de roupa e fazer um café da manhã... Talvez seja meu último café da manhã com ele, percebo que uma lágrima caiu mas logo é seca pelas costas das minhas mãos. Começo a fazer panquecas... Depois de prontas (notas finais) vou acordar Sans, mas quando chego, ele está se debatendo na cama... !!! Ele precisa de ajuda!!!!


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...