História My psycho ( Imagine Kim Taehyung - BTS) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Drama, Revelaçoes, Romance, Tragedia
Visualizações 64
Palavras 2.616
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Mistério, Policial, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Morte


Fanfic / Fanfiction My psycho ( Imagine Kim Taehyung - BTS) - Capítulo 3 - Morte

 POV'S S/N ON

  acordo com o meu celular tocando olho  para o relógio do celular vejo que já são 18:00 em ponto dou um pulo da cama olho no meu celular varias ligaçoes perdidas da minha OMMA e da KIM HYE JIN Ela vai me matar se eu não for nessa festa com ela vou no Kakao  vejo quase um milhão de mensagem da Hye Jin  .            

  MENSAGEM ON

KIM HYE JIN:S/N sua vadia piranha de dois braços eu vou ti matar atende essa porra caralho-17:00

 KIM HYE JIN : S/n te se questraro foi só pode não atende essa merda por nada sua vaca-17:10

 KIM Hye JIN: Espero que não tenha esquecido da festa eu faço questão de ir na sua casa e ti puxar pelo cabelo vadia sem dono- nº:nº Jim Heu Jino : e bom que me responda ou não fale  nunca mais fale comigo piranha-17:20.                                                                                                                             

. S/N: Nossa magoou vadia.-18:01.

kim hye  Jin: nossa a sumida resolveu aparecer e me respeite.-18:02                                                                                                                               S/n: Olha aqui piranha você que tem que me respeita sou mais     velha que você vaca.-18:04.

 kim hye jin : to pouco me lixando, agora falando serio já esta arrumada?-18:04.                                                                                                                                                                                            S/n: Ainda não e que e..eu acabei dormindo sabe foi só um                                                                                                                                  cochilo rápido mais já vou me arruma Bey Bye  kim hye jin do meu core- offiline                                                                                                                       kim hye jin  : AH sua vadia ce me paga.-offline.                                                                                                     MENSAGEM OFF

  Depois de falar com hye jin  vou tomar um banho meio rápido pois terem que me arrumar o mais  rápido possível... depois que  sai do banho vou ao meu closet  escolher uma roupa pois hoje a noite promete... depois de ficar quebrando minha cabeça no closet escolho uma roupa não muito chamativa um vestido de veludo vermelho que ia ate o meio da coxa , um sapato também  vermelho, faço uma make  não muito chamativa tipo: Base pó , iluminador , blush, um batom com um tom vermelho escuro matte , uma sombra Preto clarinho faço um deliador de gatinho lápis de olho. Resolvo que tipo de penteado fazer mais desisto pois ia demora muito então o deixo solto já que meu cabelo vai ate o meio da cintura e preto então deixo ele solto, vou ao criado mudo pego meu celular que estava no carregador coloco na bolsinha de ALça e dêsço olho a hora era 18:55  me surpreendi pensei que ia terminar la para as oitos horas melhor do que nada, da 19:00 em ponto bem na hora que minha omma chegou e kim hye jin  Junto .   - Oh omma por que chegou hoje tarde?- Falo dando um beijo na mesma.

omma: hoje os funcionarmos fizeram hora extra hoje por que hoje foi alguém muito importante la na loja.- fala sentando no sofá.

- quem era- falo quase me sentando mais hye jin  me puxa. 

 Hye Jin : nada disso vamos se não vamos chegar atrasada depois você conversa com sua omma, tchau tia e vamos S/N- fala apontando para a porta. - tchau omma cuidado By By- falo mandando beijos no ar a mesma  retribui.

     depois de alguns minutos chegamos na boate.

-hye jin  quem vai esta tanto ai nessa festa só vai ser a gente ou vai ter pessoas que a gente conhece.- falo pegando no seu braço.

 kim hye jin: Sabe o Park Jimin que estudava com a gente e o grupo que ele andava.

- sei  o menino mais bonito da escola quando a gente fazia o ensino medio-falo fazendo cara de surpresa.

 hye jin  : esse mesmo pois bem ele queria encontra o pessoal que estudava na escola que a gente estudava.

- Ah  então vamos.- entro na boate.

assim que entramos tinha varias pessoas bebendo usando drogas ou se pegando ali mesmo pessoas completamente desmaiando por conta da bebida.. não demorou muito e vimos um grupo de garotos e nos aproximamos.

 Hyeu Jin: Oi pessoal.- assim que a hye jin fala  Jimin e o grupo dele vira se fazendo uma cara de surpresa. 

Jimin: Ah oi  Hye  Jin , ah oi S/n.- fala abraçando a gente

- oi Jimin.- falo meio corada se vocês não sabem eu tinha um quedinha pelo jimin tinha não ainda tenho qual garota não se apaixonaria por ele.

 Hoseok: Oi S/n a quanto tempo. -

oi Hobi oi a todos vocês.

 depois que comecemos a conversa percebo o olhar do ji min sobre me  confesso que fiquei um pouco descofortavel nada que eu não possa releva... Depois de alguns minutos começo a beber feito uma louca já tia bebido varias garrafas de soju de vodka  e uma bebida bem forte  que não sei o nome estava completamente bêbeda a Hye Jin nem sei onde ela se meteu quado Hoseok se levantou ela se levantou se não fosse por eu esta bebedada e esta alucinado eu diria que eles foram se da uns pegas e como eu sou curiosa eu vou atras da mesma chegando la vejo vários casais se pegando não se pegando não se comendo praticamente, quando vou passando pelo um quarto que tinha naquele corredor sinto uma mão me puxa e tampa meus olhos ai que você pensa fedeu de vez vou ser morta ali de vez tchau vida que nem comecei a aproveita-la ainda.  

-Me solte se não vou gritar com todas as minhas forças ate perde a voz.- ameaço. XXX: você acha que vão ti escuta bobinha.- reconheço o dono da voz me sinto um pouco aliviada.

- ah e você jimin não me mata assim não cara ufa.- falo me soltando. 

Jimin: sabia que você esta tao linda nesse vestido.- fala se aproximando.

- obrigado.- falo meia corada dando um passo para trás. 

Jimin: você me deixou tao excitado que não estou sabendo me controla minha dama de vermelho.- falo se aproximando ainda mais.

- serio não foi minha intençao se ti deixei excitado.- falo andando mais para trás ainda. 

Jimin: não se fáça de desentendida S/n você pode esta bebedada eu sei que gosta de mim e sabe o que eu quero- fala se aproximando.

- c.. como v..você sabe disse tem certeza disso? .- quando ia andar para trás sinto a barra da cama e acabo caindo sentada nela.

 Jimin: não só tenho certeza como vou provar isso.- segura meu ombro me fazendo deitar e ficar por cima de mim tento sair de baixo dele mais sem sucesso.

- Jimin não po...- ele me interrompe beijando meus lábios eu não estava cedendo o beijo ate que ele aperta meus seios por cima do vestido me fazendo gemer um pouco de dor eu abro a boca o mesmo invadi minha boca com sua ligua ela explorava cada canto da minha boca já estava entregue aquele beijo nossas linguás briga por espaço ate que a maldita falta de ar tem que parecer naquele momento nos separamos e ficamos nos encarando por poucos segundos ate a falta de ar volta ao normal o mesmo ataca meus lábios novamente era um beijo intenso que logo depois foi ficando quente sinto sua ereçao rocha na minha coxa Ji min coloca sua mão debaixo do meu vestido e começa a estimula meu clitóris por cima da Peça fina da minha calchinha e fazendo ficar toda molhada.

-aww Jimin.- geme seu nome o mesmo sorri de lado ele vai descendo seu beijo pelo meu pescoço e o chupando que claramente ficaria as marcas a manha ele me a levanta  e me vira de costas e abre o zipe do meu vestido dando beijos pelo meu ombro ajudo ele tira meu vestido, o empurro para cama o mesmo fica surpresa fico por cima dele  o beijo com mais intensidade e começo a rebola no seu colo o mesmo arfata dando um gemido baixo vejo que seu membro esta muito duro a ponto de explodir o levanto fazendo o senta na cama e tiro sua calça vendo seu membro ereto na cueca o puxo o mesmo salta da cueca coloco minha mão no seu membro e começo o masturbar fazendo movimentos de vai e vem com a mão.

 Jimin: a S/n mais rápido minha dama.- pedi com uma certa urgência aumento a velocidade da minha mão recebendo o pré-gozo do jimin ataco seu membro com os meus lábios  do um beijo na sua glande o mesmo gemi continuo chupando com vontade ate que recebo o seu gozo na minha boca. 

Jimin: engolhe tudinho gata.- fala sorrindo eu o obdedeço. ele se levanta e me empurra na cama e tira minha calchinha ele abre minhas pernas e me faz um oral sua linguá brincava com o meu clitóris ele da uma leve mordida me fazendo gemer  - oh jiminh mm. - o mesmo aumenta o ritmo e fazendo gozar logo em seguida na sua boca o mesmo engolhe tudo e volta a ataca minha boca sinto meu gosto na sua boca, ele se posiciona na minha entrada na hora que ele ia me estocar o telefone dele toca ele não atende mais continua tocando sem parar ele pega um lençol e se cobre e vai atender seu telefone ele fala alguma coisa que não deu direito para me ouvir e volta sua atençao a me ate que ele fala.

 Jimin: S/n vai ficar para outra hora desculpa.- sinto um pouco de decpecao no seu olha ele começa a se vestir eu que nem uma boba começo a viste que nem um flash de tao rápido pois a vergonha tava grande deus que não me permita mais encontra ele na vida ele sai e eu saio logo em seguida saio do quarto chegando la  a Hye Jin estava  toda descabelada e cheia de chupao imagino que ela teve uma noite e tanto. hye jin: pensei que tinha te sequestrado.- fala emburrada.

 - sorte sua que teve uma noite e tanto.- falo bem baixo para ela ouvir .

 Jimin: então gente eu já vou surgiu um imprevisto e eu preciso ir tchau gente.   ele caminha na minha Direçao e deposita um beijo nos meus lábios e fala no meu ouvido só que eu só ouvisse.

 Jimin: depois terminamos o que estávamos só começando minha dama de vermelho.- falo num tom sexy e rouco no meu ouvido que me fez me arrepiar toda ui.

Hye Jin: hum sua noite foi boa hein.- Me olha malicioso.

- vamos dizer que foi e não foi.- falo desapontada não que eu fosse uma puta e desse para qualquer um que se oferecesse para transar comigo.

hye jin: por que você ainda continua vargem não me diga s/n que não rolou nadinha entre vocês.- fala fazendo uma cara de surpresa.

- a verdade e essa aconteceu algumas coisas já estávamos quente nosso clima tava bom mais teve que ficar frio ele recebeu uma ligação e se mandou.- falei  desanimada.

 Hye jin : meus pesamas amiga mais a minha noite foi ótima.- fala toda animada. - que bom para você... vamos embora pois esta tarde.- falo me levantando.

Hye jin: tchau meninos tchau Hoseok.- olha para Hoseok com uma cara maliciosa.

- tchau gente.- falo puxando ela.  

  assim que saímos fomos esperar um taxi fomos primeiro deixar ela em casa depois eu.

- tchau nos vemos amanha na faculdade.- falo de dentro do carro.

Hye jin : oh burra amanha e sábado jumenta piranha.

- ah e mesmo Tchau minha marida.- o motorista olha meio estranho para gente.

hye jin: tchau minha esposa vadia.- fecha a porta do quarto e entra correndo para sua casa.  

   demorou muito e eu chego em casa estava tudo apagado acendo as luzes e olho para o meu celular era uma  03:30 cheguei muito tarde em casa minha omma vai me matar vou no seu quarto e a chamo quendo entro ela não esta na sua cama desço olho em todos os cômodos e ela nao estava estranhei muito ela não e de sair mesmo que ela seja um pouco nova ela não e de sair vai que a vovó ficou doente e ela teve que ir la na casa dela tudo bem entao ... fui para o meu quarto tomo banho bem relaxante e capoto na cama dormi um sono profundo que se a casa  tiver caindo eu não me acordo.        

POV'S S/N OFF

POV'S  S/M on

 assim que s/n saiu eu corre para o meu quarto e me arrumei pois ia me encontra com um gato se não me engano seu nome e Kimtaehyung.

               POV'S S/M OFF

   POV'S Taehyung   ON

  era por voltas das 19:55 quando um numero desconhecido liga para mim eu não ia atender mais eu resolve atender.                                                       Ligaçao ON  

desconhecido: ola gatinho.

-quem e.- falo um pouco alterado

desconhecido: adivinhe gatinho.

- oh agora pela voz deve ser uma velha que gosta de novinhos.- falo debochando.

desconhecido: eu sou noona que pediu seu numero lindinho ai topa se encontra hoje.- fala manhosa.

-oh claro e desculpa por ter te chamado assim claro que horas pode ser.- falo com uma voz sexy .

  S/M : onde voce mora me passa seu endereço meu nome e S/M

-Rua guri próximo de Seul numero do meu apartamento e 42  bloco B estou te esperando. 

S/m: tchau.- mal sabe o que te espera.  

 ligação off 

  assim que desligo o celular corro para tomar banho e visto uma roupa agradável coloco uma faca na minha cintura e uma arma com o silenciador.. pego uma sacola preta e grande para colocar o corpo.... não demora muito e ela chega .

  -pensei que não viria.-coloquei meu melhor sorriso. S/M: como podia de deixar de vim gato.- coloca a mão no meu peitoral. - hum entre.- dou espaço para a mesma entra.

S/M: obrigada.- não sabe o quanto a odeio por ser uma vadia  sua oferecida cavou sua Propriá cova.

- como já sabe meu nome sem apresentaçoes .- me aproximo a mesma vem ao meu encontro.

S/M: você e tao lindo meu anjo angelical.- ataca meus lábios a retribui-o mais com um certo nojo coloco minha mão na sua cintura e aproximo do meu corpo a deito no sofá quando ela ia colocar a mão para tirar minha roupa seguro seu pulso.- nada disse baby girll.- balanço a cabeça em reprovaçao da sua atitude.

S/M : por que daddy.- fala com a voz manhosa.

- me espere aqui baby.-saio de cima da mesma e subo para o quarto.    

      coloco uma roupa preta e luvas de couro preta e um boné junto com a mascara preta pego a sacola grande e desço a mesma tava tirando a roupa a seguro por trás e falo no seu ouvido.

-pessoas como você não deveria existir sabia sua vadia.- perfuro suas costas e seu pescoço o sangue espirra na minha cara vejo ela se debater e fala algum nome mais não deu para me ouvir me abaixo na mesma que estava se debatendo e falo.

- você cavou sua Propriá morte por conta de vadias como você eu perdi quem amava.- vejo a mesma da seu ultimo suspiro e o sangue se espalha  pela casa pego suas mãos corto suas unhas limpo sua mão com álcool e a coloco no saco limpo toda minha casa deixo ela no saco e vou ate a sala de segurança o vigia não estava apago todas as imagens da noite de hoje todas pego meu chip e jogo no lixo e volto para minha casa jogo o corpo dela pela uma areá que não tinha câmeras e pulo também a coloco no seu carro e a jogo em um mato perto da praça, e volto para casa queimo minhas roupas e o celular dela e vou dormir saonhando  com o momento da sua morte que foi totalmente prazeroso hahahah.      

 POV'S Taehyung  off

   Continua


Notas Finais


S/M = sua Mae.

espero que tenham gostado divulguei a fic e nao esqueça de deixar seu favorito e comentar beijos suas lindas
desculpe alguns erros ortograficos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...