História My tumblr boy - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho
Tags Chanbaek, Exo, Hunhan, Kaisoo, Pwp, Tumblr
Visualizações 647
Palavras 1.811
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Por que está tudo girando?!


Fanfic / Fanfiction My tumblr boy - Capítulo 7 - Por que está tudo girando?!

Baekhyun pov's

— Você está bem bonitão. — Jongdae disse quando entrei no carro.

Jongdae festa questão de ir me buscar após me convencer a leva-lo apenas tal evento comigo. De alguma forma seria bom ter um amigo para me segurar quando eu visse Chanyeol e não pulasse em seu pescoço.

Eu estava tão bravo. Droga, deveria ser discreto, não aquele favorecimento todo no meu emprego. Eu queria conquistar as coisas por mim mesmo!

— Vamos logo antes que eu perca a paciência. — revirei os olhos.

— Ui, alguém está irritadinho. — ele sorriu irônico dando partida no carro. — Pensa que eu não sei que você está com essa calça coladinha para provoca-lo?

— Cale a boca. — mesmo irritado não escondo o sorriso.

A verdade é que sim eu estava louco para provocar Chanyeol no evento já que ele não poderia encostar em mim. Eu estou bravo e pelo que percebi a melhor forma de provocar aquele idiota era assim.

》♡《

Chanyeol pov's

— O que você espera do projeto "Exact Tour", Chanyeol-ssi? — o repórter perguntou assim que entrei no hotel.

— Espero que os fãs gostem, estamos fazendo isso para eles. Se meus fãs gostarem eu ficarei satisfeito.

— Não vai ser incomodo ter um jornalista grudado em vocês o tempo todo?

— Incomodo? — sorri ao lembrar de que jornalista falávamos. — Eu tenho certeza que escolheram uma pessoa legal.

O jornalista começou a direcionar perguntas para Lay e Suho, aquela era minha deixa para procurar Baekhyun. O menor não respondia minhas mensagens desde que descobriu sobre o projeto e eu começava me preocupar se ele realmente não estava bravo de verdade.

— Pelo amor Chanyeol, se controla. — Sehun disse enquanto tomava a bebida amarela em seu copo, mas eu não olhava para ele, meus olhos varriam o salão em busca do menor de cabelos loiros.

— Por que eu deveria me controlar?

— Porque seu namoradinho acabou de entrar pela porta. — Sehun sorriu ao ver meu nervosismo. — E a cara dele não está nada boa.

Então porra eu vi Baekhyun. E como vi. O loiro usava um terno vinho com uma camisa preta por baixo, alguns botões abertos mostravam sua clavícula e meu instinto foi ir até lá e fechar todos aqueles malditos botões. A calça vinho estava tão justa em seu corpo que eu podia ver a curva de suas coxas marcadas quando ele andava.

Era um absurdo ele estar com aquela roupa e eu não poder arrancar elas imediatamente de seu corpo.

Prestei atenção no menor conversando com outro homem, ambos eram quase da mesma altura e o desconhecido era até que bem bonito. Estavam sorrindo de mais um pra o outro pro meu gosto. 

— Chanyeol, que cara é essa? — Kyungsoo perguntou se aproximando no exato momento em que meus olhos cruzaram com o de Baekhyun. -  sentindo alguma dor?

— Que? — sorrio disfarçando. — Não, só acho que preciso... hum, eu vou ali, já volto.

》♡《

Baekhyun pov's

Merda. Chanyeol estava maravilhoso. Aquele maravilhoso que ele sempre era em eventos com a Exact, aquele era o Chanyeol que fazia meu fanboy interior vibrar, por alguns minutos esqueci que estava bravo. Acho que esqueci até meu nome. Ele conversava com Sehun e Kyungsoo, e diga-se de passagem os outros dois estavam igualmente deslumbrantes.

Mas nenhum era como Chanyeol. Alto, ombros largos, aquela maldita calça de couro e os olhos marcados de lápis preto. Chanyeol era como a personificação de luxúria. O que me deixava mais bravo ainda. Como ele se atrevia a estar deslumbrante e sexy quando estou com raiva e ainda por cima em um lugar em que eu não poderia arrancar sua roupa?

— Ele está falando com Kyungsoo. — Jongdae sorriu me provocando. — Como é que vocês fãs chamam isso mesmo? Chansoo?

— Eu vou ter que mandar você calar a boca de novo? — revirei os olhos, tentando o máximo não sentir um ciumes ridículo do tal Chansoo mencionado.

— Ele está vindo pra cá! Me apresenta pro crush, Baek. Prometo deixar vocês a sós depois.

— Não se atreva a sair do meu lado. — peguei um copo de bebida da bandeja de um garçom aleatório que passava.

— Baek, você não vai beber, né?

— Se eu vou passar por isso, acredite, eu preciso beber.

— Passar pelo que?

— Apenas não saia do meu lado. — "ou eu vou pular no pescoço dele" era como eu queria completar.

— Baekkie. — Chanyeol se aproximou e instintivamente meu corpo se encolheu. Como se a presença dele fizesse eu perder o controle das minhas emoções.

Ele era tão alto que eu tinha que levantar o rosto para poder olhar em seus olhos. Seu perfume era exatamente como eu me lembrava, e por mais que pareça ridículo, meu ventre de contraiu em ansiedade.

— Chanyeol-ssi. — dei mais um gole na bebida doce do copo que estava em minhas mãos. — Esse é meu colega de trabalho, Kim Jongdae. Ele estará comigo no projeto.

— É um prazer. — Jongdae se curvou educadamente e Chanyeol fez o mesmo.

— Vocês são amigos há muito tempo? — Chanyeol perguntou e sorri achando graça em seu pseudo ciumes.

— A tempo o suficiente para ter levado Baekhyun ao hotel naquele dia. — Jongdae sorriu virando o resto de bebida de seu copo em sua boca. — Agora se me derem licença vou buscar alguma coisa para beber.

Chanyeol corou desviando o olhar ao perceber que Jongdae sabia de tudo. 

Observei o desgraçado me abandonar ao lado daquele deus da beleza. Ótimo, agora eu tinha mais alguém para odiar.

— E então? — ele me olhou sorrindo pequeno.

— Então o que? — dei outro gole em meu copo.

— Pensei que você não gostasse de beber…

— Hoje é uma exceção. — outro gole e tenho certeza que vi algum dos lustres caros do hotel girando. — Estou com raiva de um idiota.

— Idiota? — ele sorriu abertamente, encostando na bancada do bar ao nosso lado. — Como posso fazer você se sentir melhor, hm?

Idiota. Mil vezes idiota. Como ele ousava usar aquele tom de voz no meio de tanta gente?

— Pára como isso Chanyeol. — respiro fundo tentando convencer a mim mesmo que queria que ele parasse.

— Tem certeza? — ele chega mais perto e discretamente e pousa a mão em minha bunda. — Eu posso tentar melhorar isso no banheiro. Vamos lá Baekkie.

— Pára Chanyeol!  cheio de gente aqui, meu Deus! — viro nervoso, sentindo meu rosto corar. — Era pra ser discreto, lembra? Como vamos ser discretos se eu vou passar praticamente o dia inteiro do seu lado?

Pego mais um copo de outro garçom, dando um grande gole na bebida agora amarga.

— Calma Baekkie, você vai estar trabalhando e eu também. A diferença é que vamos ficar mais próximo, eu só queria ficar perto de você. — ele faz um bico e tento ignorar o quanto ele estava estupidamente lindo.

— Eu ainda estou com raiva. — mais um gole e agora a bebida nem parecia mais tão amarga assim.

— Baekkie. — ele chegou perto de meu ouvido e tenho certeza que absolutamente todos os pelos do meu corpo se arrepiarem. — Eu posso fazer você se sentir melhor, quer que eu peça um quarto? Pode ser o mesmo da outra vez...

Respiro fundo. Bem fundo. Tão fundo que meus pulmões quase explodem.

— Vai sonhando. — termino a bebida em meu copo e saio andando a procura de Jongdae.

》♡《

Chanyeol pov's

Mantenho meus olhos fixos em Baekhyun a noite toda, vi exatamente a hora em que o menor começou a ficar alegre demais. Ele era simpático e lindo, quase todos ao seu redor prestavam atenção nele, mesmo sem saber que ele era, mas quando a bebida pareceu bater em sua corrente sanguínea percebi que talvez seria um pouco difícil lidar com o loiro bêbado.

Vou em direção ao menor e deixo o grupo de pessoas em que estava sem ao menos me despedir, tento o máximo não sorrir ao ver Baekhyun tentar dançar no ritmo da música alta que tocava agora.

— Oi Chanyeol! Você voltou! Jongdae-ah, Chanyeol voltou! — ele abre um sorriso enorme ao ver eu me aproximar.

Bom, talvez não seja tão ruim assim.

— Eu disse pra ele não beber. — Jongdae disse com um sorriso irônico. — Eu não vou lidar com você bêbado de novo, Baek.

— Não precisa lidar! — Baekhyn dizia mexendo os braços de forma exagerada. — Eu tenho Chanyeol, ele vai cuidar de mim! Não vai Channie?

O sorriso dele era tão lindo e descontraído que eu nem se quer podia ficar bravo por ele estar bêbado naquela ocasião. Ele estava tão lindo!

— ABAIXA! ABAIXA! — Baekhyun se jogou ao meu lado, como se estivesse me protegendo. — CORRA JONGDAE EU TENHO QUE PROTEGER O CHANNIE, NÃO POSSO SALVAR OS DOIS!

— Que? — pergunto confuso em direção ao amigo do menor.

— Ele sempre pensa que as coisas estão caindo quando está bêbado. — Jongdae respondeu revirando os olhos. — Muito bonito, estão juntos a alguns dias e você já salva ele primeiro? — fingiu estar bravo com Baekhyun.

— É que ele é muito importante pra mim... — ouvi um soluço e droga, agora ele estava chorando. — Desculpe, Jongdae-ah.

— Ah meu deus era só o que faltava.- Jongdae ria descontrolado enquanto Baekhyun coçava os olhos como uma criança quando chora.

Ele era tão adorável, eu queria agarra-lo ali mesmo.

— Yeollie, eu vou te proteger, mas não podemos deixar Jongdae pra trás. — ele me olhou com os olhos marejados e tive que usar toda minha força de vontade para não selar meus lábios nos seus.

— Aí pronto! Pra mim já deu. — Jongdae se levantou do banco alto que estava sentado. — Eu estou indo, você vai voltar comigo, Baek?

— Vou? — ele respondeu com uma pergunta e olhou para mim com as sobrancelhas erguidas.

— Não. — sorri malicioso. — Me faz um favor? Leve ele para o quarto 589. Eu vou logo em seguida. — passei a chave do quarto discretamente para Jongdae.

— Te vejo daqui a pouco. — disse próximo ao ouvido de Baekhyun e vi o corpo pequeno tremer levemente.


Aviso ao Sehun e ele revirou os olhos mostrando como estava em total desacordo com a minha atitude. Entrei no elevador e em menos de dois minutos já estava no quarto. O funcionário discreto retirou minha chave do painel do elevador e me devolveu, me reverenciando educadamente enquanto eu saia.

Assim que entrei não vi sinal de Baekhyun, ele não estava em canto nenhum do quarto. Já estou quase ficando preocupado quando olho para a varanda. Sorri comigo mesmo pensando em como tudo tinha começado ali.

Caminho até as janelas de vidro grandes que estão abertas e lá esta ele. O blazer vinho aberto e a camisa preta com os botões abertos igualmente, deixando a barriga branquinha e reta exposta.

— Você demorou. — ele sorriu meio mole e eu sentia meu corpo inteiro se excitar.— Isso só fez que ficar mais bravo ainda, Chanyeol. O que você vai fazer em relação a isso?


Notas Finais


Bom é isso lajoakaplaoa o que será que nosso Chanchannie vai fazer?

O outro capítulo tá pronto mas tenho que revisar ainda, como tô podre de sono vou deixar pra postar amanhã. Caso eu deixei passar algum erro nesse eu ainda vou revisar de novo, mas me desculpa!!!

Era tudo um capítulo só mas eu não gostava como ficava tudo junto e como sou louca separei em dois.

Eu não estava MUITO satisfeita com essa capítulo, mas gostei do que aconteceu no próximo Hehehehe então até o próximo!! ♡

Chanbaek nova minha muito fofa:

O doador de órgãos

Minseok era o melhor amigo de Chanyeol, devido a um infeliz acidente de carro morreu cedo de mais. Porém, mesmo que com uma morte triste ele devolveu a Baekhyun a possibilidade de viver e Chanyeol faria o possível para se reaproximar do coração de seu melhor amigo. 

A escolha nobre de Minseok ao escolher ser doador de órgãos salvou a vida de Baekhyun e deixou para Chanyeol um coração para cuidar.


https://spiritfanfics.com/historia/o-doador-de-orgaos-10597823 《 da uma olhadinha lá!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...