História Nae jag-eun dongne (imagine Jung Hoseok) - Capítulo 32


Escrita por: ~ e ~__Usagi

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Comedia, Drama, Romance
Visualizações 44
Palavras 708
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Nudez, Sadomasoquismo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Aaah último capítulo aqui dos 4 E eu já digo que já to com saudade ;-;
Mano, sem palavras aqui pra descrever o quão feliz estou, por estar postando isso :3
AAAH VOCEIS SÃO FODAS!
(a foto de capa e a expressão que o nosso moza fazia quando viu a cena :3)

Capítulo 32 - SAIA de perto


Fanfic / Fanfiction Nae jag-eun dongne (imagine Jung Hoseok) - Capítulo 32 - SAIA de perto

P.O.V Hoseok 

— Jin - Eu perguntava ao mais novo - Você tem certeza que isso vai funcionar ?

— Tenho. Agora vá e tome cuidado de sua amiga - Ele me entregou um embrulho, e logo em seguida fui até a saída da BigHit em busca de meu carro. Havia conversado com o maior sobre Hyeon ju, e suas sensações sobre mim. Não é de hoje que ela me causa certos “desconfortos” com sua presença. E fui verificar se era mesmo algo de importância. Jin me disse que poderia ser dor de barriga, e me mandou uns remédios, mandando-me tomá-los a cada tarde. Talvez minha Omma tivesse razão...

 

[...] 

 

Já estava amanhecendo. Passei a noite arrumando o quarto de Hyeon ju , e seus presentes. Comprei umas rosas vermelhas, e as coloquei do lado de suas roupas. A manta preta foi gentilmente sobreposta sobre ela, e suas roupas estavam num montinho no canto do quarto, dobradas e passadas por Yang mi. A pequenina sempre mandava mensagens preocupada com Hyeon ju, e as vezes tinha que mandar fotos pois a mesma não conseguia parar com sua ansiedade. Não era de se esperar uma reação menor. 

Sentei-me na cama, e olhei a garota de longe. Ela ainda parecia um anjo e tinha a aura brilhante como sempre. 

Me levantei vagamente, e fui de seu encontro. Ela ainda permanecia de olhos fechados. Me acheguei perto da mesma, e até dormindo ela mantinha o semblante sério.

— Estressadinha - Disse passando a mão em seus cabelos. 

— Tire...a mão do meu cabelo...seu alaranjado - a mesma disse em meio a grunhidos me fazendo assustar 

— VOCÊ ACORDOU! - Eu dei um grito, e pulinhos logo em seguida. 

— Se continuar com essa gritaria, eu posso voltar a dormir - Ela disse em meio a sorrisos, mais sempre sem mostrar os dentes. 

— Yang mi estava muito preocupada contigo - Eu fui de seu encontro e a dei um abraço apertado fazendo a mesma gemer de dor baixo. - D-Desculpe... só queria que soubesse que todos nós ficamos muito preocupados.

— Quanto tempo estou aqui? 

— Uns dias 

— DIAS??! - Ela disse tentando se levantar sendo impedida por mim - Eu tenho apresentação ainda Hoseok! 

— Ei acalme-se. Você não pode dançar ainda. 

— Por que não? - ela parecia não se lembrar de nada 

— Não se lembra? - Eu disse virando minha cabeça para o lado

— Do que? - Amnésia. Só podia ser isso. Com as pancadas que recebeu se esqueceu do ocorrido.

— Hum...- Ela me olhou confusa 

— O que houve comigo? - Ela me perguntou com a voz tão firme e tão grossa que chegou a me assustar. 

Assim que expliquei a mesma tudo que sabia, ela sempre conferia para ver se os cortes e hematomas eram reais, e quando tocava em algo, empalidecia. Era engraçado, eu ria, fazendo a mesma me olhar com ódio nos olhos. 

— Não sabia que tinha ocorrido tudo isso em pouco tempo...- Ela disse coçando sua nuca 

— Você se lembra de alguma coisa? Nem que for pequena?

— apenas escuridão. Tudo escuro. Eu corria, mais não saia da escuridão...

— Hum...

— Hyeon ju - Eram Namjoon do outro lado da porta. Ele não me avisou que vinha. 

—Namjoon! - A mesma o recebeu com um sorriso no rosto. Muito ilustre aliás. 

— Achei que tinha perdido você...- Ele disse em meio a sussurros no ouvido da menor, num longo abraço.

— Não perdeu - A mesma disse com um sorriso pegando no rosto de Namjoon fazendo-o encara-lá de frente. Eles ficaram se entreolhando por um tempo, até Nam rir e desviar o olhar. Eles ficaram, por ali, conversando e falando sobre o concurso. Hyeon ju vez e outra o olhava com tristeza nos olhos. Sabemos o quanto ela queria participar do concurso. Me dava certa pena. Mais Namjoon a recompensava com cossegas, tirando gargalhadas da mesma. 

— Hoseok o que houve - Namjoon me perguntava. 

— Uh?...

— Você está olhando para nós a meia hora com uma expressão não muito boa...achei que fosse algo 

— Ah. Não imagine. Eu vou no banheiro. Cuidado com ela Nam - Disse lhe dando um tapinha nas costas e saindo do quarto, indo até a cabine de banheiro mais próxima e me trancando lá dentro. 

“ O que foi isso Hoseok?” 

Eu me perguntei sem resposta obtida. 

 


Notas Finais


Eae maninhos vcs são #TeamHoseok
Ou #TeamNamjoon?
Comentaaa \0/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...