História Imagine Jay Park - Não serei mais uma na sua cama.... - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink, IKON, Jay Park
Personagens B.I, Bobby, Chanwoo, D-Lite (Daesung), Donghyuk, G-Dragon, Jay Park, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinhwan, Jisoo, Jungkook, Junhoe, Lisa, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Seungri, Suga, T.O.P, Taeyang, V, Yunhyeong
Tags Imagine, Jay Park
Visualizações 112
Palavras 1.818
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Beijos!!!

Capítulo 7 - Infantil?


Fanfic / Fanfiction Imagine Jay Park - Não serei mais uma na sua cama.... - Capítulo 7 - Infantil?

....

Choi- NÃO ACREDITO!!!!É É É A S/NNNNNN!!!-digo aos berros no meio da rua surpreendendo até o dono do estabelecimento. Reviro o jornal de ponta a ponta atrás de mais informações , mas, não encontrei nada.-....O QUE A S/N ESTÁ FAZENDO COM ESSAS ROUPAS NA CASA DO BOBBY??-digo muito mais do que furioso.-....AAAAH MAIS EU VOU RESOLVER ISSO E VAI SER AGORA!!- saio da banca de jornal com um em mãos.

Jornaleiro- Ei!! Moço!! Não vai pagar pelo jornal??- disse atrás de uma bancada.

Choi- Ei!!- me refiro a um de meus seguranças.-...paga o moço ai q-que eu tenho que resolver um assunto e mais tarde acerto contigo, pode ser!!

Segurança- Pode sim Sr.-disse isso e foi até o jornaleiro.

Jornaleiro- Muito obrigado!!- disse com o dinheiro já em mãos.

Eu nem me importei com o que ele disse.... eu...eu nem atento ao atravessar a rua estava, só não fui atropelado por conta de meus seguranças que me rodeavam. Eu não conseguia tirar os olhos daquele maldito jornal, vê a S/n agarrada ao Bobby daquele jeito me fez subir uma ira enorme. Quando dei por mim já estava do outro lado da rua e meu carro já estava estacionado à minha frente. Eu logo entrei no mesmo só pensando em uma coisa : Irei tirar satisfações dessa história e vai ser agora!!

Saí na maior velocidade e sem me importar com nada.

#T.O.P  off

#S/n on

Saio do banheiro após ter feito minhas higienes e volto ao quarto de banho tomado, enrolada numa toalha e só encontrando o Bobby lá deitado todos pareciam ter ido.

Vou até minha mochila e pego outro short e outra camisa e peças íntimas , volto ao banheiro para me trocar.

Saio do cômodo e começo a encarar aquele ser ali deitado.

Estava dormindo tão fofo que não resisti. Me sentei ao seu lado na borda da cama e comecei a acariciar as madeixas de seu cabelo e seu lindo rosto.

S/n- Tão lindo...-disse pensando que o mesmo estava dormindo.

Bobby- Você ainda vai me amar um dia...- disse com os olhos fechados e com a voz sonolenta.

S/n- Oh!! Me desculpe se lhe acordei não foi minha intenção!!-disse me afastando de seu lado mas ele me puxa pelo punho.

Bobby- Não... fica...- disse manhoso se sentando na cama.- ....você não me acordou eu já estava acordado.- sorriu.

S/n- Você me enganou!!- sorri enquanto dei um leve tapinha em seu braço.

Bobby- A propósito, você estava linda naquela toalha!!- sorriu e mordeu o lábio inferior.

S/n- Não acredito!!- lhe dei outro tapinha rindo de vergonha.

Bobby- Mas e aí? É verdade que você me acha bonito?

S/n- Sério que você tá fazendo essa pergunta?

Bobby- Sim.

S/n- Sim... você é mais que bonito...mas você não precisa da minha opinião pra se achar assim.

Bobby- Aí que você se engana....- rodeou um de seus braços na minha cintura.-....desde aquele dia lá no hotel...eu...eu comecei a precisar de você na minha vida S/n....acho q-que...

S/n- Que?

Bobby- Que estou amando você.- falou firme me deixando sem reação.

S/n- M-mas...-ele coloca o dedo indicador na minha boca me fazendo calar.

Bobby- Não vou te dar a possibilidade de me dar um fora... pelo menos agora não...- disse isso e avançou na minha boca.

No começo eu relutei ,mas , no decorrer fui me deixando levar. Senti-lo me beijando era tão bom...seus lábios macios, envolventes....ele era perfeito.

Como uma de suas mãos estava na minha cintura a outra estava na minha nuca e eu mantinha as minhas em seu peitoral desnudo.

Ele começa a pedir passagem com sua língua e eu concedo. Nossas duas línguas brigavam por espaço numa sincronia absurda. O beijo se intensificava e ficava mais quente e quando nós estávamos prestes a nos separar para recuperar o ar, alguém bate na porta. Olhamos para a tal e vemos o B.I .

B.I-Desculpa interromper o momento do casal que não é casal,.....mas S/n você precisa ver isso.-veio da porta até a cama com seu celular em mãos me deixando um pouco assustada.

S/n- O que é?

B.I- Toma...-me entregou o aparelho celular.-....você vai vê.

S/n- Hum?...-disse sem entender nada e desviando minha atenção para o que a tela do aparelho refletia.

Bobby- O que é B.I ?- perguntou intrigado vendo a minha expressão de desentendimento se transformar em espanto.

S/n- M-mas o que é isso?- digo completamente sem reação.

Bobby- Deixa eu ver...-pegou o celular.-....mas é uma foto minha e sua aqui na porta de casa..nós dois abraçados....como eles conseguiram essa imagem?

S/n- N-não sei...- disse já me entregando aos prantos.-....mas olha a legenda...., "P-PELO V-VISTO A S/N IRMÃ DO RAPPER T.O.P F-FOI FAZER UMA VISITINHA MUITO MAIS D-DO QUE ÍNTIMA PRO B-BOBBY, SEU ROMANCE DO P-PASSADO."-aquelas palavras pareciam ter  grudado em minha mente. Coloco as mãos nos olhos me entregando as lágrimas.-....m-meu irmão vai me m-matar!!

Bobby- Ei não fica assim...-começou a me consolar acariciando minhas costas.-....mas não aconteceu nada. Você só veio se refugiar aqui...-interrompido.

S/n- Mas o Choi não vai pensar assim!! E nossa relação já não está muito boa!!-digo caindo nos seus braços.

B.I- Se você quer um conselho...-veio até mim se agachou e depositou uma de suas mãos na minha coxa.-....acho melhor você ir pra outro lugar....

S/n- M-mas porque...?- me viro o fitando.

B.I- Porque daqui à pouco seu irmão vai bater aqui na porta e não vai rolar coisa que preste...-disse passando sua mão nas minhas lágrimas na intenção de contê-las.

Bobby- Ei!...-calmo.-....ele tem razão...-me puxou pelo queixo me fazendo o olhar nos olhos.

S/n- Mas....eu vou pra onde?- os encaro aflita.

Bobby- Eu tenho um apartamento aqui perto... se você quiser....

S/n- Mas eu tenho que ter essa conversa com meu irmão.... se não essas brigas não irão parar....-eu sentia falta dos momentos em que nós éramos unidos....mas parece de desde ontem tudo se reduziu à pó.

B.I- Sabemos.... mas só até a poeira baixar...

Bobby- E então??

S/n- Tá bem...-falo cabisbaixa.

Bobby- Então vamos logo porque ele já deve está chegando!!- se levantou indo em direção ao banheiro me deixando sozinha com o B.I no quarto.

B.I- Não fique mal...-se levantou do chão e se sentou ao meu lado.

S/n- Mas não consigo ficar bem...nunca pensei em estar fugindo do meu próprio irmão!!- me entrego as lágrimas e o mesmo me abraça apertado.

B.I- Você não está fugindo....só está dando tempo ao tempo,ou seja evitando que algo pior aconteça.

Suas doces palavras me confortavam de certo modo.

S/n- Não...-fungava.-.... sei o que seria de mim se não fossem vocês...

B.I- Pois eu...nós e que não seríamos nada se não fosse...é...sua beleza...-passou sua mão em meu rosto.-..., seu jeito, sua gentileza,...-me fez o encarar elevando meu queixo. Estávamos a centímetros de distância um do outro.-....você é a mulher mais.... mais...

S/n- Mais...?-estávamos numa espécie de transe, que no mundo só existira nós dois.

B.I- ....mais...-interrompido.

Bobby- Ei B.I??-disse na porta do banheiro.

B.I- Hum..?-o olhou assustado.

Bobby- Pega aquela toalha pra mim lá no closet por favor??-disse apontando pro lugar.

B.I- Ah sim!!...- parecia aliviado.-...vou lá pegar...-foi todo desajeitado até o tal closet.-...aqui...-pegou a toalha e levou pra ele.

Bobby- Obrigado.- pegou e voltou pra dentro do ambiente.

S/n- Éeeee....- me levantei.-....vou arrumar minhas coisas.-sorri porque eu não havia trazido uma certa quantidade elevada de bagagem.

B.I- Sim.... cuidado e confere,pois, se não é bem capaz de você perder alguma peça das inúmeras peças de roupa que você trouxe!!- me arrancou uma gargalhada e se aproximou.- Que bom ver esse sorriso!!- acariciou minhas bochechas.

S/n-  Só você mesmo pra me fazer sorrir!

B.I- Que bom!!

S/n- Éeee acho melhor arrumar minha bagagem...-falo me afastando de seus toques.

B.I- É vai lá....

Fiquei enrolando com as "peças de roupa" encima da cama com B.I  sentado numa poltrona me encarando , confesso que me senti um pouco envergonhada. Dentre de poucos instantes Bobby saí do banheiro com o corpo todo molhado pelo banho e com a toalha enrolada na cintura o que me fez chamar atenção.

Bobby- Gostou??.... pois a qualquer momento ele pode ser todo seu querida!!- sorriu malandro e fez minhas bochechas corarem de vergonha.

B.I- Credo!! A menina tá passando por um momento difícil e você fica com essas brincadeiras?-o olhou com reprovação.

S/n- Não precisa se preocupar....-digo me levantando e indo até a porta.

Bobby- Aonde você vai?

S/n- Vou sair do quarto pra lhe dar privacidade na hora de se trocar.- falo simplista.

Bobby- Ah!!...- faz biquinho.-....se você quiser ficar fique à vontade!!-mordeu os lábios vendo o B.I o olhar feio.-....o que é? Você que eu não vou querer me encarando pelado não é??-me fez rir essa situação.-....vai oh sai você também...-disse nos empurrando  do quarto e deixando do lado de fora.-...e S/n se quiser é só voltar...-piscou o olho e fechou a porta.

B.I- Vai se arruma logo...antes que o Choi chegue por aqui!!- gritou para que o outro o pudesse ouvir. Essa sua fala me deixou meio triste, mas, tinha que reconhecer de que ele estava agindo de forma muito infantil.

(Instantes depois)

Estava eu conversando com os meninos lá embaixo na sala até que vemos o Bobby descendo pela escada. Estava muito bonito com uma calça jeans rasgada, uma camisa quadriculada vermelha com uns tons escurecidos e um tênis.

Bobby- Podem falar...-ergueu os braços.-...eu sou lindo não sou??- disse terminando os últimos degraus.

Donghyuk- Convencido também.-se ajeitou no sofá.

Yunhyeong- Pode ter certeza!!-riu.

Bobby- Isso tudo é inveja!!...-se sentou ao meu lado no sofá já depositando uma das mãos na minha coxa.-...ou então é amor enrustido!! Mas lamento meus amores,pois,...-fez uma pausa e olhou pra mim.-...isso aqui já tem dona!!-piscou o olho.

Junhoe- Podemos saber quem é a azarada?- cruzou os braços rindo irônico.

Bobby- Não permito que você a chame de azarada!!- o fitou.- E ela a dona do meu coração e do meu corpinho é a S/n!!- pegou uma de minhas mãos e lá deixou um selar.

S/n- Eu?- disse entrando na brincadeira.

Bobby- Você sim!!-rodeou um de seus braços envolta da minha cintura e me apertou mais contra si.

Junhoe- Desculpe S/n  por ter te chamado de azarada, eu devia era ter te chamado era de vencedora,pois, aturar esse daí é pra uma pessoa que suporta qualquer tipo de praga!!

S/n- Ah! Não chama ele assim!!- disse manhosa acariciando suas bochechas.

Bobby- Viu S/n como eu sofro nessa casa?- disse me abraçando ainda mais.-Ainda bem que eu tenho você!!

B.I- Não gente, vocês são muito infantis!!- disse de pé atrás de mim.

Bobby- Você é quem pensa!! O fato da S/n estar me defendendo significa que ela sente algo muito forte por mim, algo chamado AMOR!!- destacou essa última parte.

B.I - Não acredito.- cruzou os braços.- Só vendo!!

Chanwoo- Desafiou!!- riu junto com os outros.

Bobby- Só vendo é?? Pois você vai vê!!- virou pra mim e de uma vez me deu um beijo intenso, me prensando contra si e me deitando no sofá, o beijo se aprofundava ainda mais e eu lógico me deixei levar enquanto os outros meninos gritavam e aplaudam o nosso "agarramento" no meio da sala. Enquanto eu levava minha mão na sua nuca ele passeava com a sua pela minha perna, subindo e descendo. Estávamos prestes a nos separar para recuperar o fôlego quando todos se surpreendem com alguém batendo violentamente na porta.

{×××}- S/NNNNN!!!- gritava meu nome enquanto socava a porta.-S/NNNN EU SEI QUE VOCÊ ESTÁ AÍ!!! ABRA JÁ ESSA PORTA PORQUE DE QUALQUER JEITO EU VOU ENTRAR!!!! ABRA!!

Continua...


Notas Finais


Desculpe pelos erros!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...