História O amor pregando peças - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lay, Personagens Originais, Sehun, Suho, Xiumin
Tags Drama, Exo, Romance, Tragedia
Visualizações 16
Palavras 1.255
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pessoas :) espero que gostem *-*

Capítulo 4 - 4


Minseok:-Eu vou formar as duplas!-Disse num tom um pouco desesperado.


:-Então diga as duplas!


Minseok:-Ah claro... as duplas... é...


:-Você montou mesmo as duplas?


Minseok:-Claro que sim! Já programei a reunião inteirinha.-Não sei mas algo me diz que ele está mentindo.-Jongdae e Baekhyun, Chanyeol e Lay, e Miha e Yumi.


:-E eu fiquei sem dupla?


Minseok:-Você ? Ah claro que não... você vai ficar com o...


Jongdae:-Se quiser ela pode ficar com a gente.-Disse interrompendo a explicação de Minseok.


Minseok:-Não! Hea vai fazer dupla comigo!


O que? Ah Deus me salve desse gerente da área, o que eu fiz para merecer isso? Vou ficar justamente com a única pessoa que eu não suporto, já vi que essa semana vai ser longa...


Minseok:-Estão dispensados, até segunda-feira.


Saímos da sala de reunião e fomos até o elevador. Quando notei já estávamos a uma distância suficiente para que Minseok já não ouvisse nossa conversa comecei a reclamar.


:-Ah droga de vida! O que eu fiz para merecer ficar em dupla cona o gerente da área?-disse enquanto apertava o botão para chamar o elevador.


Baekhyun:-Mas você nem sequer conversou com ele.


:-Nem tive uma conversa inteira e ele já foi arrogante!-Disse enquanto entrava no elevador e eles me acompanhavam.-Tudo bem Hea! uma semana, apenas uma semana.


Lay:-Talvez não seja tão ruim.


:-Você só fala isso porque ficou na mesma dupla do Chanyeol.


:-Ah que vida injusta!-disse enquanto saía do elevador.


Nós percorremos até a rua em silêncio, mas começa a falar quebrando o clima.


Chanyeol:-Que tal irmos naquele bar aqui perto para comemorar a vida injusta da Hea?


Lay,Baekhyun e Jongdae:-Eu topo!


:-Acho que um pouco de soju não fará tão mal...


E assim nós 5 fomos até o lugar que Chanyeol havia proposto. Logo que entramos lá os meninos já cumprimentaram o garçom de forma amigável , eles realmente vão em todos os restaurantes da região? Nós sentamos em uma mesa nos fundos do estabelecimento e logo começamos olhar o cardápio para fazer nossos pedidos.


:-Eu não vou querer nada para comer, vou só pedir soju.


Lay:-Tudo bem. E vocês o que vão pedir?


Baekhyun:-Vamos pedir carne e soju?


Todos:-Sim!


E assim fizemos nossos pedidos, apesar de falar que não iria comer nada acabei comendo um pouco de carne, na verdade foi porque os meninos não paravam de dizer que somente o álcool iria me fazer mal, então comi carne e tomei soju como eles.


Continuamos conversando por lá um bom tempo, mas acabamos percebendo que já eram 22:30, a nossa sorte é que aos sábados as ruas são mais movimentadas, várias pessoas indo ou voltando de baladas, ou até mesmo como a gente saindo de restaurantes.


Pedimos a conta e depois dividimos o dinheiro, para não ficar muito para uma pessoa só, e pelo o que parece os meninos já estavam acostumados com isso, afinal as sextas eles sempre iam a um restaurante. Quando já estávamos na rua eu disse


:-Muito obrigada por hoje meninos!


Baekhyun:-Por nada, sempre que quiser sair um pouco estaremos aqui!


:-Tudo bem! Então... já vou indo para casa, até segunda-feira.


Lay:-Espera Hea, minha casa também é para lá, eu vou com você.


Ele se despediu dos meninos e começamos a andar em direção minha casa, que era um pouco longe de onde estávamos.


:-Nós vamos de ônibus ou andando?


Lay:-Acho que andando é melhor.


:-Então tudo bem...


Ficamos em silêncio


:-Vocês são amigos a muito tempo?


Lay:-Os meninos sim, eu não.


:-Como assim?


Lay:-Eu comecei a conversar com eles quando estava no final do colegial, mas eles se conhecem desde que eram crianças pequenas.


:-Nossa então são amigos a muito tempo!


Lay:-Sim, Chanyeol,Baekhyun,Chen,D.O,Suho,Kai e Sehun. Alguns deles nós colocamos apelidos,para ficar mais fácil, que é o meu caso e o de Jongdae.


:-Chen é o Jongdae certo?


Lay:-Sim.


:-Mas e o seus outros amigos onde estão?


Lay:-Uns trabalham em restaurantes que é o caso de Kai e de Sehun, já D.O e Suho não sei com o que trabalham.


:-Mas vocês ainda mantém contato?


Lay:-Sim, as vezes nos reunimos nos feriados e nos finais de semana.


:-Que bom então... queria ter amigos assim.


Nós continuamos com nossas conversas paralelas até chegar em minha casa.


:-Muito obrigada por me acompanhar até aqui, nos vemos segunda-feira.


Lay:-Tchau Hea!


E eu o observei ir embora até perder de vista, ele não morava tão longe da minha casa, o que era um alivio.


Entrei em casa e fui direto para minha cama, a limpeza que fiz em minha casa hoje foi realmente cansativa e me deixou completamente esgotada. Então após algum tempo me mexendo na cama caí no sono.


Acordei no domingo já tarde, então como não ia fazer mais nada o dia inteiro resolvi assistir umas séries que estavam atrasadas. E fiz isso o dia inteiro, quando olhei no relógio já era tarde então resolvi tomar um banho e ir dormir, quando terminei o banho deitei na cama, mas antes resolvi mexer um pouco nas minhas redes sociais, e quando peguei o celular notei que haviam mensagens de Minseok


Minseok:-Boa noite Hea, chegue mais cedo amanhã, quero sair antes que os outros cheguem.- Aish esse garoto! Se ele não fosse meu superior já teria falado poucas e boas para ele!


:-Mas por que não podemos sair junto com os outros?


Minseok:-Porque não quero, chegue mais cedo.


:-Por volta de que horas?


Minseok:-Uns 15 minutos antes do habitual.


:-15 minutos?


Minseok:-Sim, não consegue ler?- Ah não acredito que terei que trabalhar uma semana inteira com esse cara.


:-Tudo bem então, chego aí nesse horário. Boa noite.


Minseok:-Se você se atrasar irei sem você, até amanhã.


Fique calma Hea, só uma semana... só uma semana. Resolvi dormir para que não chegasse atrasada.


E mais um dia de sorte começa na minha vida, acordei atrasada! Vesti uma roupa qualquer no meu guarda-roupa e saí correndo, LITERALMENTE CORRENDO. Quando estava quase chegando ao ponto de ônibus um carro para ao meu lado, e lentamente o motorista abre o vidro do passageiro.


?:-O que você entende por “Não se atrase”?


Droga! ótimo dia para encontrar Minseok, não podia ser melhor...


:-Houve um imprevisto, me desculpe.


Minseok:-Tudo bem, mas não me faça perder mais tempo, entre logo no carro.


O que Minseok está fazendo uma gentileza para mim? Será que ele está bem?


:-Não pode deixar... eu vou de ônibus mesmo.


Minseok:-Você é burra ou se faz? Não estou indo para a empresa, já estou procurando notícias.


:-Ah, claro... me desculpe.


Quando ia abrir a porta do banco de trás ele disse


Minseok:-Não sou taxista, vá no banco da frente.


Tudo bem Hea! Só uma semana, resista apenas a uma semana. Fui para o banco da frente e fiquei em silêncio.


Minseok:-Eu vou passar em dois lugares antes de começar o trabalho, espero que não se incomode.


:-Pode passar, eu espero.


Minseok:-Tudo bem.


Nós continuamos em silêncio por um bom tempo, eu não iria tentar falar com ele de forma alguma e tenho certeza que ele também não vai falar comigo. Mas meu celular começa a tocar atrapalhando todo o silêncio. Pego ele da minha bolsa e quando olho a tela vejo que é meu pai.


:-Não vou te atender.-Disse enquanto desligava, se atendesse o celular meu pai provavelmente falaria mais alguma de suas porcarias e mais uma vez iria me sentir mal.


Minseok:-Não vai atender?


:-Não, estou evitando falar com meu pai.


Minseok:-Mas e se for algo importante?


:-Nada de importante vem dele,apenas algumas porcarias.


Minseok:-Então pode ser algo importante vindo da sua mãe.


:-Minseok... eu não tenho mais mãe...


Notas Finais


Então esse foi o capítulo de hoje, prometo que os próximos serão mais legais (Não desistam da fanfic ;-;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...