História O Casamento do Ano - Capítulo 4


Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Block B, EXO, Got7, IKON, Jay Park, KNK, Monsta X, Seo In-guk, WINNER
Personagens Bobby, D.O, G-Dragon, I'M, Jackson, Jay Park, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Junhoe, Ki Hyun, Lay, Mark, Mino, Park Seung-jun, Rap Monster, Seo In-guk, Show Nu, Suga, Suho, V, Won Ho, Youngjae, Yugyeom, Zico
Visualizações 37
Palavras 601
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um capítulo fresquinho pra vcs. Vou começar a postar duas vezes na semana pra não perder o impacto kkkkkkkkk

Bjokas e boa leitura

Capítulo 4 - Flash Back...


Fanfic / Fanfiction O Casamento do Ano - Capítulo 4 - Flash Back...

Vânia

“Nunca imaginei construir uma vida na Ásia. ” Esse era o pensamento que vinha sempre quando olhava meu amor Seungjun, estávamos em um café após o longo dia de trabalho conversando sobre nosso dia, que nem percebi que a Márcia estava me ligando.

Feliz, atendi o celular e mesmo não entendendo o motivo daquele encontro, sabia que era para encontra-las no bar do Nam as 8 horas.

Me despedi dele com um abraço, disse também que o amava e que continuaríamos a conversa de onde paramos assim que nossa reunião acabasse.

Entrei no táxi imaginando o que era essa surpresa da Loren, já que não era aniversário de nenhuma de nós e no caminho lembrei de como comecei na Coréia.

Flash Back On

Fui a última a entrar na turma, mas me senti logo de cara como se elas fossem minha família, 12 estranhas agora 12 irmãs e que graças ao estágio que uma delas me arrumou conheci o Seungjun que era supertímido.

Sempre pensei que ele jamais falaria comigo, ele era como um anjo lindo, mas eu não tinha a pretensão de toca-lo afinal era para eu estar focada nos estudos e ele me distrairia tamanha é sua beleza.

Em uma noite chuvosa, fiquei parada na porta do mesmo café que ia todas as noites depois do trabalho, meus 10 minutos de descanso antes das aulas.

Naquele diz eu estava sem guarda chuvas, e sem uma roupa descente de frio já que eu não sentia tanto frio.

Ele vendo meu desespero me perguntou se eu queria carona para a universidade, na mesma hora disse que sim estava atrasada e só após entrar no carro me toquei que era uma universidade só pra mulheres, do outro lado da cidade e bem longe do café, então como ele sabia?

Não resisti e perguntei, ele sorrindo docemente me respondeu que sempre me observava no trabalho, que sempre eu deixava meus livros em cima da mesa e que observava a forma como eu o olhava, então perguntei como eu fazia e ele disse.

- Sorrindo com carinho.

Fiquei muda pois sempre que o via, meu coração acelerava e ainda é assim depois de tantos anos juntos.

Quando chegamos, a chuva já tinha passado e ele desceu para se despedir de mim e quando eu menos esperava ele me beijou discretamente e disse apenas.

- Te vejo amanhã.

- Claro trabalhamos juntos. – Respondi.

- Você entendeu, te vejo amanhã fora do trabalho. - Disse Seungjun.

Nunca houve pedido, mas nunca nos afastamos.

Flash Back Off

Mi

Quando eu estava num momento Love com YoungJae, o telefone tocou.

- Amor preciso atender. - Disse.

- Ah amor, não precisa não. – Disse ele numa voz manhosa e eu sorri.

- Tenho que atender. Vai que é importante.

- Tá bom. – Sua voz estava meio abafada, tive certeza que ele ficou chateado.

Me levantei da cama correndo para atender o telefone e era a Marcinha dizendo que teria uma reunião no bar do Nam as 8 horas.

Voltei ao quarto pensando no que dizer ao Jae.

- Jae sinto muito, preciso ir encontrar com as meninas. Podemos continuar depois?

- Poxa Mi, justo agora que a brincadeira estava ficando boa? – Perguntou ele meio indignado.

- Não devo demorar meu amor, mais tarde juro que irei te recompensar.

- Ok, fazer o que né. - Disse ele

Na mesma hora corri e tomei um banho, me vesti e ansiosa fui para o bar saber o que estava acontecendo de tão importante para me tirar dos braços de Jae.

“Só essas malucas mesmo” - Penso comigo.


Notas Finais


Não deixem de ver o trailer dessa história maravilhosa

https://youtu.be/y3aoYJmE6Vg


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...