História O destino - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias Orphan Black
Personagens Alison Hendrix, Cosima Niehaus, Dra. Delphine Cormier, Elizabeth "Beth" Childs, Felix "Fee" Dawkins, Sarah Manning, Siobhan Sadler "Sra. S"
Tags Cophine Romance
Visualizações 24
Palavras 2.952
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 29 - Cupcake


Fanfic / Fanfiction O destino - Capítulo 29 - Cupcake

Pov Delphine : 

Uma semana para o casamento:

Já estava tudo certo para o nosso casamento Cos tinha ligado para os pais dela e eles iam vim , o DJ já estava certo , o buffet, nossa roupa , o salão , tudo certo . A gente ia no cartório e depois para o salão .

Estávamos no sofá , cada uma de um lado mexendo no celular 

C - Se você fosse um refrigerante seria a Soda, sabe por quê? - falou olhando para mim 

D - Por que ? 

C - Porque no meu coração Soda você.

D - Haaaa que fofinha - falei chegando mais perto - Vou te apertar toda - Falei apertando a bochecha dela 

C - Tem uma melhor - falou olhando o celular - Se você fosse um sanduíche teu nome seria X-Princesa - eu ri 

D - Tem mais? - falei interessada 

C - Sim - ela viu o celular - Gata, você tem brigadeiro?

D - Não, mais eu posso fazer 

C - Você tem que falar que "Não"

D - ata desculpas - Eu ri - Não 

C - Então me dá um beijinho 

D - Claro que eu do - Falei beijando ela 

C - Vamos ir tomar sorvete na praça ?- falou separando nossos lábios , mais ainda estávamos muito perto uma da outra 

D - Vamos - falei olhando para ela com nossas bocas quase encostadas - Mais depois vamos passar no mercado para comprar os ingredientes para fazer cupcake, e eu vou te ensinar como fazer 

C - Combinado , mais já aviso que vai ter que ter paciência comigo por que eu sou um desastre na cozinha 

D - Pra você eu tenho toda paciência do mundo - ela sorriu , e eu dei 2 selinos nela e ela colocou a mão na minha bunda 

C - Vamos ? 

D - Vamos - falei levantando

Se arrumamos e fomos para a sorveteria , eu peguei um picolé de açaí e Cos um sorvete de 1 bola. Sentamos no banco da praça . Cos estava toda suja de sorvete ela não sabia definitivamente tomar um sorvete

D - Você não sabe como tomar um sorvete realmente - Falei rindo - Sua cara está toda suja 

C - A não - falou fazendo um biquinho- Que merda 

D - Vem cá eu limpo - ela veio e eu passei a minha língua no rosto dela - Seu sorvete é bom - Falei um pouco maliciosa 

C - Tem mais se quiser provar - Ela jogou a indireta no ar , eu cheguei mais perto 

D - Quem sabe mais tarde ?! - Falei olhando em seus olhos com um sorriso sapeca nos lábios 

C - Quem sabe - Falou chegando perto e parando quando Quase estava encostando nossas bocas - A sua também está suja 

D - Por que não limpa para mim - ela me lambeu 

C - Seu picolé é bom 

D - Ele é todo seu 

C - Tá bom obrigada - Falou pegando o picolé da minha mão

D - Não esse picolé né - peguei o picolé da mão dela - Será que vou ter que mostrar qual picolé é ? 

C - Eu já sei , só estava tirando um sarro com você - Me deu um selinho 

Ficamos conversando mais uns 15 minutos na praça depois descidimos ir para o mercado

D - Então Recheio de que? Chocolate , Morango , baunilha , beijinho , leite em pó - falei olhando para a prateleira

C - Pode ser Chocolate , morango e beijinho - falou pegando os ingredientes e colocando no carrinho 

D - Tem que pegar mais chantilly , na sua casa já acabou - Falei e ela sabia o por que 

C - Nossa casa - falou me corrigindo

D - eu esqueço , desculpas , tem que comprar mais chantilly Para a NOSSA casa 

C - Agora sim , e pode deixar que eu pego - falou saindo e indo para o corredor que estava o chantilly e meus olhos só seguiam a bunda dela , e que bunda 

Ela pegou e voltou com o Chantilly

C - Está aqui- colocou dentro do carrinho - E você não sabe desfarssar mesmo né ? 

D - O que? 

C - Pensa que eu não vi você olhando para a Minha bunda ? 

D - Desculpa não consigo resistir - falei dando um tapa na bunda dela e ela riu 

C - Você ainda usa o Cordão que eu te dei lá no Rio , que gracinha - Falou olhando para o cordão no meu pescoço

D - eu  nunca tiro ele do pescoço 

C - É bom mesmo - eu ri - Agora qual é o próximo ingrediente ? 

D - Temos que pegar a massa do bolo 

Pegamos o que faltava e pegamos mais 2 pizzas e um refrigerante . E fomos para casa

D - Ponha uma roupa que você possa se sujar - falei quando entrei na NOSSA casa

C - Tá bom 

Trocamos de roupa e fomos para a cozinha . Cos estava com uma camiseta largada e só de calcinha e eu estava com uma regata e de calcinha

C - Tá faltando alguma coisa 

D - O que ? 

C - Música - Foi e ligou o som

Pov Cosima : 

Delphine quería me ensinar a fazer cupcake , Eu não sabia fazer nem miojo direito. Ligamos o som em uma música animada 

C - Agora sim - Falei dançando e ela veio para perto de mim e começamos a Dançar igual a umas malucas 

D - Isso é tão divertido - Falou dançando

C - É mesmo -Falei fazendo o quadradinho

D - Como que você faz isso ? 

C - Vem vou te ensinar - ela chegou mais perto - É assim , coloca a mão nos joelhos - ela colocou - Agora empina para frente , pro lado , trás,  trás e mexe bem o quadril

D - Assim ? - ela fez 

C - Isso ! só que mais rápido - falei fazendo e ela me acompanhou 

Continuamos dançando funk e estávamos rindo muito até que eu trupesso nos meus próprios pés e quando eu vou cair no chão ela me pega e a gente fica se olhando por um momento 

D - Peguei você - Falou com as mãos na minha cintura 

C - Obrigada - falei ollando para a boca dela - Sua boca é linda

D - A sua também é - Falou ainda agarrada em mim e olhando para minha boca 

C - Me beija , por que na posição que eu estou... - ela me calou com um beijo molhado e cheio de amor 

Depois ela me levantou

C - Vamos ir fazer os cupcakes ?

D - Claro 

Fomos para a cozinha e ela ia falando os ingredientes e eu ia colocando

D - Calma Cos , coloca mais devagar se não vai cair tudo para fora a massa 

C - Desculpas - falei meio desajeitada

O bolinho estava pronto e quando acabou de esquentar colocamos as pizzas no forno e fomos confeitar o bolinho

D - Eu quero o meu bem Rosa por que eu sou princesa - Falou misturando corante rosa no chantilly me fazendo rir 

C - hum... Que princesinha - felei tirando sarro - Eu quero o meu bem verde para simbolizar a esperança - ela riu e eu coloquei corante verde no meu chantilly 

D - Toma um pouco da princesinha - Falou passando Chantilly rosa no meu nariz

C - A senhora não fez isso - Falei surpresa 

D - Faço de novo - Falou passando mais 

C - Agora você vai sofrer com o poder da esperança - Peguei um punhado de chantilly verde e passei na cara dela toda 

D - aaaa não, agora você vai ver - Falou pegando todo o chantilly e passando no meu cabelo

C - Para - eu falei rindo e ela estava esfregando o chantilly em mim 

D - Ou o que ? - me desafiou

Eu olhei para ela com cara de seria e ela parou então eu comecei a fazer cosquinha nela e ela escorregou no chantilly que tinha caído no chão e caiu rindo , eu sentei em cima dela e peguei a minha tigela de chantilly verde e comecei a esfregar no cabelo dela e no rosto só que ela não estava conseguindo me tirar de cima dela por que ela estava rindo muito 

D - Cos ... Pelo amor de Deus ... - falou gargalhando - Quando eu sair daqui você vai se arrepender - falou gargalhando

C - A é ? - eu peguei os granulados e as porpurinas comestíveis e taquei no cabelo dela 

D - Não ...... Por favor ....- ela tentava falar só que não conseguia de tanto que estava rindo 

TOC TOC alguém bateu na porta 

C - Você teve sorte dessa vez - falei Olhando para Ela 

D - Coitada - falou em baixo de mim 

C - O que ? - falei voltando a fazer cosquinha nela 

TOC TOC 

C - Já vai - eu gritei da cozinha e sai de cima dela 

D - Bom mesmo você correr - falou no chão ainda 

C - Quando eu voltar a gente acaba de resolver 

D - Se você tiver coragem - falou levantado e eu gargalhei

C - Não me faça rir Comier 

D - É por que você pegou no meu ponto fraco

C - Isso é ser inteligente - falei saindo da cozinha e indo atender a porta 

Quando eu abri a porta dei de cara com Pedro 

C - Pedro ? - falei surpresa 

P - O que ouve com você que está verde e rosa ? - me olhou de cima a baixo 

C - A gente estava fazendo uma guerra de chantilly - dei espaço para ele entrar 

P - A gente ? 

C - Sim , Delphine está aquí 

D - Cos a Pizza Tá pronta - falou indo para a sala e quando ela viu o Pedro ela parou e encarou ele - O que está fazendo aqui ? 

P - Prescisava falar com Cosima 

D - Hum... - Não escondeu a cara de nojo dela 

C - Pode falar - olhei para ele 

P - A sós - ele olhou para Delphine

D - Bom eu vou tomar o meu banho - ela passou por ele e me deu um selinho 

C - quer sentar ? 

P - Não é rápido o que eu vou falar - ele estava andando de um lado para o outro parece que estava nervoso

C - Pode falar então 

P - Bom eu vim aqui por que já não consigo esquecer o que sinto - ele andava de um lado para o outro - Cosima eu sou apaixonado por você - ele me olhou 

C - Pedro ...  - ele me cortou 

P - falta uma semana para você se casar e eu estou feliz por você está feliz , mais eu nunca vou conseguir ser ela , e eu sei que você a ama - uma lágrima saiu do rosto dele - Mas eu não consigo mais te ver e ser só o seu amigo - ele chegou perto - Cosima eu te amo 

C - Pedro , desculpas te magoar mais eu... A amo , é com ela que eu quero passar todos os meus dias , é com ela que eu me vejo , ela é a minha felicidade e eu nunca vou conseguir amar ninguém além dela , você não tem culpa , mais é ela .... - me cortou de novo 

P - Tá bom eu já entendi - Deu um sorriso fraco - Espero que sejam muito felizes, vocês formam um casal bonito

C - Mais podemos ser amigos se quiser 

P - Melhor não , é a Delphine Nao vai com a minha cara ... Eu já vou indo - falou indo até a porta e parou - Até - abriu a porta e saiu 

A única coisa que eu consegui fazer é colocar a mão na minha cabeça e fechar meu olho , eu estava triste por perder um amigo, mais eu não poderia colocar tudo a perder com a minha Loirinha eu A amo .

Pov Delphine : 

Pedro apareceu na porta falando que queria falar com Cosima , então eu fui para o banheiro liguei o chuveiro e fiquei na porta ouvindo e vendo eles dois ela fechinha da porta . Claro que eu não ia deixar eles sozinhos . Eu confio na Cosima não nele.

Na hora que ele falou eu te amo , eu me segurei , bastante para nós ir naquela sala e bater muito nele .Meu Deus eu amava tanto Cosima que eu queria bater em qualquer um que chegasse perto dela . ELA ERA SÓ MINHA E MAIS DE NINGUÉM ! 

Ela veio se aproximando então eu entrei rápido de baixo do chuveiro , ela entrou no banheiro olhou para a minha cara e eu não conseguia desfarssar o meu semblante

C - Você ouviu tudo né ? - falou tirando a roupa 

D - Sim - falei curta e grossa 

C - Então o que achou ? - falou entrando no boxe

D - De qual parte ? Ele falando que Te ama ? - Falei com raiva lavando o meu cabelo 

C - Por que você está com raiva ? - falou pegando o shampoo 

D - Por que desdo começo eu avisei ,Mais ninguém acreditou né 

C - Não é assim - falou lavando a cabeça 

D - Não ? Então como é ? 

Ela ficou queta 

D - Ata - falei passando sabonete no meu corpo 

C - Mais eu dei um fora nele , você pelo menos ouviu o que eu falei ? - falou irritada

D - Ouvi - falei passando condicionador

C - O que você quer que eu faça agora?- perguntou impaciente 

D - Cosima eu não mando em você , você faz o que quiser

C - Agora vai ficar irritada comigo por que ele veio aqui ? - falou passando sabonete no corpo 

D - Eu não estou irritada - falei saindo e pegando a toalha

C - Se está falando 

Ficamos quetas , e eu me enxuguei e sai do banheiro , Coloquei outra camiseta e outra calcinha e fui para a cozinha pegar a pizza e o refrigerante , e fui para o sofa e liguei a televisão.

Cosima fez o mesmo e sentou do meu lado em silêncio comendo a pizza .

Depois eu acabei de confeitar o meu cupcake e ela foi para a cama , eu comi meu cupcake mexendo no celular e depois arrumei a cozinha e fui deitar também , ela estava virada para o outro canto da cama então eu deitei e me virei para ela ficamos uns 5 minutos em silêncio 

C - Você ainda quer casar comigo ? - perguntou ainda virada para lá 

D - Cos claro que eu quero - verei para ela e ela virou para mim 

C - Não fica triste comigo eu não tenho culpa - Falou com uma voz manhosa 

D - Eu não estou triste já falei - falei olhando para ela 

C - é claro que está , Você acha que não te conheço ? Eu sei de tudo de você , quando está com fome , quando está impaciente você fica batendo a perna num tique nervoso , quando está com raiva você fecha a cara , quando está exitada você morde os seus lábios e quando triste você fica quieta 

D - Você tem razão me conhece mesmo- falei respirando fundo 

C - Por que está triste ? Me fala eu quero saber

D - Eu estou triste por que eu avisei desdo começo e você falou que ele era só o seu amigo , amigos não vão na casa dos outros amigos para falar que Ama 

C - Eu sei eu errei , mais toda vez que ele chega perto da gente ele causa uma briga diferente , eu não quero Brigar então me perdoa ? 

D - Eu te amo tanto Cosima que só tenho medo de te perder , não prescisa pedir desculpas , eu confio em você e sei que não vai fazer nada 

C - você nunca vai me perder , Eu sou sua , não prescisa ter medo - passou a mão não meu rosto - Você sabe que eu nunca ficaria com o Pedro e nem ninguém além de você , por que eu te amo - Eu sorri 

D - Sabe o que eu vou fazer agora ? - Falei subindo em cima dela 

C - O que vai fazer loirinha? - falou sorrindo 

D - A revanche de hoje mais cedo - Falei fazendo cosquinha nela - Isso é por ter taxado glitter no meu cabelo - Mordi a bochecha dela e continuei fazendo cosquinha e ela estava gargalhando 

C - Eu vou fazer xixi na calça - falou gargalhando e tentando me tirar de cima dela - E sério minha barriga está doendo já - falou rindo 

Então ela se virou e eu cai no chão por que ela estava na ponta da cama e eu comecei a rir 

C - desculpas - falou olhando para Mim- espera aí que antes deu te acudir eu tenho que ir no banheiro - Falou levantando com as mão entre as pernas segurando o xixi e eu estava rindo no chão 

Ela voltou e deitamos na cama de novo só que dessa vez como pessoas normais 

D - Boa noite Thuthuquinha - falei abraçando ela 

C - Boa noite loirinha - Falou dando um beijo na minha testa e fazendo cafuné nos meus cabelos.

Como eu amava Cosima Niehaus.








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...