História O Dominador - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Dominação, Drama, Kim Taehyung, Romance
Visualizações 50
Palavras 1.632
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oooooláááááááááá
Oi nóix aki di novo!!!!

Queria muito agradecer a tds que estão me acompanhando nessa fic, dando favs e comments!!! Obrigada mesmo!!! S2
Vamos..
Porque a noite vai ser looongaaaaa

~Winnie

Capítulo 13 - O Protetor


Fanfic / Fanfiction O Dominador - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 13 - O Protetor

                Quando entrou em sua sala, Lana viu um enorme sorriso surgir no rosto de Jeon Jungkoook. Ele já estava aguardando por ela há mais de uma hora.

- Ai Jungkook, me perdoe... Acho que dormi mais do que a cama essa noite...rsrs.

- Bom dia, docinho!! Que bom que está descansada!! Assim podemos curtir melhor a NOSSA NOITE!!

- Ué? Mas não seria somente um jantar? – Lana pergunta, envergonhada.

- Essa noite é sua, minha princesa! Você vai decidir o que nós vamos fazer, ok?

- Ok! Então vamos trabalhar, porque o dia hoje vai ser longo...

- Vamos sim!!

(...)

                O dia estava passando sem maiores transtornos. Todos estavam bastante ocupados com seus projetos, Lana finalmente havia descoberto o objeto do seu projeto. A família Jeon era sócia da marca PUMA de artigos esportivos e, em toda Ásia, era de responsabilidade da família de Jungkook cuidar da imagem da marca. Desta vez, o foco seriam as diversas alternativas criadas pela empresa para roupas esportivas.

- Que tal se chamarmos alguns atletas patrocinados pela marca e trocarmos os uniformes deles? Algo do tipo o Lewis Hamilton, que é piloto de fórmula 1, usa uma roupa de natação e por aí vai??? Em cima disso podemos criar um slogan legal, estimulando a todos para a prática de esportes... – Lana já estava começando a se entusiasmar com o novo desafio

- É uma ideia bem bacana... Podemos tentar desenvolver um pouco mais e fazer alguns protótipos para serem testados até a semana que vem. – Jungkook gostou da ideia.

                Taehyung ficou algum tempo na sala de Lana, logo no início da reunião, observando enquanto ela trabalhava. Ele viu seus olhos brilhando quando ela começou a descrever os primeiros esboços do seu projeto. Realmente, era como um filho para ela. E ele estava fascinado com a paixão que ela transmitia ao trabalhar. Ele não quis impor a sua presença e saiu sem ser notado.

(...)

                Como Lana havia comentado com Jungkook no início do expediente, o dia passou bem agitado. Lana e Taehyung mal se esbarraram no corredor. Ela, focada em seu novo projeto com Jungkook. Ele, cuidando das práticas burocráticas da NKJ com Min Yoongi e Kim Namjoon.

- Tae...que tá acontecendo contigo hoje, hein??? Você tá totalmente disperso, cara!!! Já errou as contas, que temos que fechar ainda hoje, umas trezentas vezes!!! Qual o teu problema hoje? – Yoongi parecia irritado.

- Suga, Suga... seu tolo... O problema de Taehyung é americano e atende pelo nome e sobrenome de Lana Harris!!! – Namjoon comentou de forma sarcástica.

- Para de falar besteira, Nam... me deixa continuar com essas contas aqui, senão a gente não consegue fechar esses relatórios hoje... – Taehyung se mostrou contrariado e logo mudou de assunto, encerrando a conversa com o nome da estrangeira.

- Que vocês dois vão fazer hoje à noite? A gente bem que podia dar uma volta para beber um pouco... que tal? – Yoongi se empolgou logo com a ideia que teve.

- Eu topo!! Tô precisando desestressar mesmo... Vamos Tae? – Namjoon também concordou e perguntou para o Castanho.

- Cara... vou não...prefiro ficar em casa e descansar um pouco... – Taehyung respondeu, desanimado.

- Vai ficar secando a americana pela fechadura da porta do quarto dela, hyung? – Yoongi resolveu pegar pesado, mas não adiantou.

- Ela vai jantar fora com Jeon Jungkook hoje... – Taehyung sentiu um aperto na garganta ao dizer.

- Então??? Vamos prá rua também!!!! Namjoon tentou encorajar o amigo.

- Acho melhor não. Fica prá próxima...

                Taehyung conseguiu encerrar suas contas e relatórios, deixou com os sócios e resolveu ir embora mais cedo. Passou pela sala que havia cedido para Lana e pensou em entrar, mas mudou de ideia rapidamente. Foi embora sem se despedir dela. Não queria vê-la sair com Jungkook. Quando estava entrando no carro, resolveu fazer algo inesperado, inclusive para ele: passou uma mensagem pala Lana.

(...)

                Lana estava totalmente focada nas suas ideias, quando o celular acendeu a tela inicial, acusando a chegada de mensagem:

“Não sabia se você tinha o meu número, mas agora tem. Guarde. E não tenha dúvida em me chamar, se precisar. Eu irei até você, onde estiver. Tae.”

                Lana sorriu ao ler a mensagem e até se sentiu protegida. Mas sabia que não precisaria. Jeon Jungkook era um perfeito cavalheiro e tinha certeza de que a noite seria perfeita ao lado dele. Eles continuaram trabalhando mais um pouco e, quando saíram, perceberam que foram os últimos a encerrarem o expediente. Lana estava cansada, mas estava bastante satisfeita com o dia produtivo de trabalho que teve.

                Chegaram ao restaurante e foram logo levados a uma mesa que Jungkook havia reservado em uma área mais intimista do local. Era uma área mais restrita, onde haviam poucas mesas e onde, na maioria da vezes, casais jantavam para terem um pouco mais de privacidade. Lana ficou um pouco constrangida com a situação, mas resolveu não se deixar abalar. Estava decidida a aproveitar a noite longe de Kim Taehyung.

                Fizeram seus pedidos e conversaram bastante. Jungkook se mostrou bastante feliz por estar com ela naquele momento, somente eles dois.

- Lana...eu queria te agradecer por ter aceitado o meu convite. Na verdade, eu fiquei tenso porque não sabia se você aceitaria ou não... Mas que bom que você está aqui comigo!! Desde que te conheci no nosso primeiro jantar com meu pai e Kim Taehyung, eu não consigo parar de pensar em você...

- Nossa, Kookie... assim eu fico sem graça...rsrsrs. Não vejo nada demais em jantarmos juntos, afinal de contas, estamos trabalhando juntos e somos amigos, certo???

- Errr... certo...amigos... Será que consigo ser mais do que um amigo, algum dia???

- Kookie...por favor... não vamos confundir as coisas, ok?

- Vocês estão juntos, né?

- Oi?

- Você e o Taehyung...estão juntos né?

- Não!!! Não tenho nada com ele...Ele é meu patrão, só isso... Só acho melhor mantermos nossa relação do jeito que ela está, por favor, Kookie...

- Ok. Você está certa... Desculpa por tocar nesse assunto...

- Nada... tranquilo... Vamos pedir a sobremesa?

                Encerraram o assunto e comeram suas sobremesas falando amenidades. Lana falou sobre sua vida nos Estados Unidos, sua família, sua avó... Até esqueceu de pedir ajuda para sair da casa de Kim Taehyung, já que havia sido sequestrada. Na verdade, ela desistiu, quando percebeu que o Castanho estava diferente... e ela estava gostando dessa mudança dele.

                Já estava tarde e resolveram ir embora. Entraram no carro e Lana acabou dormindo no banco do carona. Quando ela acordou, percebeu que não estavam no portão da mansão de Taehyung. Ficou tensa e pensou em ligar para ele, mas antes resolveu perguntar

- Jungkook onde estamos?

- Estamos em minha casa, docinho. Achei que você iria gostar de passar a noite comigo e brincarmos um pouco... Que tal??

- Kookie...por favor, me leva prá casa... eu estou exausta... – Lana tirou o celular da bolsa sem que o jovem Jeon percebesse e discou o número de Taehyung.

- Que isso meu docinho??? Vamos continuar a nossa diversão!!! Se você não tem nada com o Tae, pode muito bem ter comigo que sou beeeeemmmmm mais interessante do que ele, por sinal....

- Por favor Jeon, eu quero que você me leve para a minha casa!!! Não quero ficar aqui!!!!

(...)

 

                Taehyung estava quase dormindo quando ouviu o seu celular tocando. Era Lana. Atendeu logo, afinal de contas, ela só ligaria se tivesse algum tipo de problema com Jungkook. Mal sabia ele que o problema era bem mais sério do que ele poderia imaginar:

*Ligação ON*

 

-Lana? Algum problema?

 

“Que isso meu docinho??? Vamos continuar a nossa diversão!!! Se você não tem nada com o Tae, pode muito bem ter comigo que sou beeeeemmmmm mais interessante do que ele, por sinal....

- Por favor Jeon, eu quero que você me leve para a minha casa!!! Não quero ficar aqui!”

- Lana!!! Lanaaaa!!!! Fala comigo princesa!!!!! Onde você tá??

- Tae??? Socorro!!!! Acho que tô na casa de Jungkook... Me ajuda, por favor..

- Se ele encostar um dedo em você, eu juro que eu mato ele!!!!

*Ligação OFF*

                Taehyung nem se preocupa com mais nada. Pega a chave do carro e acelera o mais rápido que consegue para a casa da família Jeon. Quando ele chega, desce do carro e entra correndo pela casa, sem se importar com o restante da família, que estava dormindo.

- Lanaaaaa!!!!! Lanaaaa!!!! – Taehyung começa a gritar pelo corredor.

- Argh!!! Por que você chamou ele aqui????? Agora que a gente ia começar a se entender.... – Jungkook bufava de raiva por Lana ter ligado para Taehyung.

                Lana havia conseguido se esconder em um dos banheiros da casa e só sairia dali quando Taehyung chegasse. Ficou feliz quando ouviu o Castanho chamando seu nome pela casa.

- Tae!!!! Que bom que você chegou!!!! Graças a Deus!!!! Obrigada!!!!

- Ele encostou em você??? Fala Lana??? Ele te machucou????

- Não... vamos embora, por favor...

- Vai para o carro, Lana...

- Tae...vem comigo...

- Lana, VAI PARA O CARRO!!!!

                Lana saiu correndo e entrou no carro, esperando pelo pior, já que Kim Taehyung estava visivelmente transtornado com a situação. Enquanto isso, dentro da casa, Taehyung pega Jungkook pelo colarinho da camisa e fala calmamente:

- Se você chegar perto dela novamente, eu A-CA-BO com você, entendeu??? Fui claro?? Espero que sim, porque eu detesto repetir algo que falo.

                Saiu da casa caminhando e foi embora com Lana. Ela só conseguiu parar de chorar quando Taehyung entrou no carro e começou a acalmá-la.

- Vamos embora agora, ok? Está tudo bem, princesa. Eu estou aqui com você e não vou deixar nada de ruim te acontecer. Você confia em mim?

- Confio, Tae.

- Então vamos. Esse idiota não vai mais mexer contigo. Nunca mais, não se preocupe.

 

 

***Continua***

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Amoreess!!!!

Viram que o Kookie não é tão bonzinho assim???? HiHiHi....
E o TaeTae??? Que docinho!!!! #MeuHerói

Partiu
Ngm viu
Bjus

~Winnie


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...