História O idiota cor de rosa . - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aventura, Colegial, Drama, Jake, Julie
Visualizações 12
Palavras 1.050
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Saga, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Eu aqui em pleno sabado esperando que os autores das minhas fics favoritas atualizem as historias ,😂😂😂 é ,eu sei tá todo mundo curtindo o fim de semana né , e pras curicas que nem eu sobra O quê ??? 😒🙋 atualizar essa história já que não tenho nada melhor pra fazer . 😂😂😂 bora logo pro capítulo .

BOA LEITURA ❤❤❤

Capítulo 11 - O passado nunca morre ...


Eu estava em pé encostada na porta , estava com uma tremenda falta de ar e se eu não recuperar o ar agora terei graves problemas . Soraya batia na porta e me pedia para abri-la freneticamente , e eu apenas a mandava ir embora .


Soraya - Julie abre essa porra de porta agora !!!


Ela disse batendo várias vezes na porta .


Eu - vai embora ...


Digo com o resto do fôlego que eu tinha , e fui escorregando pela porta até chegar ao chão , abracei minhas pernas e comecei a chorar , estou confusa , tão confusa a ponto de não saber o que fazer a não ser chorar , muitas cenas que Não tinham nenhuma conexão , passaram pela minha cabeça , muitas lembranças que eu não consigo assimilar e processar de uma vez . eu preciso organizar meus pensamentos , estou com uma grande confusão mental . passei minhas mãos pelo rosto e depois puxei os cabelos  tentando me acalmar . estou ofegante , e o ar está preso em meus pulmões , derrepente tudo ao meu redor começa a girar o barulho das batidas de Soraya a porta foram sumindo ao longe , e uma grande escuridão tomou conta de tudo . acabei por desmaiar .


        ****


Abri os olhos e me vi naquele jardim mal cuidado e sem vida novamente , novamente a mesma lembrança . olhei para a escadaria e vi a menininha chorando , fiquei a olhando estranhamente , aquilo deixou meu coração em frangalhos . caminhei até ela sem entender porque estava fazendo isso , e me sentei ao seu lado , fiquei a olhando , e cada soluço que eu ouvia dela parecia uma surra em meu subconsciente , eu podia sentir a dor dela , um sentimento de vazio e abandono , que estava machucando a minha alma . eu resolvi a chamar , antes que eu começasse a chorar também .


Eu - oi .


Falo com a voz fraca , as lágrimas já começaram a se formar em meus olhos . mas a garotinha não respondeu , tudo bem devo ter falado baixo de mais ,  tentei a chamar outras vezes , mas ela não respondeu . até que Tentei tocar em seus cabelos , e me surpreendi quando minha mão passou diretamente por ela ,  sem tocar em nada . me senti como um fantasma , e uma sensação de inexistência e desespero tomou conta de mim .


- eu morri ??? 


Digo enquanto olhava as minhas mãos , e não notei nada de diferente , resolvi me beliscar para me levar de volta a realidade , e me arrependi assim que a dor chegou .


- pelo menos não estou morta .


Digo para mim mesma e suspiro um ufa .


- mas também não posso estar sonhando então ... Onde eu to nessa bagaça ??


Meus pensamentos foram cortados pelo som de passos . A garotinha tirou a cabeça que estava escondida entre as pernas e desviou o olhar para mim enquanto enchugava as lagrimas rapidamente , e pela primeira vez na minha vida eu me vi nos olhos de alguém , eu me vi nos olhos dela ! . 


- oi .


Meus pensamentos foram cortados por uma voz de criança , olhei na direção e vi 2 garotinhos muito fofos , tive vontade de apertalos , um loirinho de cabelo bagunçado e de olhos azuis , cor de infinito . e o outro tinha o cabelo escuro formando um topete , e olhos verdes esmeralda , engraçado parecem uma mini versão do ...


Garotinha - oi .


Ela disse enquanto enchugava uma lágrima que escapou de seus olhos e cortou novamente meus pensamentos , ainda bem porque eu tava pensando numa grande besteira .


- porque você ta chorando ??


Disse o de cabelo escuro , de uma forma muito doce e fofa .


Garotinha - puque eu tô sozinha , meu papai foi embola .


Ela disse de uma forma engraçada não deve ter aprendido a falar direito ainda , ela parecia ser um pouco mais nova que os 2 garotos .


- não fica assim 


O loirinho disse e a abraçou , ela retribuiu .


- você quer brincar com agente ? 


O de cabelo escuro completou .


Garotinha - quero .


A garotinha respondeu sorrindo .

E eu apenas observava tudo sem poder fazer nada . 


- qual é o seu nome ??


Perguntou o loirinho .


Garotinha - Julie .


Ela disse , e confirmou todas as minhas suspeitas , sim , estou revivendo uma lembrança e aquela garotinha sou eu .  isso é tão estranho ,

Derrepente tudo sumiu , e voltei a ver apenas a escuridão , e eu entrei em dsespero , eu quero entender ! Eu preciso entender . eu quero lembrar ! Eu preciso lembrar Essas lembranças não podem sumir agora , eu preciso saber Como tudo começou , eu tive uma vida antes daquele acidente , eu preciso saber quem eu era , eu preciso saber quem eu sou  .


     *** Sonho - off***


Meus pensamentos fugiram da minha cabeca assim que comecei a ouvir meu celular tocando , esse barulho foi o suficiente pra me trazer de volta a realidade . Senti meu corpo mole , e quando reparei estava caída no chão do meu quarto , minha respiração normalizou , e o barulho incessante do meu celular está me irritando muito , levantei com preguiça peguei o celular e desliguei sem reparar em quem era , joguei o celular na cama , abri a porta olhei para os lados e não vi a Soraya . 

Desci as escadas e a encontrei com o celular na mão caminhando de um lado para o outro , parecia preocupada e impaciente .


Eu -  nossa que bicho te mordeu ?? .


Eu digo enquanto esfrego os olhos , estou com sono .


Soraya - Julie ! ,  Ainda bem que você apareceu .


Ela disse correu até mim e me abraçou forte , não retribui de início , mas depois eu a abracei de volta .


Soraya - você tá bem ?? Se machucou ?? Porque se trancou no quarto como uma doida  ?? 


Ela disse se afastando de mim e segurando meus ombros .


Eu -  calma eu estou bem , só lembrei de uma coisa que eu nunca devia ter esquecido .


Soraya - o que ?? 


Eu - o passado nunca morre .



Notas Finais


Foi um capítulo só pra falar sobre o passado da Julie e acho que alguns serumaninhos aí já se ligaram em quem são os 2 garotinhos fofos kkkk .

E geeenteeeee , esqueci de dizer uma coisa a vocês , um garoto do meu colégio pintou o cabelo de vermelho , só que ficou rosa e até agora eu tô tipo :
- é o que ?? 😵😱

minha amiga e eu estamos brincando agora dizendo que ele ficou a cara do Jake .

Não tem nada haver com a história mais eu queria dizer a vocês 😂😂 .

gente se o capítulo ficou confuso me digam aí nos coments , vou ter o maior prazer em responder e ajudar vocês .

tchau kookies até o próximo capitulo , e obrigado por lerem 😍😘😘😍.

AMO VOCÊS ❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...