História O olhar da Salvadora - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Capitão Killian "Gancho" Jones, David Nolan (Príncipe Encantado), Emma Swan, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Neal Cassidy (Baelfire)
Tags Captainswan, Once Upon A Time, Romance
Visualizações 59
Palavras 1.239
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Fantasia, Luta, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá minhas divas que eu amo muuuuuito
Finalmente dia 17 chegou e aqui estou eu
Com o primeiro cap da fanfic completo
POSTADO
Aproveitem divas

Capítulo 2 - Quer se casar comigo, Swan?


Muito tempo se passou... O reino estava reconstruído, estava tudo maravilhoso com Branca e David no poder e Regina e Zelena trancadas nas masmorras, sem poder algum sobre nada e nem ninguém. Killian e Emma estavam cada vez mais apaixonadas, David estava aceitando bem o fato dela namorar um pirata e acabou deixando ela velejar com ele diversas vezes. Por falar neles Emma conseguiu recuperar a mão de Killian e agora tudo voltou ao normal.
Porém a única coisa que o pai dela não estava satisfeito era, porque sua filha ainda não estava casada? Aproveitou o fato daquela noite ser o baile de aniversário de Emma e ele foi falar com Killian em seu navio enquanto Emma fazia a prova do vestido. 
-Onde esta o capitão deste navio?-perguntou David entrando no Jolly Roger. Killian estava em seu quarto e estranhou o fato de David estar ali.
-Meu sogro esta em um navio pirata?-perguntou Killian indo até David-Tinha que ver com meus próprios olhos.
-Estou aqui por uma boa causa-respondeu David.
-Bom, sente-se-disse Killian pegando uma cadeira para ele-Que causa é esta?
-Minha filha. 
-Eu fiz algo de errado pra ela?
-A questão é o que você não fez. 
-Como assim?
-Minha filha esta grávida e vocês estão juntos há bastante tempo... Ainda não pensou em casamento?
-Você esta pedindo para eu pedir a mão da sua filha em casamento?-Killian realmente estava surpreso. 
-Eu não estou pedindo, eu estou lhe dando uma ideia do que é o certo a se fazer.
-E se eu te contar que queria pedi-la em casamento faz duas semanas?
-Porque não pediu?
-Porque não sabia se os pais dela estavam de acordo. 
-Ora, é claro que estamos de acordo! Queremos que nosso neto nasça com os pais casados e unidos. 
-Também concordo com isso. Então... Eu posso mesmo pedi-la em casamento?
-Sim, quanto antes, melhor. 
-Hoje à noite?
-Era nisso que eu estava pensando! Você já tem alguma ideia?
-Na verdade venho pensando nisso faz tempo e sim, eu tenho uma ideia. 
David sorriu. Gosta de saber que tinha um genro decidido. 
(...)
Emma estava em seu quarto bem indecisa sobre qual dos cinco vestidos escolher, até que Killian entra no quarto. 
-Killian!-disse ela sorridente ao vê-lo-Que bom que veio, meu amor-ela o beijou-Estou precisando da sua ajuda. 
-Ah é mesmo? Em que?-perguntou ele e leva pegou na mão dele o guiando até a parte do quarto que estavam os vestidos. 
-Não sei qual escolher. 
-Todos são lindos, mas desde quando você liga pra isso? 
-Desde que este é o meu primeiro baile como princesa daqui, uma princesa que esta fazendo 21 anos e que logo assumirá o trono... Eu estou muito nervosa. 
-Não fique, amor. Você será uma maravilhosa rainha! Não precisa causar boa impressão através dos vestidos, porque você já faz isso sendo quem é. 
-E quem eu sou?
-A garota mais doce, gentil, carismática, linda e perfeita desde reino!-afirmou Killian olhando nos olhos dela. Ele não estava mentindo em nenhuma de suas palavras. Emma sorriu e então lhe deu um selinho, ela ganhou a confiança que precisava-Vá com o vestido...
-Tem certeza? 
-Absoluta! Ele só vai realçar mais a sua beleza. 
-Ai Killian, eu te amo!-afirmou ela o abraçando. 
-Eu também te amo, amor!-afirmou ele e então ambos sorriram.
(...)
Tudo estava pronto para a surpresa de Emma. Killian iria ter a segunda dança com ela no baile, e na hora do jantar, que seriam nove da noite para Emma completar os 21 anos, ele iria fazer uma homenagem para ela e depois no final ele iria pedi-la em casamento na frente de todos. 
Já eram oito da noite e então as pessoas que podem se julgar as mais importantes do baile já começaram a serem apresentadas. 
-Tenho orgulho em apresentar nesta noite nosso rei David Nolan seguido de seu genro Killian Jones-disse o apresentante e então David e Killian desceram as escadas para receber Emma e Branca.
Desceram até o último andar da escada e então esperaram Emma e Branca serem apresentadas. 
-Agora apresento a vocês nossa rainha Branca de Neve-disse o apresentante e então Branca desceu as escadas e logo foi levada para a mesa por David-E por fim, mas não menos importante a aniversariante Emma Swan. 
Logo Emma apareceu com seu vestido vermelho longo e com seu cabelo preso em um coque bagunçado, mas ao mesmo tempo fino demais. Ela desceu as escadas e foi até Killian que a recebeu com um beijo da mão. Em seguida ambos foram para o centro do salão os quais iriam puxar a primeira dança do baile. 
-Esta contente, Swan?-perguntou Killian ao meio da dança o que gerou uma curiosidade em Emma.
-Mas é claro que sim!-afirmou Emma-Porém, porque a pergunta?
-Nada, é que... Quero saber se estou conseguindo compensar tudo o que eu te fiz.
-Como assim? O que você me fez?
-Aquilo com a Regina na Terra do Nunca. 
-Ah isso, meu amor, você tem que esquecer isso, porque eu também já esqueci. Já te disse que te perdoei, porque faz isso com si mesmo? 
-Eu tenho medo de não ser o suficiente pra você, medo de não te fazer feliz, assim como fiz com meu pai.
-A culpa não foi sua de seu pai ter te abandonado. 
-Se eu estivesse fazendo ele feliz ele não teria feito isso.
-Não, ele fez isso, porque ele não conseguia viver feliz. Mas não quer dizer que você seja o culpado, meu amor, por favor, esquece tudo isso e só se lembre de que você me faz feliz como ninguém faz. Só saiba disso. 
Killian sorriu ao ouvi-la falar aquilo e finalmente, em muito tempo, ele conseguiu se perdoar pelo que fez. Beijou-a de uma forma de como nunca havia feito antes. Acabou que eles foram recebidos por muitas palmas dos convidados. 
(...)
Finalmente chegou a hora do jantar e também a hora de pedir Emma em casamento. Killian estava sentado ao lado de Emma na mesa principal quando chegou sua vez de falar sua homenagem a ela. Ele se levantou na mesa e então respirou fundo e falou:
-Bom, todos sabem de quem eu era antes de conhecer a Emma e não me orgulho desta pessoa, porém tem algo que pode iluminar até o coração mais escuro... Que é o amor... Emma entrou na minha vida e eu já esperava por isso, mas o fato de me apaixonar por ela não estava nos meus planos... Apaixonei-me por ela de um jeito inexplicável, tão rápido, mas ao mesmo tempo nem vi quando aconteceu. E conhece-la foi a melhor coisa que aconteceu comigo, porque ela foi a pessoa que deu luz a minha vida, que iluminou um coração partido e enferrujado... Então é por isso que eu a amo mais que minha própria vida, é por isso que ela é a melhor pessoa que já conheci e também é por isso que irei fazer isso... 
Logo Killian olhou para Emma, que estava chorando rios de lágrimas naquele momento. Ela ficou ainda mais surpresa quando ele se ajoelhou e pegou uma caixinha em seu bolso. 
-Quer se casar comigo, Swan?-perguntou ele e então Emma chorou mais colocando as mãos sobre a boca de surpresa. 
-Mas é claro que sim, meu amor!-afirmou ela conseguindo o maior sorriso de Killian e também de seus pais. Logo ele colocou o anel do dedo dela e em seguida ela o beijou-Eu te amo, Killian!
-Eu também te amo, Swan!-afirmou ele. 

 


Notas Finais


Será que ocorrerá este casamento?
Pergunta: Querem que eu continue com as perguntas diarias? kkkk
Até amanhã minhas divas, amo vcs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...