História O Presente - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~BunnyBlack

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Hybrid, Namjin, Taekook, Vkook, Yoonseok
Visualizações 31
Palavras 1.562
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Ficção, Fluffy, Hentai, Lemon, Luta, Policial, Sci-Fi, Sobrenatural, Violência, Visual Novel, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Fala eae Fadinhas :'3
Turo bom? Espero que sim
.
..
...
Essa aqui e a minha 2 fic e vou escreve -la com um amigo
por que ? porque sim sociedade brasileira!

Capítulo 1 - Carta? E um coelho de presente? ; Quem e esse menino?!


Fanfic / Fanfiction O Presente - Capítulo 1 - Carta? E um coelho de presente? ; Quem e esse menino?!

 P.O.V Kim Taehyung ~ 

  É difícil saber por onde começar. Acho que podia contar tudo a você, onde nasci, morei e como eram as coisas quando papai ainda estava vivo junto a mim e minha mãe, o que aconteceu quando eu era garotinho, coisas assim, mas isso não é muito importante. Talvez seja, ou não.

 Aqui está eu, que acabará de receber uma festa surpresa - Não e que eu não tenha gostado, é que já estou muito velho para isso - Estavam todos aqui primos, primas, tios e tias. Só não havia avistado meus amigos, provavelmente chegaram depois. 

  Falando neles, acho que são ele tocando a campainha. Vou até lá em passos largos e os atendo e não é  que eram eles mesmo, como sou vidente meu Deus. Sinto alguém pular em cima de mim - E cai que nem uma banana madura - , dando leves beijos em minha bochecha.
        - AAAH!!, Meu bebe está fazendo 20 aninhos! - Ai então pude ver Jin. Os outros meninos começaram a rir, enquanto eu estava morrendo sufocado. Logo ele para de me abraçar. - Desculpa meu bebe. - Falou me levantando e ajeitando minha roupa, enquanto o resto continuava rindo de mim.

  -  Parem de rir de mim!. - Falo alterado eles continuam rindo. - Nossa... Então o que o resto de vocês esperam para entra?. - Pergunto e todos entram e vão para a sala onde estão os outros convidados.

 Eles foram para a sala, quando eu estava preste a segui-los sinto alguém puxar meu pulso, eu olho para o lado pude ver minha mãe me puxando para fora da casa. Ela me disse para não fazer barulho pois ela queria me dar algo que o papai deixou para mim - Eu estava presta a achar que era um carro sei lá ou outra coisa - quando ela estende a mão era um carta ela parecia um pouco antiga, e estava coberta por sangue... Está carta,com certeza ele iria me dar no meu aniversário de 10 anos.  

    Eu pude sentir algumas lágrimas descerem pelo meu rosto, e apenas senti minha mãe me abraçar e dizer "Eu vou entrar, é você vai ler esta carta do seu pai...E não chore, não quero meu filhote desidratado. " então ela saiu deixando um pequeno selar na minha testa e sair. 

   Então eu li a carta...

    Olá meu querido filho, desculpa seu appa não ter 
passado todos seus aniversários junto a   você  por culpa do
trabalho. Mas este presente que quero lhe dar deu bastante
trabalho para conseguir, ele e um coelho... porém um coelho diferente, ele chegará em nossa casa quando você tiver 20 ou  21 anos ai você saberá cuidar dele bem.. Saiba que meu orgulho sempre foi ter você continue sendo esse meu garoto maravilhoso. Esqueci de avisar o nome dele e Jeon Junkook é ele e um h...      

     ----- 
         Quando eu estava preste a termina de ler a carta eu vi que no final estava coberto de sangue, não conseguia mais ler nada, eu tentava de tudo mas não adiantava. A única opção que me resta e pergunta para minha mãe.

Eu corri atrás de minha mãe parecia que ninguém havia visto ela, ninguém mesmo. Então fui aos meninos pergunta se ele as viram. Pode ver Yoongi dormindo no colo do Hoseok, eu tenho que tirar uma foto - Peguei o celular e tirei uma foto dos dois - E me aproximei deles. 

   - Hyungs vocês viu minha Omma?. - Pergunto meio desesperado, e todos me olham preocupados comigo.

   - O que aconteceu meu bebe?.- Perguntou Jin hyung me abraçando e dando um beijo na minha testa.- Eu não a vi mas o que aconteceu desta vez?

  - Meu pai... - Jin e todos os outros me olharam confusos - ambos sabiam que meu pai haviam morrido.. - Ele ia me dar uma carta no meu aniversário de 10 anos, e a recebi hoje.. eu a li e ele disse que iria me dar um coelho... - Ele me encaram dizendo "Como assim" - E ele disse que era um coelho diferente, e que seu nome era Jeon Jungkook, e que ele era outra coisa, só que na carta não da para ler o final está coberto de sangue.

  Por um tempo os meninos ficaram me encarando, e eles pareciam mas confusos que eu. Jin logo me soltou e foi para perto de NamJoon, então eu pude me senta no sofá perto do casal "YoonSeok", onde Yoongi estava "morto" de sono.

Eu não parava de pensa onde poderia está este tal "presente" vulgo o coelho, onde meu pai cita na carta que ele e diferente, mas que tipo de diferente - Talvez ela não coma cenoura, ou então no aja como um coelho e sim como um gato ou cachorro, ou tenha problemas  - Isso era o que se passava em minha cabeça dúvidas e mais dúvidas.

Então comecei a conversar com os meninos e eles diziam que poderia ser só um coelho "normal nada demais". Alguns horas conversando com os meninos, minha Omma aparece e chama todos para  a mesa onde o bolo estaria. Todos foram enquanto eu ficava atrás de mesa esperando mas algumas pessoas.

  Nunca fui de gostar de festa de aniversários, desde o dia do meu aniversário de 10 anos quando papai havia sofrido um acidente de carro é não sobreviveu antes de chegar no hospital... Quando todos já estavam lá, apagaram -se as luzes e começaram canta aquela musiquinha enjoada e chata de sempre.

   --------
          A festa já havia acabado, e eu só estava despedindo dos meninos - E claro que Yoongi passou a festa toda dormindo, eu só pude ver Hoseok levando Yoongi no colo ainda dormindo e colocando ele no banco de traz do carro, e o resto dos meninos ainda estavam conversando comigo e de pois nos despedimos

 Quando me despedi dos meninos eles foram embora e fechei a porta. Até que a casa não estava um bagunça, fui para a sala e vi minha Omma sentada no sofá - ela parecia super cansada com tudo isso - fui até ela e sentei do seu lado. Ela olhou para mim e deu um sorriso amigavel, e perguntei.

- Omma, que tipo de coelho e esse que meu pai disse que iria me dar?. - Falei em um tom confuso, e a mesma me encara pegando em minhas mãos.

 - Filho, antes de seu pai morrer... Ele me disse que o seu "presente" chegaria depois de 10 anos e agora você já tem 20 certo? Tenho certeza que você gostará dele, no dia em que eu e seu pai visitamos ele, ele  era apenas 3 anos mais novo que você, eu me lembro como se fosse ontem, como ele era tímido, e tudo ele ficava com vergonha.- Tá eu já estava totalmente confuso, agora estou mais ainda, como assim ele era 3 anos mais novo que?!. - Agora ele já deve está vindo. - Falou ela olhando para o relógio em seu pulso. - E melhor você tomar um banho e dormi meu filhote.- Disse dando um selar na minha testa e se levantou e foi para cozinha.

 -----------
         Depois de ter uma pequena conversa com minha Omma, eu subi para meu quarto e meu tranquei por lá mesmo. Eu pequei uma toalha e uma box preta e fui para o banheiro tomar um belo de um banho.

Quando terminei meu banho, fui para o quarto com a toalha amarrada em minha cintura e fui pegar uma roupa confortável no meu armário. Depois de me vestir deitei na minha cama e fiquei olhando para o teto pensando na vida e na droga de que tipo de coelho e aquele que meu pai falava na carta.
        Depois de tanto pensar cai no sono e dormi.

 ---------
        Amanheceu e eu acordo com uma claridade que com certeza estava vindo da janela do quarto. Me levanto e vou para o banheiro fazer minhas higienes matinais, e lavo meu rosto e o seco com uma toalha próximo a porta do banheiro. Desço as escadas e encontro minha mãe fazendo o café, chego nela devagar e dou um selar em sua cabeça e a mesma leva um susto quase jogando as coisas no chão.

     - Taehyung não faça isso!!. - Ela falou e eu apenas ri. - Quero que vá na sala seu presente está lá a sua espera. Eu não quero que o trate mal!. Entendeu?Ele e só uma criança...- Disse ela pausadamente e eu apenas cedi com a cabeça.

- Tá bom.. - Digo saindo da cozinha caminhando até a sala devagar, e me deparo com uma bolsa no chão e grito minha mãe. - Mãe! Porque tem uma bolsa no chão da sala?. -Falo pegando a colocando em cima do sofá. Logo levo um susto quase caindo no chão, havia um menino sentado no sofá ele tinha umas orelhas de coelho - deve ser fantasia com certeza - e um rabinho Que fofo!. Ele parecia está com mas medo de mim do que eu dele. - Mãe por que tem um estranho, fantasiado de coelho!! .- Grito/falo bem alto, e o menino se encolhe no sofá. - Esquece! Quem é você e o que está fazendo na minha casa!!. - Grito com ele.- Mãe!! Cadê a senhora e quem e este garoto!!

-

--

---

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Até o próximo cap fadas!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...