História O sequestro - mini história - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Personagens Originais
Tags Sou Luna
Visualizações 63
Palavras 315
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - Capitulo 8



Ruggero: que? oO` - confuso.

Karol: o que quer? - ainda apontando a arma para ele.

Ruggero: na verdade nada, eu não quero seu dinheiro, eu só queria vc.

Karol: eu? - perguntou ela confusa

Ruggero: sempre a desejei Karol, sempre - ele se aproximou - mais vc nunca me notava - ele segurou na arma e ela fechou os olhos e apertou o gatilho, mais nada, nenhum som, nenhum sangue, nenhum corpo caido - esta sem bala querida.Nunca pensei em te machucar.

Karol: sem bala, todo esse tempo sem bala, me enganou - olhando a arma, ele tirou da mão dela - mais isso não muda nada, vc matou aquelas pessoas - afastando dele

Ruggero: Que pessoas? Oo` - mais uma vez confuso

Karol: na frente do condominio, vc matou eles, aquela criança não merecia ficar orfã tão cedo.

Ruggero: não matei ninguém Karol - disse ele tentando entender - nunca matei, não tenho coragem de matar nem uma mosca, ainda mais pessoas.

Karol: se não foi vc, pq estava com uma arma, naquele local? - olhando de canto de olho 

Ruggero: descarregada e de brinquedo, era só uma fantasia sexual, sempre senti vontade de fazer isso, e ver vc em pânico me deu tesão - aproximando dela.

Karol: vc é louco, eu quase tive um infarto, pq vc não pensou em um jeito melhor, menos doentio? - O que era isso ela tava se entregando? Karol o olhou e percebeu que estava mesmo gostando disso apesar do susto.

Ruggero: ja disse, foi uma fantasia, e muito bem realizada, vc é muito mais gostosa do que eu imaginava - abraçando ela pela cintura e empurrando até a mesa, ele sentou ela, e se pôs entre as pernas dela.


Karol: É melhor vc parar, seu maniaco, tarado - tentando empurrar ele, mais era vão, ele era forte demais, seus musculos escorregadios pelo suor que molhava todo seu corpo a deixava louca com o cheiro natural de homem.


Notas Finais


Gente, sinto informar vc que o próximo capitulo será o último. Não fiquem triste.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...