História O tráfico era tudo.. Até Taehyung.. - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Drogas, Hentai, Imagine, Taehyung, Trafico
Visualizações 91
Palavras 464
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ecchi, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


E aí gente, tudo bacana?
Sejam bem vindos a mais um capítulo.

Capítulo 22 - Onnnw.. Ainn.. A campainha??


Fanfic / Fanfiction O tráfico era tudo.. Até Taehyung.. - Capítulo 22 - Onnnw.. Ainn.. A campainha??

Acordei no dia seguinte, com cheiro de panquecas, que vinha da cozinha. Me levantei, e vesti um blusão que tinha ali, e fui ver o que estava acontecendo.

parei atrás do balcão, e vi Taehyung, jogando algumas panquecas para o ar, e eu comecei a rir baixinho de tudo.

Ele me olhou, e por um momento o vi ficar vermelho.

-Desculpa.. Eu não queria te desconcentrar. -Falei o olhando fazendo bico.

-Na.. Não atrapalha.. -Ele falou passando o olho pelo meu corpo.

Senti minhas bochechas esquentarem, e me dirigi até ele.

-Oppa.. Eu.. Obrigada tá ? -Falei e ele me olhou sem entender. -Obrigada por estar nessa mentira comigo, por não ter transado com aquela menina aqui, e passado a noite de ontem comigo. -Falei e sorri.

Ele se aproximou e senti meu corpo entrar em alerta. Eu o desejada, ficava mal o imaginando com outra, eu o queria pra mim, mesmo que fosse de mentira, mas o queria.

Estávamos olhando um ao outro, como se fosse a coisa mais importante do mundo (Por um momento era mesmo), e a nossa respiração tomava o ar para si.

Ele aproximou nossas bocas, e eu dei impulso as colando. A língua dele pediu passagem, e eu cedi. Puxei os fios de sua nuca e ouvi ele soltar um gemidinho, me empurrando para a sala.

Senti meu corpo cair pra trás, e percebi que já estava deitada no sofá com ele por cima de mim.

Sua mão foi para minha intimidade e senti ele massageando meu clitóris, me fazendo gemer entre o beijo.

-Taehy...

-Shhiii, só quero ouvir os seus gemidos, o barulho do sofá contra a parede e os nossos corpos se chocando. -Ele falou e senti meu corpo ferver.

Ele deixou minha boca e desceu beijando meu corpo.. Era algo intenso, e eu não sabia o que estava acontecendo. Ele desceu até minha intimidade, e a beijou ainda por cima da calcinha.

Gemi com isso, e vi ele sorrir.

Começou a tirar a minha calcinha, e a vi jogar em um outro canto da sala, e confesso que agora eu não me importava.

Ele voltou a atenção para a minha boceta, que estava querendo atenção.

Se ajoelhou e senti sua língua em cima de meu clitóris, fazendo pequenos círculos com a mesma.

Eu segurava com força uma almofada que estava em baixo de mim, e com outra mão eu segurava seu cabelo.

Ele passou para os lábios menores, e logo em seguida para os maiores.

Eu estava sentindo que iria gozar, quando a campainha toca.

Taehyung para rapidamente o que está

fazendo, e me olha frustado, se levantando. Consigo ver sua ereção, e tudo o que eu queria era ela em minha boca.

-Vou ir atender.. se vista por favor. -Ele fez uma careta indo para a porta.

Me vesti, e sentei no sofá como se nada tivesse acontecido, e quando ele abriu a porta, vi Minha tia.


Notas Finais


Me digam o que estão achando ok?
Até o próximo capítulo S2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...