História Pílulas - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Poesias, Romance
Visualizações 9
Palavras 303
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 28 - Um louco devaneio


Fanfic / Fanfiction Pílulas - Capítulo 28 - Um louco devaneio

Há uma tempestade dentro de mim que me impede de ver quem sou e o que desejo, é como um rio que transborda angústias, frustrações e medo.
              Essa correnteza me leva a lugar nenhum, me tira o ar e me faz cair em prantos. Fico indiferente, triste e confuso com tudo e todos.

... as expectativas, gigantes, caem sobre mim e nada mais resta...

Sou refém de um objetivo, falho e infeliz.

...incapaz de largá-lo...

                Só, incompreendido e ansioso por um futuro rotineiro e sujo. Sacrificado para um bem.

...não meu...

Não vivo a mesma vida empolgante dos outros
Não tive a oportunidade de errar na mocidade
Não conheço os sabores da luxúria
Não vi fogos de artifícios em Junho
Não vi, não tive, não conheço

...não sou...

                Meu mundo é composto por devaneios de minha criatividade, existente, somente, em mente. Viajo por um, dois, vários...diversas partes de mim mesmo.

..., mas não passa disso...

                Diga-me o que fazer, o que desejar

 Diga me quem sou ou o que devo ser

 Diga-me o que fazer para o meu ser desejar ser

Sou pó e ao pó voltarei

Minúscula indiferença no universo

Sem importância.

...sou pó e não passo disso...

                Pouco importa os arrependimentos, quero viver, existir em outra vida, ser imaginado, contado aos netos de pessoas estranhas, quero ser um no meio de vários e ainda assim manter minha individualidade, ou buscá-la.

... ela, aquela paixão maluca que destrói os prazeres da companhia...

Tensão dos aflitos, dos ansiosos, dos solitários que mentem, acompanhados por suas cabeças enlouquecidas e pensamentos alucinógenos. Sou eu.

...ou parte de mim...

                Parte de nós a vontade, mas não é parte de mim, pois estou perdido e, consequentemente, partido, em duas frentes que combatem uma terceira...

...ela, aquela loucura apaixonante que destrói a companhia prazerosa...

ASS: Um devaneio meu.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...