História Play With Me Angel... {Vkook/Taekook} - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Visualizações 110
Palavras 1.322
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Lemon, Orange, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - 2.


Fanfic / Fanfiction Play With Me Angel... {Vkook/Taekook} - Capítulo 2 - 2.

Eu ainda não tinha respondido Kim Taehyung, estava congelado observando seus olhos e seus cabelos cedosos ao vento...

- Hu-hum...Ah, oi?! Eu sou Kim Taehyung, tudo bem? Tae diz soltando um sorriso quadrado

- A-ah me desculpa eu, me perdi em pensamentos, e-eu sou Jeon JungKook... Digo envergonhado e sorrindo fraco

- Prazer Jeon JungKook... Tae diz sendo super educado

- O p-prazer é todo meu, pode me chamar apenas de JungKook...

- Ótimo JungKook...

Percebi que enquanto conversavamos, os monstros que movaram comigo me olhavam com cara de nojo por estar conversando com um garoto daquele jeito...

- Bom, já está na hora do jantar senhores...Vamos lá!

Todos acompanhamos a moça até a sala de jantar que era maior que minha casa inteira, devia ser mais ou menos umas três vezes minha casa só de extenção, mas não era atoa pra caber aquela mesa gigantesca ali, avistei um senhor de boa pinta sentado na cadeira da ponta, como um chefe de família, tomando um wiski...

- OLÁ PESSOAL! FINALMENTE! Que bom reve-los! Ele diz se levantando e indo até nós se curvando de uma vez pra todos - Espero que gostem do jantar! Sorri e percebi que Taehyung não estava mais ao nosso lado e sim na outra cadeira da outra ponta da mesa afastado de todos e com seu prato e batucando os dedos na mesa, parecia com rancor de algo e impaciente...

- Tae filho...Sente-se aqui...

- Não mãe...obrigado... Ele diz sério

Quando menos esperamos os empregados chegam com os pratos trazendo até nós e levando o prato de Tae até o mesmo que encarava o pai com uma feição de ódio...

- Bom apetite senhores... O pai de Tae dizia sorrindo enquanto colocava o guardanapo de tecido macio em seu pescoço, coloquei nas pernas pq aquilo parecia um babador no meu pescoço...

Estavamos comendo normalmemte até que olho pro lado de repente e vejo Kim Taehyung me encarando com um sorriso de canto de boca, eu me assusto e continuo olhando pra mimha comida, sinceramente, pra quê tantos garfos? Peguei o quê parecia mais normal pra comer...

Todos tinham terminado de comer e então os empregados estavam tirando nossa prataria suja até que a mãe de Tae solta um convite...

- Então primo, eu e minha família queriamos convidar vocês pra passarem o final de semana conosco! Ela diz inocente e sorrindo

- MAS É CLARO!! Dae solta um berro que o PN ouviu...Enquanto eu apenas conseguia observar aqueles monstros quase pulando no casal ingênuo e pedindo pra morar ali...

- O quê acha JungKook? A mãe de Tae diz me olhando com um sorriso doce 

- E-eu... fui interrompido por Dae que enfiava suas unhas em minha perna por baixo da mesa 

- ELE ACHA ÓTIMO! Não é menino JungKook? Min Dae diz apertando mais minha perna me fazendo sentir meu olho lacrimejar...

- E-Éh... Digo abaixando a cabeça e desfarçando a lágrima pra ninguém perceber...

- Ótimo... O pai de Tae diz sorrindo e batendo palminhas

Quando menos esperamos chega a sobremesa que foi sorvete, graças a Deus pq eu não aguento aqueles doces de gente rico do tamanho de uma unha que não tampa nem o buraco do meu dente

Todos comemos normalmente emquanto Hyun-Su conversava com o pai de Tae sobre despezas tentando dar uma de cachorro sem dono, Dae apenas ficava vendo seu reflexo nos talheres e Tae mechendo no celular por debaixo da mesa, a mãe do mesmo olhava pra mim vidrada, parecia que estava me comendo com os olhos, estava envergonhado até ela resolver falar comigo

- Então menino JungKook, pode dormir em um dos nossos quartos de hóspedes, o Tae te empresta uma vestimenta e ficas confortável lá! Ela diz sorrindo - Tudo bem pra vc Tae?

Tae olha pra mãe desviando a atenção do celular e com uma colher de sorvete alojada na bochecha direita - Hã?! Ele diz olhando confuso como se não tivesse escutando nada

- Oh Tae...Desperso novamente? Eu disse que tu podia emprestar uma vestimenta pra Jung pra ele passar as noites...

- Ah sim, claro...Ele diz fingindo um sorriso

Os empregados novamente vieram turar nossas tihelinhas de vidro muito bonitas por sinal, enquanto os adultos bebiam wiski sozinhos...

- Crianças se quiserem se retirar da mesa e ir pra outro lugar tem todo direito... A mãe de Tae diz fazendo sinal pra irmos com a mão

- Obrigado e com licença... Digo me levantando e quando menos espero Taehyung não estava nem mais a aquela sala

Quando me levantei uma moça que trabalhava na casa se ofereceu pra me levar ao quarto que ficaria e então assim se fez, subimos ao andar dos quartos naquelas escadas lindas e grandes

- Obrigado! Digo me curvando pra mesma assim que me levou até a porta de meu quarto, a mesma se curvou e desceu as escadas. A casa era gigantesca e tinha os corredores bem iluminados...

Entrei no quarto tendo a visão de um quarto mil vezes maior que o meu, vários móveis, uma cama gigante, closet, banheiro, entre outras coisas, e tinha um tom de vinho muito bonito...Ainda me adaptando com o lugar, me sentei na cama sentindo a maciez da mesma que era muito melhor que a minha e me joguei pra trás caindo como se aquilo fosse um mar de rosas, estava quase me perdendo em pensamentos quando lembrei que tinha que ir pegar um pijama com Kim Taehyung...Me levantei e ajeitei o cabelo e o chapéu pra começar a procurar o quarto do mesmo

Depois de procurar o quarto do mesmo por um tempo, andando pelos corredores ouvi uma música o quê parecia ser uma música meio EMO meio clássica, apenas segui o som da mesma que me levou até um quarto que era praticamente do tamanho do meu, apenas um pouco menos iluminado e meio gótico, rústico...Milhares de desenhos de anjos negros/demônios demôniosnormais pendurados na parede, pinturas de céus e azas entre outras coisas muito lindas...Começei a adentrar o quarto percebend outras coisas como uma aza vamos dizer que pelo que sabia sobre anjos de tamanho """ real """ mesmo que não acreditasse nisso nem coisas do tipo...A cama estava desforrada e cheia de pincéis, lápis e folhas em cima...

Estava olhando tudo sem fazer o mínimo barulho até que vejo Tae na sacada com metade de suas costas destapadas onde tive a visão perfeita de um tipo de cicatriz nas costas do mesmo...(BS&T) sinceramente parecia meio que uma queimadura ou se algo tivesse sido arrancado a força dali...Tae observava o céu com um sorriso no rosto enquanto a luz da lua o deixava mais lindo ainda...

- T-Taehyung? Digo mordendo os lábios de vergonha

Tae olha pra trás assustarapi colocando seu roupão pra tampar suas costas novamente e sua feição "feliz e calma" muda na hora fazendo o mesmo sair da sacada onde estava sentado e vindo até mim rapedamente até mim segurando meu braço sem força...

- JungKook o quê faz aqui? O QUÊ VC VIU?? ME DIZ! O QUÊ VIU? Ele diz com uma feição séria parecendo não estar brincando e me fazendo ficar assustado e gaguejar cada vez mais...

- T-Taehyung eu só vim p-pegar algumas roupas, e-e não sei do quê está falando sobre ver algo...Digo engolindo seco

- Ah sim...Me desculpe eu...eu...Aish toma logo isso! Já tinha deixado separado pra ti... Ele diz indo até o closet e pegando um bolo de roupa que sinceramente daria pra eu passar o final de semana inteiro!

- O-Obrigado Taehyung...até amanhã...Digo prestes a sair do quarto

- JungKook... Tae diz se sentando na cama

- E-eu... Digo me virando pra olha-lo

- O quê somos um do outro? Ele diz olhando pros seus desenhos nas paredes

- Eu nunca tinha ouvido falar de vc...acho que somos primos muito mas muito distantes, tipo...quinto grau...Digo soltando uma risada nasal 

- Boa Noite então...até amanhã Jeon JungKook... Ele diz acenando

- Até...

Digo saindo do quarto e correndo pro ""meu"" quarto e trocando de roupa rapidamente logo me deitando na cama já perdido nos meus pensamentos...

 " O quê seriam aquelas marcas nas costas de Tae? Pq tanta coisa de anjo? Pq tantas dúvidas? Pq tantos sentimentos..."









 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...