História Prisioneira dele - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello
Tags Camren, Saylor, Vercy
Visualizações 300
Palavras 809
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei zente... mas o capítulo e pequeno mas tá valendo...
Boa leitura...

Capítulo 26 - Notícias boas e más


    O médico foi em direção aos familiares de Camila e percebeu que eles estavam desesperados por notícias da jovem por isso foi direto ao assunto.

Médico: Camila está estável por isso fiquem tranquilos. Ela foi espancada violentamente e por conta disso perdeu um dos fetos. – todos olhavam o médico chocados.

Karla: O senhor está dizendo que ela estava grávida? – o médico viu que todos estavam surpresos.

Médico: Pensei que soubessem, apesar de estar de pouco tempo. Camila estava grávida de gêmeos e depois do que passou acabou perdendo um dos fetos. – Lorenzo estava incrédulo.

Lorenzo: Quer dizer que eu perdi um filho? – o médico assentiu. – Eu vou ser pai de novo? – o médico assentiu novamente fazendo ele chorar.

Todos respiraram aliviados por saberem que Camila e um dos bebês que nem sabiam que existiam estavam bem, mas mesmo assim triste pela perda do outro feto. Lorenzo como marido teve autorização para ir ficar com ela e quando a vou toda machucada na cama do hospital se sentiu mal. Ele tinha trazido kendall para a vida deles e ela magoou Camila, matou um dos seus bebês. Naquele momento ele desejava que a polícia não tivesse matado a biskendall pois assim ele iria caça-la e lhe daria uma morte lenta e cruel. Lorenzo sentou em uma cadeira perto da cama de Camila e começou a fazer carinho no rosto dela e depois segurou uma de suas mãos. Ele colocou uma mão sobre o ventre de Camila e deu um beijo bem ali. Estava triste por um dos seus filhos não ter resistido mas agora o importante era estará ali um para o outro, desta vez iria acompanhar a gravidez de Camila. Assim acabou adormecendo ali com ela.

**

Lorenzo acordou e percebeu que Camila estava despertando Também por isso sorriu aliviado. Quando Camila abriu os olhos e a imensidão verdes de Lorenzo a sua frente lembrou de tudo que aconteceu antes de desmaiar.

Camila: Como me encontraram? – falou com dificuldade por causa das dores.

Lorenzo: Que bom que acordou amor, a polícia localizou a louca louça e chegando bem a tempo. Ela colocou fogo na casa e depois não queria deixar entre para te salvar, apontou arma para mim mas eu não liguei. Ela ia disparar mas a polícia foi mais rápida e a matou. – ela arregalou os olhos ao ouvir que kendall estava morta.

Camila: Finalmente o pesadelo acabou. – ela percebeu o desconforto de Lorenzo e sabia que algo estava errado. – O que eu não sei Lorenzo?

Lorenzo: Camila o médico me informou que você estava grávida de gêmeos. – ela arregalou os olhos e pensou no pior deixando as lágrimas caírem. – Nós iríamos ser pais de gêmeos, mas com tudo que aconteceu um dos bebês. – Apesar da tristeza por saber que tinha perdido um filho ela também sentia felicidade por ainda ter um dos bebês dentro de si. Ela chorou pelo outro bebê mas sabia que devia ser forte pelo que estava em seu ventre, ela levou a mão até a barriga a acariciou.

Camila: Perdemos um filho, mas ainda temos o outro. – Lorenzo assentiu também chorando.

Lorenzo: Você ainda estava bem no início da gravidez por isso não tinha percebido.

Os dois ficaram por horas falando do bebê que perderam, do que ainda se encontrava no ventre de Camila. Apesar de tudo decidiram ficar no bebê que ainda tinham. Lorenzo sorriu e ia beijar ela mas Camila desviou a cada e ele ficou surpreso.

Lorenzo: Além de ter espancar ela fez as alguma coisa com você? – Camila deixou uma lágrima cair. – Camila me diz o que ela fez.

Camila: Ela me mostrou uns vídeos de vocês na época em que casamos. – ele engoliu seco pois sabia quais vídeos a que ela se referia.

Lorenzo: Camila tudo aquilo faz parte do passado. Você mudou e eu também. Se fosse hoje nem sequer eu teria me envolvido com ela. – Camila o olhou.

Camila: Eu sempre soube que pensava tudo aquilo mas ouvir você dizendo a ela doeu e me doeu muito mais ter que assistir vocês transando. – ele segurou a mão dela.

Lorenzo: Me perdoa por ter sido um canalha no passado Camz. E por favor acredite quando eh eu digo que te amo pois isso é verdade. – ela sorriu fraco.

Camila: Pensar em você e dizendo isso e em nossa princesa foi o que não me fez duvidar do que diz sentir agora.

Lorenzo: Então porque rejeitou meu beijo?

Camila: Por que a imagem de vocês transando ainda está bem viva na minha memória.

Lorenzo: Não vou forçar nada Camz mas irei ficar aqui com você. Quando fe encontrei ontem acorrentada, desmaiada e machucada eu fiquei desesperado. Nunca senti tanto medo de perder alguém como ontem.

      Camila: Eu te amo Lorenzo. – ele sorriu e Camila com o olhar o chamou para um beijo. Um beijo calmo e cheio de amor.


Notas Finais


Nqo esqueçam de comentar .


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...