História Rain – Imagine Min YoonGi (Suga) - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Imagine
Visualizações 38
Palavras 1.046
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorei né?

Capítulo 24 - Capítulo XXIII - Capa


.Narrador.

S/n lembrou, levantando-se rapidamente.

— Havia esquecido meu amor...

Ela levantou ainda sonolenta, colocou a mão na cabeça. Ela explodia, e S/n conteve-se em gritar.

— Pequeno não faça isso! Sua mamãe está muito doente!

JungKook recuou com o rosto vermelho, S/n andou até ele e beijou sua testa.

— JungKookkie... eu estou mau, a tia Paula pode ir com você?

Paula sorriu.

— Isso, ela precisa descansar.

— Mas eu queria ficar com a mamãe...

— JungKook, eu não vou para a faculdade hoje... podemos passar a tarde juntos, sim?

Ele deu um largo sorriso.

— Promete?

— Claro!

Paula segurou na minúscula mão do garoto, e o mesmo a abraçou.

— Eu amo a titia Paula!

S/n não conteve-se em sentir ciúmes. Riu e tornou a deitar-se. Paula e o garoto desceram, ambos demonstrando certo sinal de alegria.

Paula, enquanto arrumava a cozinha para fazer o café aos meninos, ao retirar o excesso de pó do café, terminar de assar o pão. Ela ouviu batidas na porta, secou suas mãos, arrumou o cabelo e foi até a sala.

Abriu a porta.

— Oh, bom dia senhorita Paula!

Falou o loiro dos joelhos enfaixados, com um enorme sorriso no rosto.

— Bom dia...

Perguntou, indiretamente o nome do rapaz.

— Agust! — respondeu-a animado — S/n está?

— Oh, sim.

Deu a ele espaço para entrar, e ele o fez, agradecendo logo em seguida.

— Ela está lá em cima, deitada. Fale o mais baixo que conseguir, a cabeça dela ainda dói. — Levou os olhos curiosos aos joelhos dele. — O que houve?

— E-eu caí.

E literalmente, havia caído, de um carro à quilômetros de velocidade. Paula suspirou, parecia a mãe de S/n e de Agust, igualmente preocupada com ambos, como se fosse uma.

— Você já comeu? Ainda é muito cedo.

Ele mentiu.

— Sim, já comi. Obrigado.

Ela sorriu sem mostrar seu dentes alinhados, voltou-se à cozinha.

— Ela está acordada, JungKookie acabou de acordá-la. Pode ir.

Concentrou-se nas panelas do fogo. Agust não ponderou subindo logo, bateu na porta, nenhuma resposta, então decidiu abri-la, deparando-se com a imagem de S/n coberta por lençóis, o rosto levemente avermelhado e a cabeça enfaixada.

Ele achou-a linda.

— Ah... Agust? — Falou sonolenta novamente — Pensei que fosse Paula.

— Shi... te acordei?

Estava preocupado.

Ela se virou, sentiu a cabeça latejar e respirou mais fundo.

— Não... Como está tudo lá na empresa? YoonGi ficou bravo?

— Não, não ficou. — Disse aproximando-se e sentando no fim da cama.

S/n fechou os olhos por uns instantes, sentou na cama coçando os olhos.

— Como está seu joelho, Agust?

Perguntou relembrando o que ele havia conversado com Kim NamJoon, impulsivamente sorriu, mas o desfez.

— Está melhor... e a sua cabeça?

— Ela ainda dói, mas não é nada que eu não possa suportar.

Sorriram, Agust se aproximou.

— Eu não queria causar isso em você... desculpe. Desculpe mesmo.

— Não precisa, Agust.

Agust acariciou os cabelos dela, com os olhos marejados, sentiu profunda tristeza ao ver as feridas pelo corpo da garota.

— Por favor me perdoe, e-eu não consegui desviar, e agora você está doente.

S/n não sabia como agir, não sabia o que poderia falar, ou o que poderia fazer. No reflexo das ações, a primeira coisa que pensou em fazer foi puxá-lo para um abraço, e assim o fez.

Puxou os ombros do garoto, olhou-o em seus olhos com seriedade e o abraçou.

— Estou dizendo, não há o que perdoar, não foi sua culpa.

Naquele momento HoSeok segurava o seu celular, choroso, mandou uma mensagem para sua "Jagiya".


"Me perdoe, por favor me perdoe. S/n, eu te amo, eu te amo muito. Eu não quero te perder e acabei fazendo isso, por favor, por favor não sofra por minha culpa... S/n.

Eu descobri que... você virou modelo, parabéns, você merece.

Eu te amo"

 

Mas, agora, Jung HoSeok sumiria de sua vida, apareceria apenas mais tarde. Para piorar tudo.

Eles ficaram ali, estáticos, Agust permitiu que suas lágrimas saíssem dos olhos.

Ele amava aquele diamante.

— Agust. Você foi trabalhar?

Falou se afastando.

— Não... YoonGi nos deu um período de "férias" até que nos recuperássemos...

— Ah... mal cheguei e já estou causando a ele prejuízos.

— S/n, quero lhe mostrar uma coisa.

— O que? — perguntou curiosa.

Ele sorriu, levantando-se e pegando algo grande, retangular embrulhado. Entregou à garota e ficou observando qual seria sua reação. S/n abriu, segurou a revista e seus olhos marejaram.

A foto onde ela estava deitada perto de uma árvore, olhando para a câmera, com o corpo sendo enfeitado pelo seu vestido cor vinho. Ela sorriu.

Era a capa de uma revista.

— Agust... Eu não acredito... — falou tampando o rosto.

— Eu falei que YoonGi havia gostado, veja por dentro.

Ansiosa, S/n começou a folhear, a cada página que se passava seu coração batia mais rápido, ela estava em quase toda a revista. Estava feliz, e chorando por isso.

— Gostou?

— Agust... muito, muito, muito obrigada. Muito obrigada mesmo!

O garoto de curtos cabelos amarelos não se conteve e riu.

— É uma edição especial! Toda Paris pode comprar e te ver. YoonGi ficou muito orgulhoso.

— E-eu não sei o que falar, estou realmente muito feliz.

Levantou o abraçando.

— Eu nem estou há muito tempo... e já sou capa! Muito obrigada.

Retribuiu o gesto.

— Fico feliz, agora repouse.

Se afastaram e ele a presentou com um beijo na testa, S/n retornou à sua cama, deitando-se. Seu corpo estava aliviado, e os arranhões da noite anterior já não estavam sangrando.

Sorriram, e aquilo serviu de despedida, Agust saiu.

S/n, deitou, respirou um pouco, abraçou-se a revista e então recuperando o fôlego dormiu.

— Já vai?

— Sim... Ah, Paula, antes que eu me esqueça.

Entregou o mesmo presente à ela.

— Acho que vai gostar.

E com isso saiu da casa. Paula abriu o presente e enfartou, sua menina estava em uma revista, na capa de uma revista!

Agust, ao sentir a sola de seu sapato sentir o chão fez a si mesmo outra promessa.

Promessa Número 2

Fazer a S/n sorrir todos os dias.

Depois disso, voltou para casa, ligou seu computador, e se concentrou no que faria para o ensaio fotográfico de verão, já que S/n não poderia tirar mais fotos, ele usou as que tinham, até mesmo as da praia.

Com permissão de YoonGi, claro.

A partir dali, a beleza contagiante de S/n seria reconhecida por toda a França, e em seguida, por todo o mundo.


Notas Finais


Mals :>


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...