História Ressler e Keen - The new family - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Blacklist
Personagens Aram Mojtabai, Donald Ressler, Elizabeth Keen, Harold Cooper, Personagens Originais, Raymond "Red" Reddington
Tags Donald Ressler, Elizabeth Keen, Harold Cooper, Raymond Reddington, The Blacklist
Visualizações 33
Palavras 843
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Hentai, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Voltei rsrs nem demorei muito ne? Sorry :3
O próximo não vou demorar muito...

Ah,mudei a forma de narracão,antes era narrador observador,agora é narrador personagem. Espero que gostem ❤

Capítulo 2 - O tão esperado beijo


Fanfic / Fanfiction Ressler e Keen - The new family - Capítulo 2 - O tão esperado beijo


_A janta está na mesa.

Ouço Liz gritar bem animada e eu sei o motivo,o que tivemos hoje realmente não era pra ter acontecido,ela está misturando as coisas,passei anos desejando ela e do nada se joga nos meus braços,o que ela está querendo?

Desço as escadas e sento à mesa meio desconfiado do que ela vai aprontar agora

_Cat.

Chamo a pequena que vem correndo lá do jardim com uma flor nas mãos,ela senta sorrindo e sem segurar a euforia dispara

_Mamãe,papai eu amei esse lugar,é perfeito,é tudo tao lindo,meu quarto é enorme,o jardim é colorido,tem tantas flores.

Ela pula da cadeira e abraça Liz pela cintura,deposita a flor na mão dela esperando colocar em seu próprio cabelo

_Coloca mamãe,é linda igual a voce.

Liz então pega a flor e deposita em seus cabelos,estava mais linda do que nunca,pela primeira vez nossos olhos se cruzaram e eu sinto um embrulho no estômago,desvio o olhar rapidamente para o prato vazio à minha frente,pego um pouco de macarrão e almôndegas,ela ainda me encarava,eu podia sentir seus olhos penetrando minha pele,mas não ousei olhar para ela,Cat senta novamente e espera Liz servi-la,jantamos em silêncio,bom,pelo menos Liz e eu,pois Cat ainda falava sobre as maravilhas da casa e principalmente do jardim,eu acenava sempre que olhava para mim sem ao menos levantar os olhos para a morena de olhos penetrantes à minha frente

_David,você esta bem querido?

Liz me pega de surpresa quando coloca sua mão sobre a minha,fico sem reação,olho para Cat que me encarava com seus belos olhos curiosos e finalmente fito Liz

_To ótimo,apenas um pouco cansado,vou me deitar.

Me levanto e beijo a cabeça da pequena,sem olhar para Liz subo as escadas aliviado por ficar sozinho,fecho a porta e me deito na cama pensativo

Não vou deixar Liz mexer com minha mente,nao é so porque Tom foi embora que ela vai ter o que sempre esnobou,isso é so um trabalho,quando acabar ela vai virar a cara pra mim como sempre fez.

Nem vejo a hora passar quando Elizabeth abre a porta e sorri para mim,eu apenas a observo deitar a meu lado e me abraçar

_O que você está fazendo Keen?

_É Mary amor - ela beija meu pescoço acariciando meu membro que já estava querendo dar sinal de vida

_Keen,não! O que você acha que esta fazendo? Nosso casamento é só uma aparência,nada demais,não existe amor - não da sua parte - e não devemos fazer isso

Retiro sua mãe de dentro da minha calça,e a encaro,parecia com os olhos lacrimejados

_Eu so queria uma vida normal,sabe? Uma marido carinhoso e uma filha perfeita,estava querendo fazer da gente uma familia que nunca tive - ela enxuga as lágrimas,e vira para o outro lado,então simplesmente a abracei e dormimos assim,o dia foi longo pra ficar brigando,amanha a gente se resolveria,por hoje apenas dormiriamos

[...]

_Droga

Murmuro abrindo os olhos com o sol refletindo diretamente neles,eu havia esquecido de fechar as cortinas ontem à noite,levantei com dificuldade e fui ate a janela para fecha-las,no banco junto as flores estava Liz sentada chorando,desci as escadas devagar e olhei meu relógio,ainda era seis e vinte da manha,que diabos Keen estaria fazendo lá fora a essa hora?

_Liz? -Chamei me aproximando - Você esta bem? Se foi sobre o que eu disse ontem me descu...

_Você estava certo Ressler,isso é apenas um trabalho,eu só estava machucada porque Tom foi embora,eu não queria mostrar que estava ferida,queria parecer forte - ela apóia os cotovelos nos joelhos e tampa o rosto com as mãos caindo em prantos

_Ah Liz... - puxo ela para um abraço apertado sem me importar com o vento frio que soprava forte,ela se encolheu colocando seu queixo no meu ombro direito - Vai ficar tudo bem,eu prometo.

_Eu não sei mais o que fazer Ressler,eu sou uma fraca,estupida e idiota

_Nao, você não é - me afastei e peguei seu rosto com cuidado,limpei suas lágrimas e a encarei - Você é uma agente forte e inteligente,vai passar por isso e eu vou ajudar você no que for preciso.

Ela me fita com os olhos marejados,não sei se sente o mesmo que eu,um embrulho no estômago,o coração palpitando,estávamos tão próximos que eu poderia ouvir sua mente,ela se aproxima e encosta sua testa na minha,envolvendo meu pescoço com seus bracos finos,posso sentir sua respiração,sua boca tão próxima,seu nariz tocando o meu à medida que se aproximava mais até nossos lábios se encontrarem num beijo quente e delicado,não foi como o de ontem,esse era...magico,sua lingua dançando com a minha uma música calma,senti um misto de felicidade e realização,mas aos poucos fui me afastando,ela estava frágil e eu não sou homem de me aproveitar de momentos como esse,ela me olhou confusa,mas eu apenas passei minha mão em seu rosto para secar uma lagrima que insistia em cair

_Liz,isso nunca mais deve acontecer,isso - mencionei a casa e o jardim com a mão - É so o nosso trabalho,não vamos nos ferir assim esta bem?

Ela abaixou a cabeça e acenou,parecia frustrada,mas era assim que seria,apenas o trabalho,nada mais importava alem do trabalho,meu coração já estava despedaçado o suficiente pra mim ficar sofrendo por amor não correspondido,logo isso iria acabar e Tom voltaria,trazendo de volta a minha dor.


Notas Finais


Bom meninas,espero que tenham gostado,comentários me incentivam a continuar...

Eu gostaria de indicar a fanfic da minha amiga,A Second Chance,é Keenler e eu amo,favoritem pra incentivar ela a continuar rsrs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...