História Se fosse perfeito não seria Jerza - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Jellal Fernandes, Lucy Heartfilia, Meredy, Mystogan, Natsu Dragneel, Ultear Milkovich
Tags Brigas, Colegial, Erza, Fairy Tail, Fanfic Jerza, Jellal, Jerza, Nalu, Romance, Shoujo
Visualizações 181
Palavras 1.202
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Fantasia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pensar em Jerza com uma personalidade diferente realmente é divertido, acho que o Jellal nunca foi tão macho kkkkk.
Boa leitura!

Capítulo 3 - Clubes


Fanfic / Fanfiction Se fosse perfeito não seria Jerza - Capítulo 3 - Clubes

JELLAL ON

Hoje é quinta, ou seja, dia de escolher os clubes. Mas antes de começar a falar de hoje, deixa eu falar rapidinho sobre os dois dias anteriores.
Na terça logo de manha, Erza "sem querer" esbarrou em mim e derrubou meus livros quando o corredor estava lotado e eu acho que no meio da confusão ela roubou meu caderno de Biologia. Na quarta, ela jogou raspadinha em mim umas 3 vezes, minha sorte foi que só caiu uma vez na blusa e eu pude trocar.
Voltando para hoje, eu tenho aula de Biologia no ultimo período e ai vou ver os clubes que tem nessa escola.
Eu entrei na sala e Erza já estava la, seu rosto parecia bem concentrado em copiar algo. Eu percebo que a letra do caderno é a minha, entao é isso que ela queria.
Eu: Sabe, senhorita Scarlet, é feio roubar as coisas dos outros.
E: Eu não terminei de copiar a matéria da ultima aula, a Lucy disse que você copia tudo, entao eu juntei o util ao agradável e peguei seu caderno- ela diz sem me olhar.
Eu: Ela disse uma frase sem me ameaçar de morte, considero um progresso.
E: Cala a boca, idiota.
Eu: Se voce queria meu caderno era só pedir, agora me devolve- eu tomo sem ser brusco o caderno dela.- Na próxima vez, passe menos tempo pensando em como me irritar e preste atenção.
Eu recebo um chute na canela em resposta, adimito que doeu bastante, mas finjo que nada aconteceu e sento ao lado dela.
E: Sai daqui.
Eu: Nop. Hoje voce tera o prazer da minha companhia.- dou meu melhor sorriso.
Durante a aula nós ficamos em silencio, eu vira e mexe levava uma cotovelada ou um pisão, mas nada que me fizesse perder a compostura.
E: Odeio Biologia...- ouço Erza falando baixinho ao nao conseguir fazer o exercício.
Eu: A resposta é Cromatina.
E: Nerd.
Eu: O nerd mais gato que voce conhece, eu sei- ela revira os olhos.
O sinal bate e ela vai embora o mais rápido possível. Eu vou para o refeitorio e sento com aquele mesmo grupo, a diferençaé que hoje as meninas sentam com a gente, segundo Gajeel isso acontece toda quinta, simplesmente porque virou um hábito.
Eu: Galera, quais são os clubes que tem aqui no colegio?
Laxus me passa uma lista com todos os clubes e seus horários.
Eu: Ja sei quais que eu vou entrar.
N: Vai fazer mais de um? Como é que voce vai estudar?
Gr: Voce diz como se estudasse.
Eu: Eu não estudo quase nada e tiro notas boas, eu acho que é de família. Minha irmã não toca num livro e meu irmão é um gênio.
Lu: Voce tem irmãos? Me mostra uma foto!
Eu: Meu celular ta sem bateria. Todas vocês são das lideres de torcida?- Eu ja sabia o clubes dos meninos, mas não das meninas.
Lu: Juvia faz natação e Erza Kendô, o resto é só torcida mesmo.
Eu: Que massa Juvia! Eu nadando pareço que to afogando, respeito muito quem nada bonito.
J: Obrigada- diz ela um pouco tímida.- Quais clubes voce quer entrar?
Eu: Vou entrar pro atletismo, ai eu treino para fugir da Erza quando ela tiver de TPM, e to pensando no segundo.
E: Devo te lembrar que eu to com uma faca na mão?- ela diz apontando para mim.
Depois disse todos foram para seus clubes, primeiro eu fui para o atletismo e consegui bater o record da escola, o que quer dizer que estou no time e logo logo serei o capitão.
Na sexta, eu fui fazer uma pequena surpresa para a ruiva no clube de Kendô, eu cheguei um pouco atrasado de propósito.
Eu: Professor, posso entrar.
P: Claro, ainda nem comecei nada. Sente-se ao lado de Erza.
Tiro meus sapatos e sento no chão ao lado dela.
E: O que pensa que esta fazendo aqui?- o olhar de desprezo era notável.
Eu: Talvez eu seja masoquista e queira vir apanhar de você, capitã.
E: Vou bater em voce até que fique irreconhecível e que nao possa mais ter filhos.
Eu: poxa, meus filhos ficariam lindos de cabelos escarlates.
Ela me dá um baita soco no ombro.
E: Eu nunca, jamais, em tempo algum, iria ter qualquer tipo relação com voce.
Eu: assim voce parte meu coração, Scarlet- coloco a mao no peito como se doesse.- Vou te lembrar dessas palavras quando voce estiver apaixonada por mim.
P: Chega de conversa! Vamos começar. Como todos sabem, não temos vagas para todos, por isso faremos uma eliminação. Cada veterano pegará um novato e testará as habilidades dele. Eu vou observar tudo e direi quem ta dentro quem ta fora. Vão trocar para o quimono e venham para ca que eu vou montar as duplas.
Vou falar a verdade, eu nunca fiz Kendô. O pouco que eu sei foi o Myst que me ensinou e isso já tem 5 anos, vou levar uma surra. Eu deveria ter entrado para o clube de luta, mas, humildade à parte, eu já sou faixa preta em karate, judo e Jiu-jitsu e sei um pouco de Krav Magá. Vou misturar minha habilidade de luta com a espada e ve no que dá.
Sou o ultimo a sair do vestiário e só quem ficou sem dupla foi a Erza, a capitã. Estou lascado.
P: Fernandez, voce vai com a Erza. Pegue leve com ele.
Fomos para uma das "arenas".

ERZA ON

Ele quer me tirar do serio, só pode. Quando ele apareceu n o Kendô, eu quis enfiar uma espada naquele lugar onde sol não bate dele.
Jellal foi o ultimo a sair do vestiário, então ele vai ser a minha dupla. Pelo jeito que segura a espada, dá para ver que ele não tem ideia do que está fazendo, não pude deixar de soltar uma pequena risada.
J: Quando eu te jogar no chão voce nao vai rir- ele me mostra a língua.
Eu: Vamos começar logo.
Vou para cima dele, tendo acertar logo a cabeça e acabar com ele em um golpe, mas ele defende, porem perde o equilíbrio e rapidamente acerto em seu pé, fazendo-o cair.
J: Ai!- ele se levanta e copia a minha posição de guarda inicial.
Eu: Voce não sabe nada, me copiar não te fará bom.
J: Sua habilidade é tão grande quanto o seu ego? Porque se for, eu ja sei que não tenho chance.
Eu: Sua estupidez é tão grande quanto sua língua?
J: Não sei. Quer um beijo para saber? -ele me mostra a língua 
Dessa vez eu acerto seu rosto em cheio, já cansei de provocações idiotas. Abaixo um pouco a guarda e sou pega desprevinido quando ele me acerta na barriga.
J: Desculpa, não gosto de bater em mulher, mesmo que seja o demônio em pessoa.
Nós ficamos nisso de ir batendo um no outro até que começou a ficar serio e o professor nos parou e disse que Jellal entraria no time, o que obviamente não me deixou contente.
J: Agora passaremos mais tempo juntos- diz ele sorrindo como se fosse meu melhor amigo.
Eu: Nao abuse da sorte, eu ainda me livro de voce, peste.


Notas Finais


Jellal, Jellal o que vice esta tramando para a Erza?
O que acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...