História Sequestrado - Jikook - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taegi
Visualizações 159
Palavras 552
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oe

Capítulo 2 - 2


 - Oi, meu amor. – Ele sorri.

 - N-não me chame assim! Me solta, agora!

 - Acho que não, amor. – Diz debochado. 

 - Jeon, seu idiota, esquece de mim de uma vez, porra. Eu nunca vou ficar com você.

 - Tente controlar sua boca suja, palavrões me irritam, e você não vai querer me ver irritado. 

 - Eu não ligo, não sei se entendeu.

 - Quem ainda não entendeu as coisas é você, vou lhe dar uma chance. – Suspira. – Tente dormir, vai levar umas horas até chegarmos em sua nova casa.

 - Seu-

 - Vá dormir. – Ele diz com uma voz assustadora que me fez sentir as pernas tremerem.

 Encostei minha cabeça na janela e o observei colocar uma música qualquer. A noite estava triste e mais escura que o habitual, e como se não bastasse tudo isso, a corda que prendia minhas mãos estava começando a rasgar minha pele. 

 - Eu quero ir pra casa... – Falo baixinho enquanto sinto lágrimas descerem novamente.

 Tentei deitar minha cabeça de um jeito confortável e dormi chorando. 

Acordei com o barulho da porta sendo aberta, seguido por braços fortes que tiram o cinto de segurança e me envolvem de um jeito, de certa forma, carinhoso.

 - Chegamos. – Ele fala usando o mesmo tom suave que eu havia ouvido mais cedo.

Deixei ele caminhar pelo jardim enorme da casa comigo em seus braços, eu estava cansado e a dor nas minhas mãos aumentara.

 - Faça o favor de me soltar? Essa corda está me machucando. – Digo observando o sangue que escorria pelos meus pulsos.

 - Só depois que eu te colocar em um lugar seguro, amor.

 Esperei ele parar em frente à porta da casa. Haviam dois seguranças ali, que abriram a mesma para que Jeon passasse, antes o cumprimentando.

 A casa era incrivelmente grande e bonita. Ele passou direto pela sala de jantar, seguindo pela sala de estar e subindo as grandes e modernas escadas que haviam ali.

 - Odeio a decoração dessa casa, você não acha que algo mais antigo daria um ar muito melhor?

 - O inferno nunca vai ficar agradável enquanto o diabo estiver vivendo nele. – Falo sem me preocupar com as palavras.

 - Vou fingir não ter entendido o que você disse. – Ele ri. – Chegamos.

Depois de me por no chão, abriu a porta e me empurrou fortemente para dentro do cômodo.

 - Esse será seu quarto. – Ele entra, tranca a porta, tira a chave da fechadura e levanta a bela camisa preta, para poder guardar a mesma no bolso de sua calça. – Apenas para garantir que não vai tentar fugir.

 - Tá, agora me solta. – O vejo sentar na cama.

 - Você que manda, venha aqui amor. – Ele diz batendo em sua perna, para que eu me sentasse lá.

 - Não!

 - Então fique preso. – Da de ombros.

 Suspiro e me aproximo timidamente, fazendo o que ele mandara, por mais que estivesse fervendo de ódio por dentro

 - Pronto, pode tomar um banho, se quiser. Há toalhas naquele banheiro e umas roupas minhas. Boa noite meu amor, eu te amo.

 - Eu te odeio. 

 - Tudo bem, amanhã virei para te punir por ter me tratado tão mal hoje. – Ele sorri ironicamente e deixa um beijo seco em minha bochecha, pegando a chave e saindo do quarto, trancando a porta novamente.


Notas Finais


Só deixando claro que não vai rolar lemon logo no começo, mas mais pra frente, quem sabe :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...