História Sobre nós - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Shikamaru Nara
Tags Hyuuga Hinata, Naruhina, Naruto, Novela, Romance, Uzumaki Naruto
Visualizações 88
Palavras 1.122
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu to muito satisfeita com esse capitulo, sinto que cada dia mais melhoro na escrita e no que quero passar para vocês.
Aproveitem esse hentai tão Naruhina.
Boa leitura! :)

Capítulo 4 - Faça-me me encontrar


Faça-me me encontrar

¨

¨

 

- Como eu poderia fazer isso, Naruto? – Hinata observou o rosto de seu marido com atenção e cuidado, Naruto parecia perdido, estava sofrendo com tanta pressão que ele mesmo se colocou sobre si. Estar entre seu sonho e sua família era uma tarefa difícil e delicada, não queria decepcionar ninguém, daria minutos da sua vida só para ter seus pais ali lhe dizendo que caminho tomar, o que fazer. – Olhe para mim. – Hinata segurou o rosto de seu esposo entre suas mãos o trazendo para mais perto lhe dando um beijo suave nos lábios. – Sempre estarei aqui para você, é assim desde a academia, lembra?

 

- Sim, eu lembro, de você eu lembro. Só queria me achar, aonde me perdi no meio disso tudo. – Ele abraço sua esposa com força descansando sua cabeça nos ombros dela e suspirou cansado. – Gosto do seu cheiro, me acalma, tem cheiro de algo bom que quero manter segura para sempre, nossa casa inteira cheira a você. – Hinata sorriu.

- E o que mais? – Ela o encorajou a falar.

 

- Quando estávamos namorando e eu ia para missões pensava em você a cada minuto, isso me dava forças e vontade de lhe dar um mundo de paz, queria e quero dar esse mundo para todos, essa sensação de ter alguém com quem você pode contar. – Agora ele a encarava, olhava-a nos olhos com admiração, beijou-lhe a testa em sinal de carinho e respeito e desprendeu o avental que ela usava. – Faça amor comigo hoje. – Hinata o beijou novamente.

 

°

°

°

 

Colou sua esposa na cama devagar e ficou sobre ela, roçou seus lábios rosados na pele pálida de sua mulher lhe tirando gemidos roucos e baixos. Hinata tirou a camisa de Naruto com agilidade, rápida como sempre, sorriu quando seu marido tirou as calças com pressa ficando só de cueca.

 

- Céus, você me deixa louco e nem tirei toda a sua roupa! – Depositou beijos no colo dela, ombros e boca, abaixou a alça do sutiã vermelho que ela usava e enfim se livrou da peça. Hinata corou com os olhos de seu marido sobre si.

- AAAAAWWWW NARUT... OH NARUTO! – Sugou um de seus seios com força, puxou o bico rosado com os dentes fazendo-a se torcer na cama, Hinata arfava de prazer enquanto Naruto chupava e dava apertões em seus seios, com a excitação acabou rasgando o shorts e a calcinha que ela usava.

 

- Promoter lhe dar novas, mas eu não resisti a você, hime. – Entrelaçou as pernas envolta da cintura do mesmo fazendo--o gemer quando os sexos se encontraram. Ela já estava pronta para recebe-lo mas Naruto queria deliciar-se, queria reviver o Naruto do início do casamento, o que sentia saudades gritantes de sua mulher a cada missão, que a queria em qualquer lugar da casa e não se importava com as horas ou se tinha relatórios de missão para entregar. Queria viver e reviver momentos com a mulher que ama.

Desceu a ponta dos dedos pela pele macia de Hinata, depositou chupões em toda a extensão do seu corpo, a pele alva ganhava marcas avermelhadas que no dia seguinte virariam hematomas com lembranças doces e excitantes. Beijou entre as coxas e as apertou com gosto.

 

- Tão minha... – Lambeu a intimidade de sua mulher a fazendo gritar de tesão. – shii, vai acordar às crianças, querida. – Riu travesso e meteu dois dedos na vagina a fazendo suspirar, ele segurava os gritos que queriam sair agudos de sua garganta, ela segurou os fios loiros de Naruto com força entregando-lhe a ele sua intimidade. Os dedos de Naruto dançavam ali com experiência, a fazendo se torcer e gemer entre as mordidas que dava no travesseiro.

 

- Eu vou... AAAWWWW. – Teve seu primeiro orgasmo da noite. Voltou a brincar com a intimidade de sua esposa, chupava, lambia, dava leves mordidas enquanto se excitava cada vez mais com as expressões e gemidos de sua mulher, ele estava se sentindo novo, o Naruto de 13 anos atrás com disposição suficiente para uma maratona de sexo. Voltou a ficar por cima e Hinata o trocou de posição ficando por cima do mesmo. Ela riu sacana.

 

- Minha vez, Hokage-sama. – engatinhou pelo peitoral definido e com cicatrizes de seu homem, cicatrizes com histórias boas e até mesmo tristes. Treinamentos para evoluir, dores que passou para proteger quem amava. Tirou a cueca de Naruto devagar e seu pênis já durou saltou para fora já em liberdade, Hinata jogou a cueca box para longe e segurou a o pênis de Naruto com cuidado, ele a olhava com tesão e paixão, gemeu quando ela abocanhou seu pênis e o engoliu por inteiro o olhando com o olhar safado. A doce Hinata se transformava em uma amante fiel entre quatro paredes e isso o fascinava. Ela chupou-o até Naruto ter seu orgasmo.

 

- Quero você. – Ele a puxou para cima dele e a penetrou finalmente, fazendo-a ser sua e serem um só naquela noite de verão da qual ele se sentia confuso. Naruto estocava com força indo até onde podia na intimidade de sua mulher a calando com beijos, ambos estavam em êxtase pelo perigo de serem pegos pelos filhos.

 

Eles se amaram na cama, no chão, ela agarrada a ele na parede, no banheiro em cima da pia, se amaram como nos velhos tempos de jovens recém casados. Naruto reviveu o que ele mais queria, estava se conectando com a pessoa que mais lhe amou por toda vida, a parte que ele precisava para acabar com essa confusão que pairavam em si. Deu um tapa na bunda dela enquanto a mesma cavalgava em seu pênis com destreza e sem pudor algum. Hinata apesar de delicada gostava de coisas intensas, selvagens. Era exótica, linda de qualquer jeito para seu esposo.

Trocou de posição sentindo a intimidade da mesma comprimindo seu sexo, chegaram no clímax juntos suados e cansados pela noite.

 

- Você é a mulher mais linda do mundo, até suada e com as bochechas rosadas. – Hinata sorriu se alinhando ao peito definido e suado de Naruto. – Eu quero continuar sendo Hokage mas também quero continuar sendo seu marido e pai dos nossos filhos, só tenha paciência. – Beijou o topo da cabeça dela com carinho e suspirou.

 

- Vou apoiar você, você nunca pode desistir, esse é seu jeito ninja de ser, lembra? – Naruto riu ao lembrar de suas palavras.

- Sim, esse é o Naruto que você conseguiu reviver em mim, se não fosse esse Naruto eu não estaria aqui hoje, com você e... – Hinata já tinha adormecido pelo cansaço, cobriu-a com a colcha da cama com cuidado sem querer acorda-la. – Eu não vou desistir do mundo que quero dar as pessoas e a vocês, eu prometo.


Notas Finais


Então é isso, eu não paro de admirar esse capitulo! Eu achei extremamente naruhina, do começo ao fim! To muito orgulhosa!
Até semana que vem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...