História Story of my Life - Capítulo 54


Escrita por: ~

Postado
Categorias Glee
Personagens Blaine Anderson, Brittany S. Pierce, Kurt Hummel, Quinn Fabray, Rachel Berry, Santana Lopez
Tags Brittana, Faberry, Glee
Visualizações 133
Palavras 1.299
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá como vocês estão?

Boa leitura e desconsiderem os erros =D
Caso vocês queiram falar comigo é só me chamar no twitter @camz_cabello23

Acabei de revisar o capitulo... Se tiver bastante comentario postarei outro :D Mais caso nao tenha somente amanhã ou semana que vem kkkk

Aproveitem, pois o tempo na fazenda está acabando e depois vai comecar os tiros kkkkk

Capítulo 54 - 54- Fazenda (part 3)


 

POV Claire

- Como você está amor? – perguntou sentando-se na cama observando-me arrumar nossos travesseiros.

- Eu estou bem – respondeu sorrindo com sua preocupação – Você vai ficar ai perguntando se estou bem ou vai vim se deitar comigo? – perguntei brincando arrancando uma risada dela.

- Deitar com você – respondeu rapidamente se jogando e deitando-se ao meu lado – Eu estou apaixonada por essa fazenda – disse para mim.

- Eu também estou apaixonada por esse lugar, mas estou ainda mais apaixonada por você – confessei me aproximando e roçando meus lábios nos seus – O que eu mais gostei durante esse dia foi a piscina – comentei como se não quisesse nada – Você estava linda com aquele biquíni azul – confessei dando um selinho em meus lábios observando-a ficar levemente corada.

- O que está acontecendo com você? – perguntou com um sorriso no rosto antes de ser aproximar um pouco mais de mim deixando um beijo em meu pescoço e se movendo até ficar em cima de mim – Você me deixa completamente sem jeito Claire Bear– confessou olhando para mim antes de juntas nossos lábios num longo selinho, mas como sempre acontecia com nossos lábios eles começaram a se mover e quando Hanna pediu passagem com a língua foi impossível negar, pois seu beijo era viciante. Quando nossas línguas se encontraram foi impossível conter o gemido baixinho que escapou da minha boca, levei minhas mãos até sua nuca enquanto sentia suas mãos passeando pela minha cintura.

Eu poderia ficar beijando-a para sempre, mas como somos humanas o ar começou a faltar e mesmo não querendo Han separou nossos lábios e se afastou um pouco.

- Eu quero você – falei num sussurro – Eu quero você essa noite – disse um pouco mais alto fazendo-a abrir seus olhos enquanto me analisava atentamente... Eu estava pensando nisso a um bom tempo, mas sempre que acontecia situações onde poderia rolar alguma coisa Hanna se afastava.

- Claire nós...

- Eu quero você – disse colocando meu dedo sobre seus lábios impedindo-a de falar qualquer coisa – Eu estou pensando nisso há bastante tempo e cada vez que estamos juntas eu sinto meu corpo acordar e a cada toque seu eu quero mais eu preciso de mais – confessei tentando manter minha respiração controlada – Eu amo você e sei o quanto me ama e eu estou pronta Han – afirmei dando um tempo para ela.

- Isso deveria ser especial Claire Bear – falou.

- Isso já vai ser especial, pois eu estou com você amor – disse com um sorriso antes de levantar meu rosto juntando nossos lábios novamente enquanto levava minhas mãos até sua nuca e mesmo sentindo a hesitação dela, mas quando nossas línguas se encontraram elas sumirão.

Senti as mãos de Hanna em minha cintura primeiro fazendo um leve carinho para depois sua mão apertar minha cintura pressionando seu quadril com o meu, fazendo-me gemer em sua boca com o atrito criado. Hanna desceu seus lábios para meu pescoço chupando e mordendo levemente minha pele e cada vez que seus lábios relavam em minha pele sentia minha intimidade vibrar e tudo piorou quando ela pressionou sua perna em minha intimidade.

- Tem certeza que quer fazer isso Claire Bear? – perguntou num sussurro em meu ouvido para logo depois morder minha orelha.

- Tenho amor – respondi.

- Nós vamos com calma – disse beijando meu ponde de pulso para depois seus beijos descerem para minha clavícula fazendo meu corpo esquentar de uma maneira assustadora. Quando nossos lábios se encontraram novamente num beijo calma senti suas mãos descendo pelo meu corpo apertando minha pele por baixo da minha camiseta de dormi e quando o ar faltou Hanna separou novamente nossos lábios e afastou novamente nossos corpos para lentamente tirar minha blusa mantendo sempre o contato visual comigo durante esse processo e isso durou até nós duas estivéssemos somente com nossas roupas intimas.

- Eu te amo Claire – disse depois de se deitar novamente sobre mim e passar seus dedos em minha face num carinho calmo, inocente e cheio de amor para depois levar suas mãos até minha nuca juntando novamente nossos lábios de uma forma lenta, mas nossos corpos estavam gritando por mais que esse beijo ardente, então Hanna pressionou seu quadril novamente com o meu e contato de nossas peles desnudas fez um alto gemido nascer em minha garganta.

Hanna levou sua mão até meu seio e mesmo por cima do sutiã começou uma massagem enquanto sentia seus lábios iam trilhando um caminho pelo meu pescoço e senti meu quadril ganhando vida própria enquanto buscava mais contato com o dela, sentia meus gemidos aumentando e tentava a todo o custo deixa-los  baixo para ninguém ouvir. Senti os lábios de Hanna circulando meu sutiã antes dela se livrar da peça jogando-a em qualquer parte do quarto e finalmente tinha seus lábios em meus seios fazendo-me perder a sanidade, levei minhas mãos até seus cabelos pressionando sua cabeça contra minha pele enquanto sentia meu corpo pronto a explodir.

- Meu Deus – sussurrei quando senti sua mão deslizando pela minha perna – Han – gemia fechando meus olhos com força quando seus dedos acariciaram minha intimidade por cima da calcinha que por sinal estava muito molhada e inconscientemente mexi meu quadril buscando ainda mais contato com sua mão.

- Calma amor – sussurrou para mim com a voz rouca enquanto seus dedos rapidamente se livravam da minha ultima peça de roupa e jogava-a para algum canto do quarto – Não geme tão alto ou todos vão escutar – pediu quando um gemido um pouco alto escapou de meus lábios – Você está tão molhada – gemeu arrastadamente em meu ouvido enquanto seus dedos seguiam explorando minha intimidade molhada – Se eu machucar você preciso que me fale Claire Bear – pediu para mim e assenti sentindo meu corpo pegando fogo.

- Prometo falar – disse respirando pesadamente.

- Relaxa, pois temos todo o tempo do mundo- falou docemente levando sua outra mão até meu rosto fazendo um carinho pela minha face enquanto sua outra mão deslizava pela minha intimidade e senti um de seus dedos passando pela minha entrada – Está tudo bem amor? – perguntou preocupada quando sentiu minha respiração falhar.

- Estou nervosa – admiti puxando seu rosto para mim enquanto deixava um beijo em sua boca.

- Se você se sentir desconfortável me diga – pediu começando um beijo calmo, mas que logo se tornou intenso enquanto nossas línguas se entrelaçavam e Hanna levou seus dedos até minha entrada e quando chupou minha língua senti seu dedo me penetrando lentamente e percebi o quanto eu estava molhada – Te machuquei? – perguntou preocupada quando um gemido mais alto escapou pelos meus lábios.

- Não – respondi mordendo seus lábios quando senti uma leve dor misturada com prazer surgir e Hanna esperou pacientemente esse desconforto passar antes de começar a se movimentar dentro de mim e rapidamente juntei nossos lábios num beijo urgente enquanto Han começou a se movimentar em cima da minha perna fazendo-me perceber o quanto ela estava molhada e todas essas sensações juntas estavam me enlouquecendo. Senti algo crescendo dentro de mim enquanto Han descia seus beijos pelo meu pescoço deixando tudo mais intenso – Han – gemi quando senti meu corpo inteiro tremer e meu orgasmo chegou junto ao de Han que depois de se movimentar em cima da minha perna deitou-se em cima de mim com a respiração também pesada.

- Está tudo bem? – perguntou assim que sua respiração estava mais calma.

- Está sim – respondi com um sorriso e ela movimentou-se saindo de cima de mim – Onde você pensa que você vai? – perguntei agora em cima dela com um sorriso travesso na cara.

- Eu ia deitar e te puxar junto comigo – respondeu incerta e mexi a cabeça negando – Não? – perguntou para mim e ri antes de descer meus lábios para seu pescoço - É minha vez – falei juntando nossos lábios em outro beijo repleto de amor e desejo.


Notas Finais


ENTÃO O QUE ACHARAM? Comente e favoritem... Estou sentindo falta dos comentarios :(

PREVIA:
"- O que aconteceu Claire? Está tudo bem? – perguntei preocupada e senti meu mundo parar no momento em que ela me respondeu.
- Eu tive minha primeira vez com a Hanna "

Será que o hot acabou? Será que a fazenda acabou?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...