História Sweet, But So Bad - NamJin - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jin, Rap Monster, V
Tags Bangtan Boys, Boyxboy, Bts, Jikook, Kim Namjoon, Kim Seokjin, Namjin, Vjae, Yaoi, Yoonseok
Visualizações 20
Palavras 594
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


*Conteúdo não apropriado para menores de 18 aninhos... Se quiser pular, não leia a partir do " [...] " *
Boa Leitura '3'

Capítulo 5 - Loiro


- Jin... Eu acho melhor você tomar um banho e dormir um pouco para poder relaxar um pouco. Você parece estar cansado. Eu vou ir para casa e amanhã nos falamos na aula quando você estiver melhor. - Namjoon Falou recuando em direção á porta.

- Ficou com medinho, Joonie? Pensava que você era o perfil de garoto ativo e agressivo e não um covarde que tem medinho de escuro. - Falei com um sorriso por ver suas fraquezas, ganhando uma face incrédula de sua parte.

- Descanse, Jin. - e foi embora.

Saí da porta e percebi que eu deveria sair daquele ambiente. Não poderia ficar mais tempo em casa.

Olhei o relógio, percebendo que quase se passavam das quatro da tarde. Olhei-me rapidamente no espelho, assim, me lembrando que precisava me limpar. Fui até o banheiro, limpei aquele escuro sangue que escorria em minha boca e tentei disfarçar meus machucados mais escuros com maquiagem, que sempre tive caso meu appa resolvesse ser um vagabundo e me bater.

Após alguns minutos, saí de casa em direção ao meu carro. Não costumava usá-lo, porém tenho certeza que já está na hora de começar. Não quero mais depender de alguém para fazer algo, eu tenho idade o suficiente para fazer o que eu quiser sem precisar de alguém para criticar todos meus passos. Eu posso ser quem eu quiser e que se foda essa porra.

Dirigi até o shopping mais próximo, que era o meu favorito, e estacionei em uma vaga qualquer naquele estacionamento. Precisava comprar novas roupas e mudar a cor de meu cabelo. Eu não queria continuar sendo um tolo, mudar de aparência poderia me fazer melhor. Iria.

Andei por algumas lojas o suficiente para poder levar algumas roupas que me interessavam. Fui em direção ao pequeno salão de beleza masculino do shopping. Era um dos pequenos lugares aconchegantes visitados por mim nessa inútil vida. Havia poucos no local clientes e alguns funcionários trabalhando.

Após ser atendido, decidi uma cor que achava que poderia ficar bonita em meu cabelo... loiro. Infelizmente, pintar um cabelo ocupa grande parte de um dia, o que me deixa impaciente, porém eu me acalmava ao lembrar do resultado de aquilo tudo.

Com meu cabelo já loiro fui em direção ao balcão, onde poderia pagar pelo meu horário. Havia um garoto moreno aparentemente de minha idade atrás daquele decorado balcão.

- Olá, docinho. - Falei utilizando o meu melhor sorriso.

- Olá... - O homem por trás do balcão me olhou com dúvida.

- Kim Seokjin. - Falei confiante.

- Kim Minjae. - Falou me cumprimentando contribuindo meu sorriso nada ingênuo. - É um prazer te conhecer, Seokjin.

- Alguns dizem que prazer é só na cama, mas você acabou de provar que ver sua beleza foi um prazer ver também.

- Humm... Interessante saber disso. - Ele falou retribuindo meus olhares.

[...]

- Vai mais rápido! Isso! - MinJae gritava entre gemidos que me faziam ir mais fundo e encontrar sua próstata. - Aí! Vai forte, porra!

- Você é muito gostoso! Tão apertado! - Falei juntando todas minhas forças, pois a única coisa que saia de minha boca eram gemidos juntos aos de MinJae.

- Jin! Eu estou quase lá! Vai mais fundo! - Ele falava se controlando para não gemer tão alto, pois teríamos que lembrar que estávamos em um banheiro de funcionários do shopping.

Quando chegamos ao ápice, ele quase perdeu seu equilíbrio, porém consegui segurá-lo com a pouca força que tinha. Após recuperarmos nossas energias, nos limpamos e saímos daquele apertado e quente banheiro.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...