História Sweet, But So Bad - NamJin - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jin, Rap Monster, V
Tags Bangtan Boys, Boyxboy, Bts, Jikook, Kim Namjoon, Kim Seokjin, Namjin, Vjae, Yaoi, Yoonseok
Visualizações 16
Palavras 441
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura '3'

Capítulo 8 - Lágrima


Acordei faltando uma hora para ir à casa de Taehyung. Corri para o banheiro, decidindo tomar um banho rápido.

Após o banho, separei uma calça jeans skinny preta, uma blusa branca e um tênis preto simples. Passei corretivo no meu olho machucado r nas olheiras que todos têm. Arrumei meu cabelo, dando uma pequena bagunçada para deixar ele mais rebelde. Sinceramente, eu me pegaria.

Como fiz mais cedo, fui se meu arribe liguei minhas músicas selecionadas na pasta de favoritos.

Chegando na casa de Taehyung, bati na porta. Fui atendido por Jimin, porém ele estava nem um pouco arrumado.

- Vocês nem arrumados estão. Vão logo, que eu tenho atividades para cumprir. - Falei impaciente. - Andem logo.

- Olá para você também. - Falou Jimin, o que eu não liguei muito.

- Tanto faz. Só quero que vocês se arrumem logo. - Falei passando por ele e me sentando no sofá, pegando meu celular para ficar mandando mensagem para alguém aleatório.

- Jin?- Ouvi Taehyung falar.

- Ahn? - Perguntei sem olhá-lo. Não queria olhar ele naquele momento, apenas queria sair daquela casa e ir naquela festa tentar achar alguém afim de uma noite qualquer.

- Eu quero falar com você, mas tem que ser no meu quarto. - Ele falou sério, o que é muito raro em sua espécie. 

Taehyung, desde criança, era uma pessoa animada e um pouco - bastante - hiperativa. Querendo ou não, esse garoto sempre me fez ficar certo das minhas ações e palavras, menos confuso. Poderia ser pela falta da minha omma ou pelo ódio gratuito do meu appa por mim, mas eu sempre me senti confuso com as outras pessoas, porém Tae sempre me ajudou com isso. Eu não sei como poderia viver sem ele.

- Fale aqui, acho que não há nada que temos que esconder dos outros. Sou um livro aberto, meu amor. - Falei ironicamente para Taehyung com um sorriso classificado pela sociedade sarcástico, logo recebendo olhares confusos de todos no ambiente. - Eu sou tão bonito assim para ficarem me encarando na cara dura? Se quiserem eu mando foto e não me incomodo com o uso ou não de vestimentas. 

- Chega, Seokjin! Vem para o quarto agora. - Falou Tae puxando meu pulso.

Taehyung me empurrou para a cama de seu quarto, me fazendo cair sentado no colchão macio, e me olhou de um jeito sério. Ele não cansava de fazer carão? Parecia ser um assunto complicado o que ele queria tratar, então, decidi não fazer piadas de segundas intenções e sentidos.

Quando iria pronunciar algo, avistei uma pequena lágrima em seu olho esquerdo caminhar por suas bochechas. 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...