História The Evil Behind The Mask - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais, Scream (Série)
Personagens Personagens Originais
Visualizações 10
Palavras 1.034
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Gente, estou aqui para dar algumas informações sobre a minha primeira estória nessa nova conta.

1- Eu pretendo fazer uns 20 capítulos nessa 1° temporada

2-Toda vez que eu der 2 espaços, é por que mudou a cena. (Por exemplo, estão falando sobre X pessoa, quando eu apertar espaço 2 vezes, as próximas falas serão sobre uma outra cena, deu para entender ? Acho que sim)

3-Eu realmente espero que essa estória tenha um bom feedback, se conseguir pegar uma boa galera nessa 1° temporada, quem sabe não tenha uma 2° ou até 3° Temporada. Isso vai depender de vocês!

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction The Evil Behind The Mask - Capítulo 1 - Prólogo

Winterwood High School

Tyler, é um garoto bastante popular em sua escola, devido ao fato de ser um dos melhores jogadores de futebol americano em seu colégio. O garoto tem em seus cabelos, a tonalidade castanha, uma pele bem pálida e olhos tão azuis quanto o mar. Tyler estava acompanhado de uma garota chamada Jéssica, apelidada de Jess, a mesma tinha longos cabelos ruivos e lindos olhos esverdeados.

Naquele momento, os dois jovens estavam em uma das salas, localizada no 1° andar da escola.

-Tem certeza de que quer fazer isto ? -Perguntou Jess apoiando seus braços na mesa enquanto Tyler a beijava, passando sua mão esquerda na coxa da garota e sua mão direita no pescoço da mesma.

-Claro que tenho! Você sabe o que Amy fez. Acho justo eu pagar com a mesma moeda! -Respondeu o garoto ainda a beijar Jess.

-Eu sei, mas é que.... Não me parece certo. Você ainda a ama, eu sei disso.... -Falou Jess.

-O que foi Jess ? Quer desistir ?

-Não... Não quero desistir... Eu... Só quero ficar com você quando eu sentir que você gosta de mim. E me da impressão de que estou tirando vantagem de você, poxa Tyler, você acabou de brigar com Amy, não precisa de um tempo ? -Perguntava Jess pressionando o peito de Tyler, fazendo o garoto se afastar um pouco da mesma.

-Eu estou ótimo Jess, sério. -Disse o garoto colocando novamente sua mão na coxa da garota.

No mesmo instante, o celular de Jess começa a vibrar. Sem pensar duas, a garota coloca a mão no bolso e retira seu aparelho. Ao ver que o número era de desconhecido, a garota estranha.

-Uh ? Quem será que é ? Está meio tarde, por que alguém me ligaria ? -Perguntou Jess se levantando. -Eu já volto Tyler.

-Okay, estarei aqui te esperando. -Disse Tyler se sentando em cima da mesa do professor.

Jess então, sai da sala, e ao se afastar um pouco, pressiona o telefone verde para o lado, colocando assim, seu aparelho em seu ouvido.

-Alô! -Disse a garota estranhando a ligação.

-Como vai Jess ? Aposto que aproveitando bastante, já que finalmente está com Tyler, não é ? Sempre quis tê-lo, mas não pôde por que o coração dele é de sua melhor amiga, Amy. Não acho que ela irá gostar de saber sobre essa noite. Principalmente pelo que está por vir. -Disse a voz do outro lado da linha. Era uma voz grossa e irreconhecível, provavelmente estava usando algum aplicativo para mudar o mesmo.

-Quem é você ? E como sabe disso ? -Jess ao perguntar começava a ficar assustada.

-Sei o que ? O fato de que sua melhor amiga está sendo traída pelo namorado e ao mesmo tempo pela pessoa em que ela mais confia ? Ou o fato de que você quer ouvir da boca de Tyler que ele quer você apenas por um momento difícil em que passa. Você não sabe o que ele planeja fazer. Você acha que vai viver feliz para sempre com ele, não é ? Mas o idiota só quer te embebedar e fazer com que você transe com ele na festa que planejou para daqui a alguns minutos. Ele te contou isso, não contou ? -Disse a voz.

-Escuta aqui, se isso é algum tipo de trote, já pode parar, tá legal ? Não tem graça! Se o Tyler tivesse preparado uma festa, ele me diria. Além do mais, cadê as bebidas, comidas e as outras coisas de festas ? -Jess, a cada minuto que passava no telefone, ficava com mais medo do que poderia acontecer.

-Tá legal, é sua última oportunidade antes de.... Bem, você vai descobrir logo. Vá até o segundo andar, e entre na 4° porta na direita. Você verá uma festa de morrer! -Falou a voz, que logo deu uma leve risada e encerrou a ligação.

Jess, por mais que estivesse assustada, não poderia negar que aquela pessoa continha informações sobre a garota. Mas ainda ficava a dúvida sobre subir ao 2°andar ou não.

O celular da garota naquele instante vibra novamente, assim que Jess olha para seu celular, vê que tinha chegado uma nova mensagem, era da mesma pessoa que tinha acabado de ligar. Jess então, desbloqueou seu celular, entrou no Whatsapp e checou a mensagem.

-Não ouse contar o que há no 2° andar para seu ''amiguinho'', deixe que eu mesmo conto. Agora vá, já estou ficando sem paciência, e você definitivamente não quer me ver bravo!

-''Não tenho outra escolha, tenho ?'' -Pensou Jess, que logo começava a andar em direção a escada do andar superior. -''Espera um pouco, por que estou fazendo o que esse babaca quer ? Eu nem ao menos o conheço. É claro que isso é um trote.'' -Ainda pensando, Jess para, dá meia volta e ao se virar, vê um objeto circular em frente a porta da sala onde estava Tyler, o estranho é que o objeto não estava lá.

Jess lentamente vai se aproximando do objeto, ao chegar perto, a garota pega ele e se depara com um globo ocular, era de Tyler. Jess na hora joga o olho no chão, enquanto colocava suas duas mãos na boca tremendo.

-Tyler!? -A garota já não via muita necessidade de gritar o nome do colega, mas ainda sim o faz.

Como Jess estava desesperada ao ver o globo ocular e por não ter recebido uma resposta pelo grito, a garota corre em direção a sala em que Tyler estava. Ao abrir a porta, ela se depara com a janela quebrada e um caco de vidro enorme, que alguém usou para enfiar no pescoço do pobre garoto, que naquele momento já havia morrido.

-Ty....ler.... -Sem dizer muito, Jess cai de joelhos no chão se acabando em lágrimas ao ver o que tinha acontecido.

Alguns minutos se passaram, Jess ainda estava paralisada no chão enquanto chorava. E a policia chega na escola, o mais estranho disso é que Jess não tinha chamado-os.

A policia chega arrombando a porta, que estava trancada, e ao chegar na sala, apontam a arma para a garota que ainda estava ajoelhada.

-Mãos ao alto garota! Você vem conosco! -Falou o policial.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...