História The heart wants what It wants - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Selena Gomez, Taylor Momsen
Tags Lesbicas, Romance
Visualizações 53
Palavras 389
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 33 - Vem comigo?


Não tinha coragem de levantar a cabeça, ainda dava para ouvir a voz das pessoas me julgando e falando coisas horríveis a meu respeito '' você deve exorcizar ela, ela esta com o demônio no corpo'' ouvir a voz de uma senhora atrás de mim, naquele momento eu apenas queria morrer, quem sabe aquela dor que eu estava sentindo ia sumir, sentia a mão de Alessia apertando a minha em sinal de apoio, minha mãe estava imóvel do meu lado, não dizia uma palavra

'' Mãe por que a Selena esta beijando uma menina? '' – Ouvir Jose perguntar, mas não conseguir ouvir a resposta da minha mãe

Sentir meu corpo sendo abraçado, um abraço forte, um abraço verdadeiro, minha cabeça estava encostada no peito dessa pessoa, eu reconhecia aquele perfume, mas só podia ser alucinação, estou passando por um processo traumático e imaginando coisas, é isso – pensei - , o abraço ficava mais apertado a medida que o tempo passava, involuntariamente me sentir abraçando a pessoa de volta, naquele momento sentir que tudo de ruim tinha passado, eu não estava mais na igreja, eu não ouvia mais vozes, era apenas eu e aquela pessoa

'' Eu nunca vou te abandonar, eu vou estar sempre com você, eu te amo, confia em mim, pelo menos uma vez, pelo menos hoje ''

A pessoa sussurrou isso no meu ouvido, eu reconhecia aquela voz, não era alucinação, levantei a cabeça, e lá estava ela, sorrindo para mim, não o sorriso sarcástico que ela costuma dá, mas um sorriso verdadeiro, de conforto, naquele momento eu pude perceber que ela estava falando a verdade, sorri para ela de volta

— Vem comigo? – ela estendeu a mão para mim

— Para onde?

— Onde você finalmente vai poder ser o que você realmente é, sem ninguém para te julgar

Segurei sua mão, ela apertou minha mão de volta, sentir minha mãe segurando meu outro braço, Candice me puxou com mais força fazendo com que eu levantasse do banco de uma vez, então corremos para fora da igreja, ainda podemos ouvir as pessoas falando palavras horríveis na nossa direção, mas a partir daquele momento eu vou esquecer a opinião das pessoas, eu vou esquecer aquelas pessoas, entramos no carro de Candice então ela deu partida

— Para onde estamos indo?

— Eu não faço ideia – ela sorriu acelerando mais o carro.


Notas Finais


desculpa o cap pequeno, quando eu voltar vai ser com um maior prometo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...