História Tumblr Boy - Capítulo 61


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bambam, Bigbang, Blackpink, Bts, Daesung, Got7, Gtop, Jackson, Jaebum, Jennie, J-hope, Jikook, Jimin, Jin, Jinyoung, Jisoo, Jungkook, Lisa, Mark, Markson, Namjin, Namjoon, Rose, Seungri, Taehyung, Taeyang, Taeyoonseok, Top, Yoongi, Youngjae, Yugyeom
Visualizações 231
Palavras 1.071
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Escolar, Festa, Lemon, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 61 - 61


Fanfic / Fanfiction Tumblr Boy - Capítulo 61 - 61

Eu sei que o Jinnie está nervoso comigo, mas eu vou fazer isso passar.

Eu vou cozinhar algo, aproveitar que TaeYoonSeok saíram para curtir as horas que restam, até a volta do trabalho, juntos. 

— Mãos a massa. - Disse antes de arregaçar as mangas da minha blusa, lavar as mãos e colocar uma luva transparente. 

Começo pegando alguns ingredientes, e colocando todos em cima do balcão. 

Coloco leite dentro de uma bacia rosa, e um pouco de algumas coisas lá, que eu esqueci o nome. 

Era para ser um bolo. 

Mas será que dá certo sem os ovos? Quantos são mesmo? Acho que três, ou é seis? Por precaução vou colocar 7 ovos, aí vocês perguntam por que não vê isso na Internet? Simples, essa desgraça caiu e não tem nenhum livro de receitas. 

Depois de colocar os ovos, - o que deu ruim na hora de abrir, mas depois eu limpo. - Começo a bater a massa. 

PUTA QUE PARIU, ESQUECI A MANTEIGA.

Acho que nem vai fazer falta. - Agora é só colocar em uma bandeja ou forma, sei lá e colocar no forno. Tinha que untar a forma? Acho que não, isso não é só para coxinha? 

Acho que uma hora no forno já fica bom. Não é? 

Vou arrumar a sala; Coloco uns filmes pela mesa, coloco salgadinhos em algumas bacias, refrigerantes e doces.

Pego meu celular vendo que faltava alguns minutos para tirar o bolo.

Estava entediado, a Internet não estava funcionando, então, vou ver os bonecos de ação do Jinnie, que estavam  - Bem, alguns estavam. - na estante da sala. 

Eram muitos, alguns até de cerâmica, eram lindos.

(...)

Foram minutos apenas olhando, até eu sentir cheiro de fumaça visto da cozinha, acabo me desesperado e deixando três bonecos caírem no chão, os quebrando. 

AÍ MEU CÚ, O JIN VAI ME MATAR.

Morrer queimado ou pelo Jin? Acho que morrer queimado é melhor, mas é melhor ir pra cozinha e resolver, né? Ou arrumar a sala e depois ir na cozinha? 

Melhor a cozinha. Corro até a cozinha desligando o forno, vendo o alarme de incêndio apitar, e começar a jorrar água por todo canto, acabou que eu fiquei todo molhado. 

— Ótimo, agora é que eu morro. - murmúro tristonho. 

Só queria fazer as coisas darem certas, mas eu só estrago tudo.

— NamJoon, o que aconteceu? - perguntou Jin entrando na cozinha, com uma cara brava. - O que você fez? - disse bravo, mas suavizou ao me olhar. Por que? Porque eu estava mais do que triste, e pelo visto era bem evidente. 

POV'S KIM SEOKJIN.

Namjoon é um bom namorado, um bom amigo, um bom homem, mas as vezes parece ser uma criança. Eu amo isso nele, mas as vezes não é o momento certo.

Bufo irritado, não só por causa do post, mas algumas outras coisas, que não irei citar aqui. - Ele quebrou o meu celular, o deixando cair da escada, enquanto jogava um jogo. Molhou as minhas revistas de receitas, enquanto bebia água. E entre outras milhares de coisas, que eu realmente estou farto, mas sei que não é culpa dele, mas ando estressado demais, talvez por causa do trabalho, e o meu bolinho quer me ajudar, mas acaba atrapalhando um pouco. E fica triste, e eu acabo o perdoando. 

Eu tinha acabado dormindo depois de uma pequena briga com NamJoon, mas acordo assustado, sentindo o cheiro de fumaça.

Arregalo os olhos, e corro para a cozinha, vendo água por tudo quanto é canto um bolo (?) queimado, e um Namjoon de cabeça baixa e todo molhado. 

Admito fiquei bravo, mas suavizo ao ver o meu bolinho com lágrimas nos olhos.

— N-Nam, me conta o que aconteceu. - lhe peço, abraçando sua cintura, nem ligando para o maior molhado. 

— E-eu... - fungou alto, escondendo a cabeça dentre o vão do meu pescoço. - Eu tentei fazer uma surpresa para você, como pedido de desculpas, mas deu errado. Desculpa, Jinnie. E-eu... - o interrompo.

— Shiu, tudo bem. - Começo a fazer um cafuné em seu cabelo. - Está tudo bem, não precisa ficar assim. Me desculpa, huh? Devia ter te dado mais atenção. - disse apertando o mais alto em meus braços. 

— Não, Jinnie. E-eu sou muito desastrado. - Eu nunca vi Jonnie chorando por causa disso, sempre por motivos sérios, ele deve estar se sentindo mal mesmo. 

— Tá tudo bem. Vamos subir, e descansar, depois arrumamos tudo, huh? - Ele assentiu, e eu guio o maior até nosso quarto tirando sua camisa. - Vá tomar um banho quente, okay? - Namjoon assentiu e foi em direção ao banheiro, enquanto eu fui para a lavanderia, deixar a blusa do maior e ir arrumar cozinha.

Assim faço, depois de uns minutos, já estava tudo limpo.

— Por quê não me esperou para a arrumar tudo? - Namjoon perguntou com os olhinhos e as bochechas vermelhas, é, ele chorou mais. 

— Eu não disse para você ir descansar, NamJoon? - questionou abraçando o maior, que retribuiu. 

— Mas, eu quero você lá em cima. Deita comigo, Jin? - assinto dando um selinho no maior. - Não, espera. Tem salgadinhos lá na sala e algumas bebidas, vamos pedir uma pizza e assistir um filme? - Concordo sendo guiado por Nam até a sala, vendo jogando no chão três bonequinhos meus.  

O falso loiro percebeu o meu olhar, e olhou também, abaixando a cabeça com um bico nos lábios.

— Vamos assistir? - mudo de assunto completamente, não quero ver o meu bebê triste de novo. 

— V-vamos. - disse surpreso, talvez por não ter recebido bronca. 

Sento ao lado de NamJoon, que já havia colocado o filme, pedido a pizza, e desligado as luzes. Deito minha cabeça em seu ombro, vendo suas covinhas aparecerem, junto de um sorriso. 

— Eu te amo tanto, Jonnie. - disse beijando sua bochecha.

— Eu também te amo, Jinnie. - Selou nossos lábios.  - me desculpa pela bagunça? É que... - o interrompo, beijando seus lábios em breve selinho.

— Esqueça isso, vamos assistir, huh?  - Ele assentiu, voltando sua atenção para o filme, após sorrir para mim.  

A verdade era que esses bens matérias que Namjoon quebra, não faria falta, eu sempre o perdoaria. Ele é assim, eu não posso o mudar. Admito, adoro quando ele vem manhoso para mim, pedindo desculpas, com alguma coisa nas mãos, e um biquinho tristonho nos lábios, após quebrar alguma coisa. 

Eu amo o jeitinho dele, e bem, sempre amarei. 



Notas Finais


EU NAMJIN COM TODAS AS MINHAS FORÇAS, SIM!

Para quem não está entendendo, os capítulos que eu postei anteriormente, apenas o Jimin tinha ido para o comeback. Os dos meninos é amanhã - no caso hj aqui. -. Só isso.

Para quem não entender, é só perguntar nos comentários. Okay? Eu tento explicar...



Amanhã - que aqui é hj - eles começam a trabalhar, sério. Prometo. Não vou enrolar mais. Em nome da minha mulher, vulgo CL, eu prometo. Amém.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...