História Um Caminho á Prosseguir - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Caminho
Visualizações 1
Palavras 623
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Shoujo (Romântico)
Avisos: Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 5 - Cinema


- Você está linda Victória! - diz Arthur se envergonhando ao elogia-lá.

- Obrigada! - diz ela com a cabeça baixa.

- Bom, que horas começa a nossa seção? - pergunta ele procurando horário nos ingressos.- Às 21:30, temos muito tempo! Que tal se passarmos em uma lanchonete? Conheço uma com que há um lanche muito bom! Vamos? - pergunta Victória o puxando pelo braço.

Ok, ok, vamos então! - disse ele caminhando apressado para acompanhá-la.

Após alguns minutos de caminhada, chegam a tal lanchonete que ela falará.

- Boa noite! Como posso ajudá-los?! - pergunta a garçonete a eles.

- O cardápio por favor! - diz ele a garçonete.

- Não precisa de cardápio! - diz ela o olhando com um semblante autoritário. - Queremos dois lanches da casa e dois "refris" médios!

- Algo mais? - pergunta a garçonete.

- Não! Obrigada! - diz Victória olhando para ele e arrumando as *bisnagas em cima da mesa.

- Então conte-me mais sobre você! O que faz atualmente, o que gosta de fazer, o que não gosta... Então! - diz ela sem deixar tempo para Arthur responder.

- Bom... Eu sou natural de Los Angeles, mas á cinco anos viemos pro Brasil, depois que... - diz Arthur com um semblante de tristeza.

- Depois quê? - pergunta ela colocando sua mãe sobre o ombro de Arthur.

- Depois que minha mãe faleceu, meu pai se casou com minha tia Ágnes. -disse ele abaixando a cabeça.

- Vamos mudar de assunto! O que você gosta de fazer?! - pergunta ele com sorridente.

- Bom, gosto de ler livros, estudar e... Bom passear com você! - diz ele rindo.

- Nossa que bom! Sempre que tivermos livre podemos sair sem problemas! - diz ela arrumando o cabelo.

- Licença! Desculpe interromper, mas aqui está o seu pedido. - diz a garçonete interrompendo a conversa.

- Finalmente! Já estava morta de fome! - diz Victória pegando um dos lanches.

- Posso fazer uma pergunta ? - pergunta a garçonete.

Os dois acenam com a cabeça.

- Vocês são namorados? - pergunta ela sem graça.

- Nã... - diz Arthur sendo interrompido por Victória.

- Sim! Isso é óbvio. - diz ela segurando a mão de Arthur.

A garçonete sai deixando-os a sós. Eles comem, Arthur paga a conta e se dirigem ao cinema sem nenhuma palavra mencionada entre os dois.

Ao chegar vêem que a sessão foi cancelada, mas compram ingressos para outro filme.

- Por que disse a garçonete que namoramos? - pergunta ele sentando em sua poltrona.

- Só pra descontrair! - diz ela rindo.

- Tudo bem! Mas de que gênero é este filme? - pergunta ele se acomodando na poltrona.

- Ele é de romance! O único filme que iram passar nesse horário! Tudo bem se nós assistirmos a esse filme? - diz ela desligando o celular.

- Claro! - diz ele a olhando atentamente.

Ao decorrer do filme, troca de olhares rolam mutuamente, Victória então toma iniciativa e beija Arthur.

- Por que do beijo? - pergunta ele a olha-lá sem dar importância ao filme.

- Tenho que te revelar algo! Desde que chegou não consegui tirar os olhos de você! - diz ela colocando a mão sobre o pescoço.

- Eu gosto de você! Mas... - diz ele a olhando fixamente.

Sem deixar Arthur terminar sua fala, Victória levanta e sai correndo em pleno cinema.

- Victória, Victória! - grita Arthur correndo atrás dela.

Todos se aborrecem no cinema por causa do barulho. Ao alcança-lá ele a segura pelo braço enquanto a olha nos olhos vermelhos por conta do choro.

- O que você quer!? Fui uma boba em acreditar que você estaria apaixonado por mim! - diz ela enxugando as lágrimas do seu rosto.

- Você não me deixou terminar! Mas eu me apaixonei por você perdidamente! - diz ele arrumando o cabelo dela.

Eles se beijam e voltam para o colégio a conversar sobre o ocorrido no cinema.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...