História Um canalha de primeira - Long Imagine · Jimin · BTS - Capítulo 34


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Jeongguk, Jhope, Jimin, Jiminnie, Parkjimin, Rapmon, Rapmonster, Sehun, Suga
Visualizações 215
Palavras 1.428
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Opa,como vai?
Espero que gostem desse capítulo! sz

Boa leitura~

Capítulo 34 - Contrário


Fanfic / Fanfiction Um canalha de primeira - Long Imagine · Jimin · BTS - Capítulo 34 - Contrário

Entrei em desespero. Andava pela sala,como se a solução dos meus problemas fosse surgir do nada.

Saí de meus pensamentos quando ouvi novamente o som de notificação.

 

·Mensagens·

Número desconhecido: Amor,sou eu,S/n.

Por favor,tente ficar calmo.

A pessoa que me sequestrou me passou o endereço daqui.

*endereço*

E lembre-se: contrário.

[√√ Recebido - 06 : 56 pm - ]

Número desconhecido ficou offline

 

Contrário?

Ela repete isso,como se quisesse dizer algo.

Tenho que preparar tudo que ela mandou e ir logo para o local indicado na mensagem.

 

Fui na casa do Yoongi,já que ele falou que conseguiria as notas falsas.

 

JM- Estão todas aqui? - falei,com a mala em mãos.

 

YG- Sim. Ei,toma seu celular. Você ia deixar em cima da mesa. - estendeu-me o aparelho.

 

JM- Mais uma mensagem. - murmurei enquanto ia até o aplicativo de mensagens.

 

·Mensagens·

Número desconhecido: Jimin,venha sozinho.

Não quero que nosso plano dê errado.

E não se preocupe,estou apagando nossas conversas.

[√√ Recebido - 07 : 13 pm -  ]

Número desconhecido ficou offline

 

YG- Você vai mesmo sozinho? - ele havia lido as mensagens também.

 

JM- S/n é inteligente,então vou seguir o plano dela. Sozinho,sem arma e nada de fazer o contrá- - pausei minha fala- Como eu não pensei nisso antes?!

 

YG- O que foi?

 

JM- Liga pros meninos,e pro Henry também.

 

YG- O Henry? Você sabe que aquele cara é uma máquina de problemas.

 

JM- Dessa vez,será uma máquina de soluções.

 

(...),no galpão

 

Bati no portão de metal,e ele foi aberto por uma garota pequenina.

 

??- Pode entrar,Sr. Park. - ela parecia triste.

 

??- Seja muito bem-vindo,Jimin.

 

JM- Cadê a S/n? Eu quero vê-la agora!

 

??- Você sempre foi idiota,mas imaginei que ao menos a S/n depois de ser traída teria se tornado mais inteligente.

 

JM- Do que está falando?

 

??- Acharam mesmo que eu não iria descobrir o planinho ruim de vocês? Nunca assistiriam um filme de ação? Vir sozinho,desarmado e com dinheiro falso? Esse mundo do crime está cada vez mais divertido.

 

JM- Por favor,eu prometo que irei arrumar o dinheiro,apenas deixe a S/n ir.

 

??- Seria muito simples. - deu de ombros - Manila,traga nossa querida.

 

A garota baixinha foi até uma espécie de quartinho,ao menos era o que parecia,e voltou com S/n.

 

Aquela cena partiu meu coração,ela estava ensanguentada e amordaçada.

As lágrimas saiam de seu rosto, aquilo doía muito em mim.

 

JM- Meu amor,eu prometo,tudo vai ficar bem.

 

??- Não prometa o que não pode cumprir,Park Jimin.

 

JM- Acredite,essa promessa eu irei cumprir.

 

??- Caramba,vocês realmente combinam. Um tão irritante quanto o outro. - revirou os olhos.

 

Jimin off >>> S/n on

 

S/n- Me desculpe por isso. - sussurrei para Manila.

 

M- Hã? - apliquei um golpe na mesma,o que fez a garota cair em meus braços.

No mesmo instante,Namjoon e Yoongi entraram no local,com fuzis em mãos.

Jimin apontou uma arma para a cabeça da pessoa que me sequestrou.

 

JM- Eu disse que iria te matar.

 

S/n- Jimin,não suje suas mãos,por favor.

 

JM- Mas-

 

S/n- Por favor. - falei,fraca.

 

Perdi muito sangue,e a última coisa que me lembro é de ser segurada por Hoseok antes de ficar desacordada.

 

S/n off >>> Jimin on

 

Tirei minha atenção da pessoa à minha frente,quando vi S/n indo de encontro aos braços de Hoseok,desacordada.

Corri até a garota,me ajoelhando no chão,tomando-a dos braços do hyung.

 

JM- Eu prometo,meu amor,você vai ficar bem. - nesse momento,eu já não conseguia conter minhas lágrimas - Ligue para a ambulância,agora! - falei para o garoto ao meu lado.

 

H- Já estou ligando. - disse com a voz trêmula e os olhos marejados.

 

T- Por favor,Jimin,tente se acalmar,eu vou ficar com ela enquanto a ambulância não chega.

 

JM- Eu não vou sair do lado dela,Kim Taehyung!

 

T- Você não irá ajudar em nada nesse estado. Vá atrás da pessoa que fez isso que eu cuido dela. - assenti,mesmo contra minha vontade.

 

JM- Onde estão os meninos? - me referi a Namjoon e Yoongi.

 

JK- Foram atrás da pessoa que sequestrou a S/n. Mas acho que será difícil por conta da mata fechada que tem aqui perto.

 

JM- Você pode ir ajudar eles,por favor?

 

JK- Só estou esperando o Henry voltar com as lanternas que ele guarda no carro. Não se preocupe,hyung,faremos de tudo para encontrar o culpado. - pôs a mão em meu ombro.

 

JM- Muito obrigado. - dei um sorriso triste.

 

Muitos minutos se passaram,e a ambulância finalmente chegou.

S/n permanecia desacordada,e isso me preocupava cada vez mais.

Já na maca,ouvi ela murmurar algo para mim.

 

S/n- Leve a Manila também. Ela cuidou de mim.

 

Pensei durante alguns segundos,e me lembrei que Manila era o nome da garota que me recebeu nesse galpão.

 

Mandei os enfermeiros colocarem ela dentro da ambulância,e decidi seguir com o carro.

 

(...)

 

Manila já estava acordada e se sentindo bem,mas ainda não recebi notícias do estado de S/n.

 

Encarava o chão,quando notei que os meninos se levantaram.

Olhei pela lateral do olho e vi que o médico estava ali.

Fiquei de pé rapidamente,e enchi o médico de perguntas.

 

JM- Como ela está? Já acordou? Poderá voltar pra casa quando? Podemos ir vê-

 

Dr.- Acalme-se, Sr. Park. - falou,em um tom sério.

 

H- Estamos todos muito preocupados,Doutor .

 

Dr.- Compreendo. A jovem já está em um estado consideravelmente melhor do que quando chegou,porém perdeu muito sangue devido aos cortes,e precisará de uma transfusão de sangue.

 

T- E qual é o tipo sanguíneo dela?

 

Dr.- Tipo A.

 

JM- Ótimo,eu irei doar.

 

Dr.- Precisamos ver se o Sr. se encaixa nos requisitos para doar sangue. Ah,e antes de tudo,mas algum de vocês possui esse tipo sanguíneo?

 

NJ- Eu.

 

JK- Eu também.

 

HS- Também é meu tipo sanguíneo.

 

Dr.- Então iremos buscar esses requisitos em todos vocês.

 

Alguns minutos depois,e já havíamos respondido todas as perguntas feitas.

 

Dr.- Park Jimin e Jung Hoseok poderão doar. Contanto,claro,que estejam com um documento com foto.

 

JM- Droga! - falei baixo.

 

HS- Aqui está,Doutor .

 

Dr.- Pode seguir esta enfermeira. Precisaremos fazer alguns exames com o Sr. antes.

 

HS- Claro. - assentiu e seguiu a moça.

 

JM- Eu posso ver como a S/n está?

 

Dr.- Sinto muito,só depois da transfusão de sangue.

 

 

Tudo ocorreu bem durante o processo da transfusão.

 

JK- Ela ainda irá demorar para acordar. Você deve estar com fome,vamos comer algo no refeitório?

 

JM- Não consigo focar em nada além da minha preocupação com ela. Pode ir com os outros meninos.

 

JK- Se precisar de algo,é só ligar. - fiz um "sim" mudoe continuei aguardando alguma novidade.

 

(...)

 

Dr.- Ela ainda não acordou,mas vendo seu estado,imagino que só em vê-la,já ficará mais tranquilo.

 

JM- Muito obrigado,Doutor.

 

Dr.- Quarto 102,corredor 7.

 

Fui até o local,e ao abrir a porta,pude ver a pessoa que mais amo na vida.

Peguei a poltrona,posicionando-a ao lado da cama. Passei minutos observando a garota,até que vi seus olhos se abrirem.

 

S/n- J-Jimin? - disse,com a voz sonolenta.

 

JM- Como você está se sentindo?

 

S/n- Meu corpo todo dói.

 

JM- Deve ser por conta dos cortes,mas o médico disse que apesar de serem muitos,não foram tão profundos,então se vocês tomar todos o remédios e me deixar fazer todos os curativos direitinho,tudo vai ficar bem.

 

S/n- Obrigada por sempre fazer o contrário do que eu digo. - deu um sorriso sem mostrar os dentes.

 

JM- Apesar da situação em que você se encontra,é muito bom poder olhar esse rosto lindo e ouvir essa voz novamente. - passei meu polegar pela bochecha da mesma,depositando um carinho no local.

 

A garota levou uma de suas mãos até meu rosto,e logo em seguida,a outra. Ela me puxou lentamente para um beijo. Ficamos assim durante algum tempo,até que a garota interrompeu o beijo.

 

S/n- Eu quero comer alguma coisa.

 

JM- Tava até estranhando você não ter dito isso logo quando acordou. - a mesma me mostrou a língua - Vou ver o que você pode comer.

 

S/n- Eu quero hambúrguer,pizza,sorvet-

 

JM- Ei,mocinha,não sou médico nem nada,mas tenho quase certeza de que você não pode comer nada disso.

 

S/n- Que mundo terrível que eu estou vivendo. - fez cara de choro.

 

JM- Eu vou tentar arrumar alguma coisa gostosa pra você comer,prometo.

 

S/n- Você tem o "selo namorado S/n de qualidade".

 

JM- Quanta honra,agora vou procurar comida pra você. - dei um rápido selar em seus lábios,deixando a garota no quarto.

 

S/n- Ei,espera.

 

JM- Sim? - entrei novamente o local.

 

S/n- Cadê o Joe?

 

JM- Sobre isso... - que comece a missão "explicar pra sua namorada que você esqueceu de avisar pro seu cunhado que ela foi sequestrada e agora está no hospital".


Notas Finais


Comente sua opinião sobre esse capítulo 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...