História Vendido - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, Hidan, Itachi Uchiha, Kakuzu, Kisame Hoshigaki, Konan, Obito Uchiha (Tobi), Sasori, Yahiko, Zetsu
Tags Font_candy, Hidan, Kakuhida, Kakuzu, Vendido
Visualizações 69
Palavras 2.028
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


VOLTEIIIIIIIIIIIIIIIIII
UHUL!
Gente que sdd de vcs <3 Sabiam que dia 08/11 foi niver de muá?? Parabéns pra mim!
*
~Boa leitura
OBS: a playlist desse cap está denominada como "2º" :)

Capítulo 7 - Sinuca


 

O albino estremeceu só de lembrar o que tinha escondido dentro de todas daquelas sacolas.

-Roupas...-coçou a nuca dando uma de indiferente-Sapatos, coisas que eu precisava sabe...

-Hm

Kakuzu ajeita o colarinho de sua camisa azul

-É que você demorou mais do que eu esperava

-Sabe como Konan é...

Kakuzu riu baixo

-Tudo bem, está com fome?

-Muita! Não comi nada desde que saí!

Só de lembrar de uma boa comida o estomago de Hidan se contorcia.

 -Venha- o maior foi até a cozinha- Eu passei no mercado hoje

Hidan o seguiu e se sentou na cadeira da mesa vendo Kakuzu mexer nos armários.

O maior tirou uma panela de aço inox, colocou dentro uma quantidade considerável de água acendendo o fogo de uma das bocas do cooktop em seguida.

Hidan escorou a cabeça em uma de suas mãos em quanto seus olhos róseos observavam cada movimento de Kakuzu, viu o moreno abrir uma partilheira em cima, esticando-se para alcançar o pacote amarelo que logo foi pego fazendo os músculos de suas costas ficarem aparentes por baixo da camisa de malha com tal movimento.

Quando o moreno percebeu que a água na panela começava a formar as bolhas indicando que tinha fervido abriu o pacote amarelo despejando o macarrão instantâneo dentro tampando-a em seguida.

-Instantâneo? - O albino riu da cena

-Eu não sei cozinhar como Azumi sabe...

Logo o macarrão estava pronto então o moreno levou a panela até a mesa junto com os hashi’s.

-Estou com tanta fome que até isso parece maravilhoso-pegou os hashi e começou a comer

-Eu até podia te levar para comer fora-Kakuzu começou a comer também- Mas eu estou muito cansado...

-Sem problemas...-o albino sorriu internamente

Depois de alguns minutos comendo em silêncio, o que não era estranho entre os dois, logo terminaram a refeição.

-Deixa que eu lavo-pegou os palitinhos e a panela levando todos para a pia

-Obrigado- Hidan levanta indo para a sala

As sacolas ainda estavam no chão, então pegou o máximo que podia nos braços e subiu as escadas parando no meio do corredor.

“Mas...em que quarto?”- O albino pensou olhando para o quarto de hospedes e depois o quarto de Kakuzu

-Tem bastante espaço no meu closet Hidan

Ouviu a voz de Kakuzu atrás de si e deu um pulo de susto

-Mas...

-Venha- O moreno tomou algumas sacolas das mãos de Hidan e rumou para o último quarto do corredor

O menor o seguiu praticamente correndo temendo que o maior tivesse pegado as sacolas “proibidas”

Kakuzu entrou dentro do closet e deixou as sacolas encima de uma mesinha de centro. Levou as mãos até uma porta de correr e a abriu, revelando um enorme espaço vazio para as novas roupas do albino.

-Pronto- o maior sai deixando ele sozinho com as sacolas

Hidan quase soltou um “ufa” de alivio.

O albino tirou as roupas e os sapatos de dentro das sacolas e começou a organiza-las. Olhou para trás e viu que a porta estava entreaberta então aproveitou para espiar as coisas de Kakuzu.

Abriu umas das portas de correr do outro lado e viu que ali se encontravam as roupas sociais do moreno, tais como ternos e nas gavetas bem arrumadas as várias camisas de várias cores.

Fechou essa e abriu a outra parte, já ali estavam as camisas normais do moreno, sorriu, ele realmente tinha uma parte mais “caseira”. Na primeira gaveta abriu e logo fechou rapidamente ao ver apenas cuecas de cores escuras, na segunda eram apenas calças e shorts.

Foi até a uma parte aberta do closet dando de cara com vários relógios de ouro de várias marcas, alguns perfumes em outra parte e nas outras uma gaveta apenas com gravatas.

Uma parte do guarda-roupa o chamou atenção, abriu aquela portinha e viu uma bola de futebol velha e quase murcha totalmente desgastada.

Pegou aquele brinquedo e o rodou nas mãos. Aquilo não lhe era estranho, na verdade para Hidan aquilo era totalmente conhecido, pois parecia muito sua antiga bola de infância que sua mãe tinha lhe dado antes de falecer.

Mas era impossível! Ele a tinha perdido a muito tempo atrás!

-Já acabou? - Kakuzu entra e vê Hidan com a bola de brinquedo nas mãos- O que está fazendo?

-Eu...

-Não mexa nisso-Ele pega a bola das mãos do rapaz e guarda no lugar fechando a portinha

-Por que guarda uma bola velha?

-Não é uma bola qualquer...

Hidan junta as sobrancelhas em um sinal de dúvida mas prefere esquecer o que aconteceu voltando para as suas roupas.

Kakuzu escora na bancada que tinha ali observando o menor indo para lá e para cá com os cabides.

Hidan estava tão concentrado com seus sapatos novos que nem percebeu quando uma sacola caiu de dentro da sacola maior que estava a caixa despertando a atenção de Kakuzu.

O maior abaixou perto do albino que estava organizando e pegou a sacola, a abriu e olhou curioso dentro.

Sorriu de lado.

-Não sabia que você tinha tantos desejos assim Hidan...

-Como assim?

 Levanta e vira na direção dele

-Jashin...

-Não o satisfaço?

Kakuzu pega o vibrador

-Não! Não é isso- O albino levanta desesperado e corado- Foi...

-Por que precisa de um vibrador então? - O moreno parecia realmente ofendido- Está na cara que eu não te satisfaço!

Hidan infla as bochechas corado com a reação do maior e responde de imediato e sem pensar:

-Você me satisfaz sim Kakuzu!! Por favor coloque isso no lugar!

O moreno sorri convencido outra vez pegando o queixo do menor trazendo-o para mais perto de sua boca.

-Eu sei que te satisfaço- ele dá um selinho- Eu só queria ouvir isso saindo dessa sua boquinha.

Hidan pega a sacola e a caixinha das mãos de Kakuzu e se afasta dele meio rubro pelas palavras do maior.

-Mas por que comprou?

-Foi a Konan! – Ele coloca a sacola em cima da mesinha- Ela disse que se eu comprasse essas coisas ela daria uma chance ao coitado do Pain

-Coitado?

-Ele só consegue ver os coisas ruins nele...fiquei com pena.

Kakuzu soltou apenas um pequeno “hm” antes de pegar novamente a sacola.

-Ei!

-Calma! Só irei dar uma olhadinha...

Hidan começa a organizar os sapatos espiando de vez em quando Kakuzu que agora retirava da sacola as algemas.

-Isso será muito útil

O moreno tira as algemas do pacotinho e a gira no dedo indicador olhando para a bunda de Hidan que estava abaixado.

-Vai ser com certeza...

Hidan cora

-Para de olhar para a minha bunda seu desgraçado!

Kakuzu ri baixo e tira o vibrador da caixinha colocando no bolso.

Hidan levanta em seguida

-Acabei! Finalmente!

O moreno pega da sacola a última caixinha.

-Já usou isso? -ele liga a vibração do anel peniano

-N-não...

Kakuzu desliga a vibração e coloca no bolso também

-Tudo bem...Vamos -Ele abre a porta se retirando- Estou entediado, sabe jogar sinuca?

-Não sei

-Ótimo! Vou te ensinar

O moreno sai do quarto e Hidan o acompanha, indo para a sala de jogos que havia na casa.

Kakuzu abre uma portinha que tinha do lado da mesa tirando dois tacos do mesmo tamanho.

-Fique com esse- ele dá um preto para Hidan

O albino pega o taco e percebe que o outro já organizava as bolas no centro da mesa em formato de um triangulo invertido.

Hidan se afasta ao perceber que Kakuzu se abaixava um pouco com o taco nos dedos, pronto para jogar a bola branca nas coloridas.

-Vou estourar!

Ele faz um movimento para trás e joga a bola branca nas coloridas fazendo-as se espalhar por todo o canto, mas apenas uma das bolinhas entra no buraco no canto esquerdo da mesa.

- Sou ímpar, você par.

Kakuzu se encurva novamente e posiciona seu taco na bolinha branca, ele faz um leve movimento com as mãos, mas por azar a bolinha branca desvia da colorida.

-Merda...

Hidan olha para a mesa a procura de uma bolinha com os números pares, encontra o número quatro e se posiciona como Kakuzu para tentar acerta-la.

-Mas que droga...

Seus dedos simplesmente não paravam na posição para segurar o taco fazendo o moreno do seu lado soltar um breve sorriso.

-Você está segurando errado

Kakuzu se posiciona atrás do albino e coloca as mãos em seu quadril chamando a atenção do menor.

- Se abaixe um pouco mais...

Ele coloca a palma nas costas de Hidan fazendo ele se abaixar um pouco mais na altura certa.

-Agora...

Kakuzu desliza as mãos pelo lado do peito do menor até chegar em seus braços se encurvando sobre ele e logo depois colocando suas mãos encima da do rapaz.

Hidan engole em seco com aquela proximidade repentina e sente seu estomago revirar estranhamente ao sentir o perfume do moreno o embriagando por estar tão perto de seu pescoço.

-Segure-o assim...

Kakuzu falava lentamente enquanto posicionava certamente os dedos alvos de Hidan.

-Não tenha pressa, o objetivo do jogo é você ter habilidade com o taco...

Na cabeça de Hidan tudo que Kakuzu falava parecia extremamente pornográfico, e era exatamente o que o maior queria transparecer naquele simples jogo.

-Agora que está posicionado...

Ele puxa lentamente o taco para trás e volta acertando a bola branca que é arremessada precisamente para a bola de número quatro.

-É só acertar no buraco.

A bola rodou, rodou e rodou até entrar completamente dentro do buraco do canto direito.

Hidan sorriu, mas logo se arrepiou ao sentir um selinho ser depositado em seu pescoço.

-Muito bem! - Kakuzu voltou a posição normal e pegou um pequeno giz para passar na ponta do taco-Continue

Hidan procurou a bolinha branca com os olhos e quando a achou deu a volta na mesa fazendo a mesma coisa que Kakuzu disse antes, se abaixou e posicionou os dedos.

Mas quando seus olhos focaram na preciosa bolinha de número seis para acerta-la seu cérebro simplesmente decidiu focar-se nas calças de Kakuzu, precisamente “naquele” lugar, que estava bem rente ao seu campo de visão do outro lado da mesa.

Hidan corou ao ver que o mesmo estava um tanto excitado fazendo seu volume aparecer nas calças.

Ele atirou a bolinha branca, acertou a bolinha seis, mas faltou força para ela rodar até o buraco.

-Precisa se concentrar mais- Kakuzu saiu de onde estava com um sorrisinho sacana nos lábios

“Ele fez aquilo de propósito? ” –Hidan pensou saindo de onde estava

-Idiota...

Kakuzu se posiciona para jogar outra vez e Hidan começa a pensar em uma vingança contra o homem, mas seus pensamentos são bloqueados quando o moreno levanta antes de tacar.

-Eu estava pensando...- Kakuzu apoia seu peso em uma perna- Você não quer trabalhar comigo? Quer dizer, na minha empresa?

Hidan o fita imediatamente ao ouvir tal proposta.

-Colocarei você em um teste de experiência primeiro ok? Você será um dos meus secretários

-Por Jashin! Sim! Sim!- Hidan sorri de orelha a orelha- Não faz ideia de quanto tempo esperei para trabalhar lá!

“Eu sei Hidan...eu vou fazer de tudo para você realizar seus sonhos ”-Kakuzu pensa sorrindo e volta a jogar.

*

Ao chegar no quarto que dividia com a azulada Yahiko logo se jogou em sua cama tirando os tênis. Konan entrou em seguida e parou em frente ao espelho para ajeitar os cabelos chamando a atenção do líder.

“Como ela pode ser tão linda? ”- Pain pensava olhando o corpo de Konan- “ Tenho vontade de voltar a ser criança só para poder voltar a abraça-la e toca-la...mesmo sendo de um jeito inocente”

Konan o espiava pelo espelho e percebeu os olhares do companheiro sobre si.

“Aquilo que Yahiko me disse no shopping não sai de minha cabeça...como ele pode se achar feio? Ele é lindo...espera! Lindo? Eu acho o Yahiko lindo? Desde quando...? ”

Os olhares dos dois se encontram fazendo ambos desviarem o olhar e corarem.

-Eu vou tomar um banho...

Rapidamente Pain levanta da cama e entra no banheiro como um raio, deixando Konan perdida em seus pensamentos.

*

Spoiler do próximo capitulo:

-E-eu não vou mais aguentar...- ele diz arfante espremendo ainda mais as pernas

-Quando chegarmos em casa irei dar um jeito nisso rapidinho.

*


Notas Finais


Link da playlist: https://www.youtube.com/playlist?list=PLQEIvw3DZNILrqwgB5aHfZ5_6240EMFkQ

Desculpaaa se esse cap ficou meio bosta mas eu quis colocar uma "tensao sexual" no casalzinho ;u;
Gente, Não esqueçam da bola de futebol! Ela é importante aushasuhus
Gostaram? Logo logo tem mais...
Kisses no Kokoro :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...