História You are me and i am you - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Busans, Hoseok, Jimin, Namjin, Taekook, Yoonjin Irmãos, Yoonmin
Visualizações 20
Palavras 902
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, Musical (Songfic), Poesias, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Leiam as notas finais, por favor

Capítulo 4 - Ele dormiu com jimin de novo.



"Você fez o quê!?" 

Seokjin me olhou incrédulo, enquanto murmurava palavras desconexas.

As vezes, por eu ter tentado me matar milhares de vezes, eu parecia uma pessoa frágil que não aguenta nada, muito menos, fazer mal a outra pessoa.

Mas as coisas não funcionam assim; Depois daquele maldito ter me traído, eu peguei um ódio fora do comum. Eu não quero ver Jimin bem mais, espero que ele sofra bastante e nunca consiga tirar o peso da consciência.

O peso que eu vou deixar.

"Isso mesmo que você ouviu. Jimin merecia isso, não é?"

Jin negou com a cabeça repetivamente.

"Ninguém merece isso, yoongi! Você é maluco?"

Revirei os olhos, já esperando o sermão.

Será que ele não percebe que jimin fez algo muito pior? Eu só deixei ele sem gozar, porra.

"Jimin gosta de você, sabe. Ele deve ter ficado mal com isso."

"Ah, realmente gosta muito. Gosta tanto que me traiu!"

Rebati, rindo irônico. Seokjin as vezes soava tão sinico.

Ele nada falou, apenas me mandou ir arrumar minhas coisas e dormir cedo porque a viagem será amanhã.

[...]

• Muitas horas depois •

Sai do trem e vi hoseok. Assim que me viu, o mais novo me abraçou calorosamente, enquanto chorava murmurando que sentiu muito a minha falta.

Tão doce.

Espero, realmente, conseguir ser recíproco algum dia.

"Não precisa chorar, eu estou aqui."

Sorri confortante, e hoseok também.

"Enfim, vamos para o meu apartamento, precisamos conversar. Certo?"

Assenti, seguindo hoseok até o carro.

O caminho até o apartamento foi silencioso. Eu sabia que hoseok queria saber o que aconteceu, até porque, eu jamais viajaria de repente e deixaria meu irmão sozinho.

Algumas olhadas e sorrisos tímidos foi o máximo até o apartamento. Chegando lá, hoseok me ajudou com a bagagem, colocando no quarto de hóspedes.

Depois de arrumar tudo, o jung fez algumas coisas para gente comer e sentamos na mesa.

"Bom..."

O mais novo começou;

"Me explica direitinho o que aconteceu, por favor?"

"Jimin, lembra dele?"

Hoseok acenou que sim com a cabeça.

"Ele me traiu com o jungkook. Porra, eu fiquei tão mal que tentei me suicidar de várias maneiras possíveis. Seokjin preocupado, achou melhor eu voltar para daegu."

Hoseok me olhou espantado. Ele sempre soube do relacionamento complicado mas bom que eu tinha com o mais novo, acho que nem ele imaginaria alguma coisa assim.

"Eu realmente sinto muito."

Peguei nas mãos do mesmo, dizendo que eu iria esquecer tudo e que, não precisava se preocupar.

"Enfim, você sabe que eu sempre amei você, mas nunca ficaria feliz com a sua desgraça só por uma chance de me relacionar contigo."

"Eu sei, esperança."

Dei ênfase na última palavra, arrancando um sorriso tímido e uma bochecha rosada do mais novo.

[...]

Kim Seokjin; seoul

Terminei de me arrumar decidido a ajeitar as coisas, já que yoongi não mora mais aqui.

Bati na porta um pouco ansioso, Jimin abriu a mesma com o rosto inchado e uma roupa suja.

O-olhei assustado, ele estava realmente deprimido?

"O que aconteceu com você?"

Adentrei o apartamento, e um forte cheiro de bebida invadiu minhas narinas.

"Ressaca."

Respondeu seco e sorriu sem mostrar os dentes.

Estranho.

"Eu não vou brigar com você, calma."

"Faz o que quiser, só fala baixo porque jeon 'tá dormindo."

Suspirei pesadamente. Sou muito idiota de ter pensado que ele ficou realmente mal com toda aquela história. Jimin é muito insensível mesmo.

"Você já sabe que yoongi voltou para daegu?"

Jimin negou, abaixando a cabeça em seguida. Parecia estar pensando em alguma coisa, seu olhar estava bem distante da nossa conversa.

"Sabe Jimin, ele ficou muito mal quando descobriu sua traição, até tentou tirar a própria vida muitas vezes. Finalmente eu consegui controlar a situação e mandar ele para daegu, agora ele está seguro morando com hoseok. Não estrague isso, por favor, não procure ele mais."

Cuspi as palavras rapidamente. Na mesma hora que ouviu o outro nome citado, Jimin levantou a cabeça, me olhando triste.

"Espero que yoongi seja feliz... E-eu gosto bastante dele, Seokjin-ah"

Abracei o mais baixo, tentando mostrar que eu não guardava rancor nenhum, só fiquei decepcionado por tudo que tinha acontecido.

Deixei o apartamento, seguindo para casa de namjoon.

[...]

Min yoongi; daegu.

Hoseok apertava freneticamente os botões do controle, gritando desesperadamente que queria saber quais foram que apertaram para fazer o melhor comando do herói que usava no jogo.

Comecei a rir da situação. Hoseok é realmente muito engraçado, qualquer coisa que ele faça, mesmo que seja sem sentido algum, soa engraçado ao meu ver.

Ele é uma preciosidade.

Desde sempre foi assim; eu ficava mal e ele fazia coisas bobas para me fazer rir. E eu sempre admirei bastante esse lado do mais novo, ele é único.

"Você vai acabar quebrando o controle!"

Me joguei do sofá, rindo mais alto ainda quando o mais alto ficou puto e deu um tapa forte no eletrônico.

"Não quero jogar isso mais, idiota."

Ele se jogou em cima de mim, me olhando abobado.

"Você é bonito."

Sorriu, e eu apertei sua bochecha.

"Você também, bonito até demais."

O mais novo se aproximava ainda mais, mas acabou pulando de susto quando meu celular começou a apitar, indicando uma nova mensagem.

Coloquei o mesmo sentado no sofá, e desbloqueei meu celular. Era Taehyung.

[Ktaehyung] Jungkook vive me machucando, hyung.

[Ktaehyung] Ele dormiu com jimin de novo.

Meu coração se apertou ao ler aquela mensagem. Eu quis jogar o celular na parede e socar a cara daqueles dois. Mas apenas respondi a mensagem, respirando fundo para não surtar.

[Yoongi] Você é forte demais e merece amores de verdade, não ilusões fúteis de pessoas mais ainda.

[Yoongi] Você sabe, garoto, que você é bom demais para metade da cidade. Por favor, não chore por coisa boba.

[Yoongi] Seja forte, taetae!

Deixei o celular no sofá, e me arrastei até o quarto, ignorando os chamados de hoseok.


Notas Finais


Final de ano chegando e as provas também, então vou ficar um tempo sem aparecer no Spirit.

E não enjoem da fanfic, não tem interação direito porque é início, eu quero mostrar alguns personagens ocultos – que quase não vão aparecer. E a história de cada um deles.

Prometo no próximo capítulo trazer uma coisa bem boa pra vocês... Hehe.

Ah, leiam meus outros projetos, garanto que vão gostar bastante.

Até mês que vem, meus girassóis! 🌻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...